fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Streaming

A bela homenagem de Sam Mendes ao cinema

Vários grandes diretores já fizeram seus filmes considerados grandes homenagens ao cinema. Entre eles, Kenneth Branagh (Belfast), Quentin Tarantino (Era uma Vez em Hollywood), Woody Allen (A Rosa Púrpura do Cairo). E agora chegou a vez de Sam Mendes. Ele dirige e , pela primeira vez, assina um roteiro sozinho, com Império da Luz. O filme era uma grande aposta para a temporada de premiações deste anos, mas não atingiu seu objetivo. Somente receeu uma indicação ao Oscar de fotografia. Por sua atuação no papel principal, Olivia Colman foi indicada ao Globo de Ouro. Foi pouco. O filme estreia diretamente no Star Plus neste dia 26.

Império da Luz trata sobre a conexão humana e a magia do cinema. Hilary (Olivia Colman) é uma gerente de cinema deprimida, que trabalha no Império (Empire). Tudo durante a época da recessão britânica de 1981, que causou desemprego e problemas sociais no país. Hillary tem um emprego simples, vender ingressos, checar os ingressos, limpar as salas e etc. Ao seu lado, outros empregados: um gerente mal-humorado e pomposo, Sr. Ellis (Colin Firth), o dedicado projecionista Norman (Toby Jones) e os assistentes Neil (Tom Brooke) e Janine (Hannah Onslow). Mas Hilary cada vez mais entra em um profundo estado de solidão e tristeza, mesmo em tratamento. É quando o Império contrata um novo vendedor de ingressos, Stephen (Micheal Ward, indicado ao BAFTA), um jovem negro que tem uma conexão instantânea com Hilary.

O que achei?

Já aviso que é um belo filme, mas que tem inerente uma tristeza profunda. Uma época de grandes perdas, mudanças, e especialmente de um ponto sem retorno para a história do cinema. O Empire simboliza tudo isso.  Há ainda homenagens a grandes filmes da época, como Carruagens de Fogo, Muito Além do Jardim e até Loucos de dar Nó. E Sam Mendes consegue passar esse sentimento de modo muito eficiente. A história de amor de carinho entre Hillary e Stephen pode não ser entendida pela maioria, mas em momento algum soa de maneira falsa. E isso se deve muito ao trabalho de Micheal e de Olivia. Lindas e delicadas atuações que fazem uma história.

O filme tem ainda duas participações especiais, sensacionais e pequenas de Colin Firth (o gerente) e Toby Jones (o projecionista). Na verdade, o filme conta uma história que você já deve ter visto algumas vezes, mas a maneira como a conta é que é diferenciada. Acho interessante que Império da Luz tenha sido tão ignorado neste Oscar.  Talvez porque fale de passado. E todos estavam desesperados demais para se mostrarem “modernos”, votando em Tudo em Todo Lugar ao Mesmo Tempo. Pena.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Premiações

O povo de Hollywood fez a festa em Nova York na entrega do Tony, o prêmio maior do teatro. Nessa edição de 2024, The...

Premiações

Os Tony Awards 2024, principal prêmio do teatro mundial, acontecem no próximo domingo, dia 16 de junho, em Nova York. A cerimônia, que será...

Streaming

A comédia romântica Puppy Love estreou há pouco tempo na Prime Video, e chegou a ser o filme mais visto do serviço. Conta a...

Cinema

Praticamente toda a semana estreia algum filme de terror nos cinemas. E a maioria é bem esquecível. A Semente do Mal , que chegou...

Streaming

Bridgerton é uma daquelas séries que eu separo sempre um dia para maratonar e embarcar totalmente na história. Não foi diferente com a Parte...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Elisabeth Moss é uma daquelas atrizes que são ótimas em tudo que fazem. Ela foi premiada em Mad Men, The Handmaid’s Tale, e esteve...

Streaming

Há várias séries do Star Plus que são super conhecidas. É o caso de Outlander, Grey’s Anatomy ou Only Murders in the Building –...

Streaming

Eu não me lembro muito da série Shogun antiga. Era uma superprodução dos anos 80, e tinha Richard Chamberlain no papel principal de John...

Séries

É sempre difícil quando uma série que você acompanha há muito tempo termina. Fica uma sensação de vazio de não poder esperar mais por...

Cinema

O clássico A Fantástica Fábrica de Chocolate, de 1971, é um de meus filmes preferidos da vida. Mas tentei manter a cabeça aberta quando...

Streaming

Tenho achado bem interessante as produções próprias da Star Plus. Dois exemplos são o filme Perdida, que passou nos cinemas e agora está no...

Streaming

Cada vez que vejo um filme sobre um visionário que consegue fazer um produto um sucesso mundial, sempre me  pergunto o quanto daquilo é...

Streaming

Todo ano , eu faço uma listinha das melhores coisas (filmes e séries) que assisti na primeira metade do ano. Muitos são filmes do...