fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Gossip

Mais uma confusão com demissões nos bastidores de Bull!

“The Bad Client” – Bull uses the First Amendment’s freedom of speech to defend TAC’s client, a controversial news commentator blamed for a man’s suicide after she accused him on air of murder, on BULL, Monday, Feb. 22 (10:00-11:00 PM, ET/PT) on the CBS Television Network. Pictured L-R: Michael Weatherly as Dr. Jason Bull and Freddy Rodriguez as Benny Colón Photo: Screen Grab/CBS ©2021 CBS Broadcasting, Inc. All Rights Reserved

Será que pode existir série mais controversa do que Bull? A série, que é exibida no Brasil no canal A&E, é estrelada por Michael Weatherly. Já teve um escândalo no passado (mais sobre isso no fim da matéria). E agora teve mais um! O showrunner Glenn Gordon Caron, veterano de A gata e o rato e Medium, foi afastado da série após uma investigação interna. Veja o que aconteceu:

A CBS, que exibe a série, confirmou que Gordon Caron não vai trabalhar mais na série, mas não deu explicações. Segundo se sabe, houve uma investigação interna depois que vários roteiristas pediram demissão ao fim da quinta temporada. Estes teriam acusado Caron de ” estimular um ambiente de trabalho desrespeitoso”. De acordo com alegações ele era insensível e constantemente desrespeitava se time de escritores. Até o contrato de Caron com a CBS também foi terminado.  As roteiristas Kathryn Price e Nichole Millard passarão a ser co-showrunners  para a já aprovada sexta temporada .

Michael Weatherly e Glenn Gordon Caron

Mas não é essa a única mudança. Freddy Rodriguez, conhecido por The Night Shift, estava na série desde o início. Ele fazia o papel de Benny, o ex-cunhado e conselheiro de Jason Bull (Michael Weatherly). Entretanto, não houve explicação sobre sua saída. Quem sabe no futuro…

O primeiro escândalo de Bull

Eu escrevi sobre isso na época. Eliza Dushku fez algumas participações na primeira temporada da série. Deveria retornar como parte do elenco regular na segunda. Mas foi dispensada. E na época , ela disse que foi por não ter aceitado comentários sexualmente sugestivos de Michael Weatherly. Eventualmente, as partes chegaram a um acordo, e Eliza recebeu 9.5 milhões de dólares da CBS. Por causa disso, a Amblin, co-produtora também abandonou a série. Mesmo assim, mantiveram Michael Weatherly como astro. Em resposta, a chefe da CBS Entertainment Kelly Kahl deu uma resposta, digamos, interessante. “É uma série popular. A nossa audiência ama Michael. Mesmo depois das alegações, as pessoas continuaram a assistir.”

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de ler

Séries

Ser fã de séries que duram muito tempo é sempre uma tarefa difícil. Isso porque atores que você gostava, com personagens que se tornaram...

Séries

Mesmo com diversas mudanças no elenco, acusações de bullying, etc., NCIS continua firme e forte. Tem uma audiência forte, que continua a prestigiar as...

Streaming

Há pouco tempo, surgiu um rumor de que Chris Pine estaria negociando para ser O Santo em um novo filme. Isso ainda não se...

Séries

Maio é aquele mês em que você fica roendo as unhas para saber se sua série preferida foi cancelada ou não. Para os fãs...

Séries

É engraçado! Eu era super fã de Michael Weatherly em NCIS. E até antes disso, em Dark Angel (será que alguém lembra?). Mas, em...

Séries

Há alguns dias, foi confirmado que Mark Harmon havia aceitado retornar para mais uma temporada de NCIS. E por consequência a série também estava...

Gossip

Quem assiste a série Bull deve se lembrar de uma participação  que Eliza Dushku fez na série. Para quem não se lembra dela, Eliza ficou...

Séries

Depois da anunciada saída de Jennifer Esposito – o personagem dela realmente não funcionou – a produção de NCIS anunciou um novo e ótimo...