fbpx

Zumbis e morte na estreia da 9ª temporada de The Walking Dead

No último sábado,  no painel de The Walking Dead durante a Comic Con de Nova York, o público e o elenco deram o seu adeus a Andrew Lincoln. Foi um momento emocionante, e o ator ficou visivelmente tocado. É difícil dizer  como a série vai ficar sem seu astro principal. Afinal, Rick Grimes é o líder, aquele que une todos os membros do grupo, mesmo em seus momentos de maior sofrimento, e alguma loucura. Sua saída parece que será definitiva, o que significa que Rick deverá morrer . Provavelmente algo que deverá acontecer no final da primeira metade dessa temporada. A série ainda sofrerá com a saída também anunciada de Lauren Cohan, comprometida com a nova série Whiskey Cavalier. Mas nesse caso, pelo menos até o momento, aparentemente deixa as portas abertas para um retorno.

1º episódio da temporada com #Spoilers

Sim, tem #SPOILERS daqui em diante! #SPOILERS!!

Com tudo isso em mente, os fãs de The Walking Dead começaram a assistir  hoje (7) a 9ª temporada, com o episódio Um Novo Começo. Ele chega com uma nova abertura, muito bonita, que remete aos quadrinhos. Os primeiros minutos começam com  momentos que lembram aquele sonho de Carl de ambiente pacífico e de calmaria. Isso inclui Rick, Michonne e Judith com uma luz especial bem bucólica (não, não tem Negan dessa vez). Mas, é claro que o ambiente pacífico não dura muito tempo. Logo eles tem que sair numa missão junto com os outros principais – Daryl, Carol, Rosita, Maggie, Ezekiel, entre eles – para resgatar uma carroça de um museu.  Boa cena com suspense ali . Especialmente considerando que ninguém está acima da possibilidade de morrer a qualquer momento na série.

Por outro lado, essa cena tem um momento que realmente odiei – a confirmação de que Carol e Ezekiel são um casal. Difícil entender a razão pela qual os roteiristas vem há anos tentando separar Carol e Daryl, que são obviamente um casal com grande química e apaixonado. Nesse episódio chegaram ao cúmulo de  fazer com que Ezekiel pedisse Carol em casamento. Como assim? Pelo menos, houve uma conversa altamente reveladora entre Carol e Daryl. Para bons entendedores, é óbvio o sentimento. É bom ressaltar também que um diálogo entre Ezekiel e Carol tem cara daquele momento que todo mundo se lembra  quando um personagem morre. É esperar para ver.

Aquela possível revolta de Daryl e Maggie com relação ao fato de Rick ter poupado a vida de Negan (que não aparece no episódio) não se concretizou – pelo menos não criticamente. A presença de Negan entretanto é sentida. especialmente para Daryl. É óbvio que isso ficará mais forte daqui pra frente na temporada.

SUPER #SPOILER

E, é claro, no final, Maggie, sofreu mais uma traição por parte de Gregory, que quase a matou. E, com isso, ela teve que tomar uma atitude considerada extrema por alguns. Mandou enforcar Gregoryfin. Afinal, percebeu que ele não lhe daria paz enquanto fosse vivo. Essa atitude provavelmente vai ser importante no destino de Maggie  – e também na saída de sua intérprete, Lauren Cohan. Aliás, finalmente, Maggie teve o seu bebê, Hershel, nome de seu pai. E ele é muito fofo!!

No geral, o episódio foi um bom retorno para a série. Vamos ver como  as coisas vão desenrolar daqui pra frente. No painel da Comic Con de Nova York, a showrunner Angela Kang confirmou o que já se sabia, mas não oficialmente.  Jon Bernthal (Shane), Sonequa Martin-Green (Sasha) e Scott Wilson (Hershel) –  que faleceu neste sábado – ,  irão retornar à série em participações especiais. #Adorei!

A série foi exibida no canal Fox, e no Fox Premium. Também está disponível no FoxPlay. Todas as fotos deste texto são de divulgação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *