fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

A jornada de Artemis Fowl até o Disney Plus

A Disney Plus chegou no último dia 17, e já prometeu um monte de lançamentos importantes para dezembro. Finalmente a novela de Mulan vai acabar, e ele vai estrear diretamente no serviço no dia 4. O filme para família Beleza Negra vai chegar dia 18, com Kate Winslet fazendo a voz da égua. E Soul, esperada animação da Disney, estreará diretamente no serviço no dia 25.

Uma das curiosidades do novo e badalado canal de streaming é saber qual o primeiro conteúdo que o assinante assistiu. Eu já tinha visto alguma coisa que foi liberada para a imprensa antes mesmo do serviço entrar no ar. Foi o caso da primeira temporada de The Mandalorian e do musical Hamilton. Eram dois conteúdos que eu queria muito conhecer. Mas o primeiro que vi após ganhar a assinatura de um ano  – Obrigada mesmo, Disney Plus!!! –  foi Artemis Fowl – O Mundo Secreto.

O filme é uma grande produção. É baseado em uma série de livros de grande sucesso sobre um garoto de 12 anos extremamente inteligente . É o Artemis do título. No filme, ele tenta resolver o mistério do sumiço da sua família. Para conseguir seu objetivo, decide sequestrar Holly Short, uma elfa que é capitã da LEPRecon. Assim poderá conseguir achar um importante artefato pedido pelo sequestrador.

Os bastidores da saga de Artemis Fowl

Eu nunca li os livros de Eoin Colfer, e confesso que achei a trama um tanto confusa e arrastada. De qualquer maneira, pelo que pesquisei, mesmo quem leu os livros, verá que há várias diferenças no filme. E também há todo o problema dos bastidores. A ideia de filmar as histórias de Artemis Fowl começou em 2001. Mas só começou a decolar quando os direitos forma adquiridos por Harvey Weinstein – sim, ele mesmo! Em 2006, chegou a se anunciar que Saoirse Ronan seria Holly Short num filme dirigido por Jim Sheridan.

Mas nada aconteceu até que a Disney entrou na história junto com Harvey Weinstein. Só que o personagem principal parecia problemático para o estúdio com seu jeito de anti-herói malandro dos livros. Resultado: chamaram Kenneth Branagh para dirigir e mudar o tom da história. E a produção finalmente começou. Mas pensa que o drama terminou aí? Não! Veio a compra da Fox pela Disney, e pior, o escândalo de Harvey Weinstein, que acabou tendo o seu nome removido de tudo ligado a Artemis Fowl. No final, os bastidores acabaram ficando mais interessantes do que o filme. Rsrs!

A crítica

Não que o filme, que estreou direto no Disney Plus, seja ruim. O visual é maravilhoso – Kenneth Branagh é sempre ótimo nisso como diretor. O elenco tem gente incrível como Judi Dench, Josh Gad, Colin Farrell. Entretanto, a gente sabe que o filme teve várias refilmagens de cenas. Ou seja, ficou parecendo uma colcha de retalhos. Artemis ficou parecido um Frankenstein. Uma hora é um garoto insuportável, outras um gênio, outras ainda, um garotinho fofo.

A culpa nem é do garoto Ferdia Shaw (neto de Robert Shaw, de Tubarão), que faz o papel de Artemis. Parece ser mais um daqueles casos em que muita gente põe a mão, e as coisas fogem do controle. Ainda há o personagem de Josh Gad, que é o narrador, e visualmente parece o Hagrid de Harry Potter. Ele parece ter sido colocado ali para dar às crianças algo para rir, mas é sub-aproveitado. Uma pena porque ele é sempre ótimo.

O final do filme dá a entender que a ideia era que houvesse uma continuidade. Provavelmente uma franquia do tipo Harry Potter. Mas não deu certo. Isso prova que até mesmo a Disney erra de vez em quando.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Cinema

Mad Max: Estrada da Fúria foi um grande sucesso de público e crítica quando foi lançado em 2015. Na época, escrevi o seguinte na...

Cinema

É impossível não lembrar de John Wick ao assistir Fúria Primitiva. Afinal, trata-se de um filme sobre vingança , sobre alguém que  desafia os...

Streaming

A gente já viu essa história muitas vezes. O romance improvável entre estudantes ricos e pobres numa escola para milionários. Recentemente Elite fez muito...

Streaming

Houve um tempo em que Renny Harlin dirigiu grandes filmes de ação. É o caso de Risco Total e Duro de Matar 2, por...

Streaming

Eu não conhecia o romance Um Cavalheiro em Moscou. Mas me interessei pela adaptação na série do mesmo nome, que estreou ontem (17) no...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Resolvi fazer essas listas de dicas de séries ( veja os da Max , da Star Plus e da Apple TV Plus) porque muita gente me pede...

Streaming

Quando eu tinha seis anos, minha tia querida se mudou do Brasil para a Argentina. Na época, ela voltou depois de um ano para...

Cinema

Kenneth Branagh é obviamente um apaixonado pelo personagem Hercule Poirot, o detetive dos livros de Agatha Christie. Já o interpretou e dirigiu dois filmes...

Streaming

Amo musicais (isso todo mundo sabe). Adoro também biografias. Foi por isso que logo que recebi o aviso de que Quando Frank conheceu Carlitos...

Cinema

Muito comentada desde sempre, a versão live action de A Pequena Sereia chega aos cinemas nessa quinta-feira. As primeiras reações estão divididas. Há os...

Streaming

Há muitos filmes por aí com histórias que nos inspiram. Muitos deles se baseiam em histórias reais. Acho que estes se mostram ainda mais...

Premiações

Essa é a grande dúvida do ano no Oscar. Para mim, é muito difícil de escolher. Acho que tanto Austin Butler como Brendan Fraser...

Cinema

Ok, eu sei que todo mundo está amando Os Banshees de Inisherim, que estreia nessa quinta nos cinemas. O filme já ganhou três Globos...