fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Streaming

6 Emmas maravilhosas de filmes e séries

Resolvi aproveitar o gancho dos aniversários de Emma Thompson e Emma Watson (que trabalharam juntas em A Bela e a Fera) para homenagear todas essa fantásticas Emmas do cinema. E aproveito para destacar aqui filmes/ séries queridos de cada uma –  e que estão no streaming.

Emma Thompson – Razão e Sensibilidade (Netflix)

Eu simplesmente adoro esse filme (e também o livro de Jane Austen). Além de ter ganhado o Oscar pelo roteiro, Emma também concorria como melhor atriz. Após a mudança dos Dashwood para um chalé em Devonshire, Marianne (Kate Winslet), se apaixona pelo belo John Willoughby (Greg Wise) . Enquanto isso, as esperanças românticas de Elinor (Emma Thompson) com Edward Ferrars são prejudicadas devido ao compromisso dele. A cena em questão, que sempre me emociona, é quase no final, quando Edward (vivido por Hugh Grant) esclarece uma série de coisas para Elinor. A reação dela sempre acaba comigo. Rs! Leia aqui a matéria Todas as Vezes que Emma Thompson me fez chorar!

Emma Watson –  A Bela e a Fera (Disney Plus)

A história não tem grandes diferenças da que você conhece do desenho. Belle é uma moça diferente das outras jovens de sua vila, que ao salvar seu pai, acaba prisioneira de um príncipe amaldiçoado que se transformou em fera. Ele só poderá voltar ao normal quando se apaixonar e for correspondido. Emma Watson é Belle, e Emma Thompson é a Sra. Potts.

Emma Stone  – Cruella (Disney Plus)

Ambientado na Londres dos anos 70 em meio à revolução do punk rock, Cruella mostra a infância de uma garota chamada Estella, que sofre uma grande perda. Já adulta, ela é uma jovem vigarista  das ruas de Londres. Inteligente e criativa, ela está determinada a fazer um nome para si através de seus designs. Com seus dois amigos, uma dupla de jovens ladrões eles vivem de pequenos golpes. Mas, um dia, o talento de Estella para a moda chama a atenção da Baronesa Von Hellman, uma lenda fashion que é devastadoramente chique e assustadora. Só que o relacionamento delas desencadeia um curso de eventos e revelações. E estes farão com que Estella abrace seu lado rebelde e se torne a Cruella má, elegante e voltada para a vingança. Mais um filme com duas Emmas, Emma Stone no papel principal, e Emma Thompson como a Baronesa.

Emma Roberts   – American Horror Story (Star Plus)

Emma se tornou mais uma da “turma de Ryan Murphy”. Ela estrelou seis temporadas de American Horror Story, inclusive a última , a 12ª. Minha favorita continua sendo a 3ª, a das bruxas (ainda tenho que assistir essa última, a 12ª). Nela, as  únicas remanescentes dos julgamentos das bruxas de Salem, no século XV, correm risco de extinção três séculos depois. Uma escola especial de New Orleans ensina às vítimas de ataques misteriosos formas de defesa. A jovem Zoe (Taissa Farmiga) acaba de chegar e guarda um segredo enquanto a líder Fiona (Jessica Lange) volta à cidade para proteger o clã das bruxas.

Emma Mackey  – Sex Education (Netflix)

Adoro Emma num filme chamado Emily (que está nas plataformas digitais para aluguel/ compra). Mas impossível  não falar da série Sex Education, da Netflix, que lhe deu grande notoriedade. Para quem não conhece, a série começa mostrando o inseguro Otis (Asa Butterfield), que  tem resposta para todas as questões sobre sexo, graças à sua mãe (Gillian Anderson) que é terapeuta sexual. Só que, apesar disso, ele ainda não ter perdido a virgindade. Por isso, juntamente com Maeve (Emma Mackey), uma colega de turma rebelde, ele resolve montar a sua própria clínica de saúde sexual na escola para ajudar os outros estudantes

Emma D’Arcy – A Casa do Dragão (MAX)

A narrativa se baseia no livro Fogo & Sangue de George R. R. Martin. Tudo começa com a história do rei Viserys, que sem um herdeiro, anuncia que sua filha Rhaenyra irá assumir o trono após sua morte. Mas há todas as situações de bastidores, busca pelo poder, que se tornam ainda mais fortes após o novo casamento do rei, que acaba tendo dois filhos homens. E isso vai provocar uma disputa entre os meio-irmãos Aegon II e Rhaenyra.   Como descrito em Game of Thrones, no tempo em que a família Targaryen dominava os 7 reinos, a casa era conhecida por seus imponentes dragões. E que, assim como a família, acabaram praticamente extintos após esse conflito interno que começamos somente a ver nessa primeira temporada. Emma faz o papel de Rhaenyra em sua segunda fase. Ela é ótima!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Streaming

A gente já viu essa história muitas vezes. O romance improvável entre estudantes ricos e pobres numa escola para milionários. Recentemente Elite fez muito...

Streaming

Houve um tempo em que Renny Harlin dirigiu grandes filmes de ação. É o caso de Risco Total e Duro de Matar 2, por...

Streaming

Eu não conhecia o romance Um Cavalheiro em Moscou. Mas me interessei pela adaptação na série do mesmo nome, que estreou ontem (17) no...

Cinema

Filmes de fantasia, que pretendem atingir crianças e adultos, podem acertar no tom, ou não. Várias versões erraram no tom. É o caso de...

Streaming

Bridgerton é uma delícia. Gosto muito das duas primeiras temporadas. A primeira tem cenas bem quentes, a segunda é mais sensual, com um jogo...

Você também pode gostar de ler

Premiações

O oscar 2024 teve poucas surpresas. Como se esperava, Oppenheimer foi o grande vencedor da noite com sete estatuetas, inclusive filme, diretor (Christopher Nolan)...

Moda

O red carpet do Oscar teve um claro predomínio da cor preta nos vestidos. Muita gente resolveu ir pelo caminho mais certo da elegância....

Premiações

Nesse domingo tem Oscar, e mais uma vez, provavelmente, a minha opinião e a da Academia serão bem diferentes, rsrs. Quem segue o Blog...

Streaming

Todo mundo tem suas atrizes prediletas. E, ao fazer essa lista, percebi que todas as minha seis principais, são vencedoras de Oscars. Por isso,...

Cinema

Pobres Criaturas, que estreia no cinema nesta quinta, concorre a 11 Oscars. Se o Oscar fosse justo (pouco provável), levaria a maior parte deles,...

Premiações

A maioria das premiações do Critics Choice foi um tanto óbvia como já vem se desenhando há algum tempo. Oppenheimer, Succession, The Bear e...

Premiações

Hoje saíram as indicações dos dois sindicatos mais importantes de Hollywood, o dos atores e o dos diretores. E a mensagem mais clara foi...

Premiações

Já faz muito tempo que o Globo de Ouro não é mais uma prévia do Oscar. Ainda mais depois de todos os problemas que...