fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Pobres Criaturas já é um dos melhores filmes do ano

Pobres Criaturas, que estreia no cinema nesta quinta, concorre a 11 Oscars. Se o Oscar fosse justo (pouco provável), levaria a maior parte deles, inclusive melhor filme – e especialmente melhor  atriz para Emma Stone. O filme é de uma beleza ímpar, tem uma mensagem interessante, e ainda atuações perfeitas. Talvez suas duas horas e meia não sejam para todos os gostos. Mas ninguém vai deixar de rir, de ficar chocado. E ainda admirar esse belo trabalho do diretor Yorgos Lanthimos (A Favorita) , que já recebeu vários prêmios.

O roteiro se baseia no livro homônimo de Alasdair Grey e tem uma clara inspiração na história do clássico Frankenstein. Tudo se passa na Era Vitoriana e acompanha Bella Baxter (interpretada por Stone), trazida de volta à vida após seu cérebro ser substituído pelo de um feto, seu filho que ainda não nasceu. O experimento é realizado pelo doutor Godwin Baxter (Willem Dafoe), um cientista brilhante, porém nada ortodoxo. A trajetória de Bella segue com o descobrimento de seu próprio corpo, do prazer, e ainda sua curiosidade árdua pelo dia a dia e pelas reações das pessoas.

O que achei?

O filme é uma mistura de comédia, terror, ficção-científica, tudo muito bem dosado. A parte técnica é sensacional. A direção de arte é inigualável. Os figurinos, a fotografia, idem. A história se divide em vários capítulos que vão mostrando a localização geográfica de Bella. O roteiro mostra Bella como uma pessoa que vai  “crescendo” com um olhar sem censura. Com isso, exerce um fascínio sobre todos que cruzam o seu caminho.

Isso faz com que Emma Stone tenha uma das atuações mais livres e desavergonhadas que já vi na vida. Bella começa como um bebê ainda com dificuldades de andar, e de se comunicar. Vai crescendo aos poucos. A atriz não tem medo do ridículo, e muito menos de mostrar seu corpo. É uma atriz entregue ao seu personagem. Espero sinceramente que o Oscar esqueça a politicagem, e premie – pelo menos uma vez – a verdadeira melhor atriz.

O resto do elenco está divertido. Mark Ruffalo, que também concorre como coadjuvante, parece um personagem de história em quadrinhos. Passa de vilão a bufão com grande competência. Willem Dafoe, com a figura mais trágica da história, também está sensacional (também merecia uma indicação). Há ainda uma participação maravilhosa da grande atriz alemã Hanna Schygulla. Obviamente ela está com problemas de locomoção, mas isso não é um problema para ela. E isso prova que realmente não existem pequenos papéis, somente pequenos atores. Vale aqui também ressaltar a curiosíssima aparição de Margaret Qualley.

E no final…

Já aviso que é preciso ter uma mente aberta para embarcar na jornada de Bella em Pobres Criaturas. O filme critica uma sociedade hipócrita, não tem medo do ridículo, de aceitar quem é diferente. E claro, enaltece o poder dos livros. O mundo definitivamente precisa de mais Bellas para colocar as coisas nos eixos. Vale embarcar nessa!

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Premiações

Acredito que todos esses eventos da Temporada de Premiações precisam se reinventar. O politicamente correto acaba se tornando mais importante do que a melhor...

Moda

Normalmente, eu acho que é no SAG Awards que as atrizes estão mais elegantes. Não foi diferente dessa vez. Claro, há sempre os “erros...

Streaming

Eu tentei ver o primeiro episódio de Glamorous, que está na Netflix, mas achei tudo muito chato. Assim, desisti. Mas o meu amigo José...

Premiações

Neste sábado, dia 24, vai acontecer o SAG Awards 2024. Para quem não sabe, o SAG Awards é o prêmio do Sindicato dos Atores,...

Cinema

Antes da pandemia, em 2019, todo mundo estava falando sobre um “jogo” chamado Baleia Azul. Ele era um conjunto de 50 desafios diários e...

Você também pode gostar de ler

Premiações

E deu o que todo mundo esperava ! Oppenheimer ganhou o prêmio de melhor filme – e não houve mais surpresas também na premiação...

Streaming

Fevereiro começou e aqui estão as minhas dicas de filmes e séries para ver no mês- que tem um bem-vindo Carnaval no meio. Eu...

Premiações

 Saíram hoje (18) as indicações  para o BAFTA, também conhecido como o Oscar britânico. Como todos os anos, há várias semelhanças entre os indicados...

Premiações

A maioria das premiações do Critics Choice foi um tanto óbvia como já vem se desenhando há algum tempo. Oppenheimer, Succession, The Bear e...

Premiações

Hoje saíram as indicações dos dois sindicatos mais importantes de Hollywood, o dos atores e o dos diretores. E a mensagem mais clara foi...

Premiações

Já faz muito tempo que o Globo de Ouro não é mais uma prévia do Oscar. Ainda mais depois de todos os problemas que...

Premiações

O mês de setembro é aquele em que a gente já começa a ouvir falar dos filmes que serão os favoritos do Oscar do...

Streaming

Já assistiu Gêmeas: Mórbida Semelhança na Prime Video? É uma minissérie que se baseia naquele filme ótimo e perturbador com Jeremy Irons lá dos...