fbpx

A surpresa de Coringa no Festival de Veneza

O trailer de Coringa com Joaquin Phoenix já prometia um filme diferente. Quando ele foi selecionado para o festival de Veneza, foi uma surpresa. Mas creio que ninguém que acompanha cinema estava preparado para que o filme fosse o grande premiado do Festival de Veneza, o vencedor do Leão de Ouro. Isso porque é difícil que uma super-produção, ainda mais americana, ganhe um Festival como esse. Se torna sem precedentes quando o filme em questão é baseado num personagem de quadrinhos. Mas aparentemente, desde o primeiro momento de sua exibição, até o final do Festival, era perceptível que Coringa era o filme sobre o qual todos estavam falando.

Dirigido por Todd Phillips, Coringa deve seguir a carreira triunfal dos dois últimos vencedores de Veneza. Tanto A Forma da Água como Roma, acabaram sendo indicados ao Oscar – e A Forma… ganhou. Eu confesso que realmente apostava em Joaquin Phoenix como melhor ator. Mas ele não foi o escolhido. Talvez o júri tenha pensado que seria um pouco demais dar outro prêmio para o filme. No final, o melhor ator foi Luca Marinelli, por Martin Eden.

Polanski

É claro que o prêmio para Coringa, que vai estrear nos cinemas em 3 de outubro, rendeu vários comentários na internet. Mas não foi só ele. O grande prêmio do júri foi para J’Accuse, de Roman Polanski. Todo mundo sabe a história de Polanski, acusado de estuprar uma garota de 13 anos nos anos 70. Fugiu para a França e desde então não pode pisar em território americano. Polanski, um diretor sempre excelente, não foi à cerimônia. Ele corre o risco de ser preso se sair da França. Sua mulher, Emanuelle Seigner, estava lá para representá-lo. O filme conta a história do capitão francês Alfred Dreyfus, que foi acusado injustamente de traição em 1894. Ele é então enviado para a Ilha do Diabo com uma sentença de prisão perpétua. No elenco, Louis Garrel como Dreyfus, e Jean Dujardin como Picquart.

Ainda a destacar o prêmio para Barbara Paz. Seu documentário feito para o cinema, Babenco, foi também premiado em Veneza

Principais premiados em Veneza

Leão de Ouro: Coringa, de Todd Phillips
Grande Prêmio do Júri: J’accuse, de Roman Polanski
Diretor: Roy Andersson, About Endlessness
Atriz: Ariane Ascaride, Gloria Mundi


Ator: Luca Marinelli, Martin Eden
Roteiro: Yonfan, No. 7 Cherry Lane
Prêmio Especial do Júri: La Mafia Non E Più Quello Di Una Volta, de Franco Moresco
Prêmio Marcello Mastroianni (Novo Ator/Atriz): Toby Wallace, Babyteeth

Mostra Horizons
Filme: Atlantis, de Valentyn Vasyanovych


Diretor: Theo Court , Blanco En Blanco
Prêmio Especial do Júri: Verdict, de Raymund Ribay Guttierez
Atriz: Marta Nieto,  Madre
Ator: Sami Bouajila, A Son
Roteiro: Jessica Palud, Revenir
Curta-metragem: Darling, de Saim Sadiq

Leão do Futuro – Prêmio Luigi De Laurentiis para Filme de Estreia: You Will Die At 20, de Amjad Abu Alala

Documentário em Cinema: Babenco, de Barbara Paz
Melhor Restauração: Êxtase(1933), de Gustav Machaty

Fotos de divulgação e Getty Images

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *