fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Para entrar no clima de Todas as Canções de Amor

A mudança para uma casa onde uma lembrança de antigos moradores é achada já rendeu um monte de filmes dos mais diversos gêneros. Seja terror, policial ou romance, Hollywood já falou um pouco sobre quase tudo. Isso porque sinceramente não me lembro de filme algum que a lembrança deixada para trás fosse uma fita com músicas. Essa premissa foi coberta agora pelo filme brasileiro Todas as canções de Amor, que estreou essa semana nos cinemas.

Tudo começa quando os recém-casados Chico (Bruno Gagliasso) e Ana (Marina Ruy Barbosa) se mudam para o seu primeiro apartamento. Enquanto estão desempacotando as coisas, Ana descobre um antiga fita-cassete deixada por uma antiga moradora, Clarice (Luiza Mariani), fez para seu marido, Daniel (Julio Andrade), de quem estava se separando.  Ana resolve então escrever uma história sobre Clarice, enquanto as histórias dos dois casais vão se cruzar de uma maneira muito especial.

O filme mostra os dois relacionamentos paralelamente. Tanto o relacionamento de Ana e Chico, que estão apenas começando, como o de Clarice e Daniel, que mesmo ainda se gostando, estão terminando um casamento. Bruno e Marina, que serão novamente par romântico na nova novela das 9 que estreia na semana que vem, tem uma óbvia química e funcionam muito bem. Já o casal vivido por Luiza e Julio é mais problemático – em todos os sentidos. Julio está ótimo como sempre, mas Luiza, com aquela intensidade exagerada que ela imprime em cada papel que faz, torna tudo muito cansativo. Isso não é um grande problema para o filme, mas fica a sensação que poderia ter sido melhor.

O grande atrativo entretanto é a trilha sonora. Foi escolhida a dedo por quem viveu os anos 90 – época em que se passa o fim de Clarisse e Daniel. Maria Gadu assina a direção musical do filme , que tem clássicos dos mais diversos gêneros como Baby (com Gal Costa), Você não Soube me Amar (Blitz), Codinome Beija-Flor (Cazuza e Barão Vermelho) e Evidências (Chitãozinho e Xororó), entre outros. É impossível você não sair cantarolando qualquer uma delas ao sair do filme.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Streaming

Viola Davis é uma daquelas atrizes que são uma unanimidade. Todos adoram, todos acham que é uma excelente atriz. E eu me incluo nisso....

Streaming

Eu vejo muitos filmes sobre desastres. Gosto do gênero, e quanto mais impossível melhor. Tipo Terremoto: A Falha de San Andreas, ou o clássico...

Séries

A coisa está pesada nas filmagens de Justified: City Primeval, a sequência de Justified (6 temporadas disponíveis na Globoplay). Um pessoa não identificada jogou...

Cinema

A gente já viu um monte de filmes sobre pessoas sendo perseguidas por feras em um ambiente hostil. O ótimo Predador: A Caçada é...

Streaming

Eva Longoria ficou conhecida de todo o público como Gabrielle de Desperate Housewives. A série durou de 2004 a 2012, e hoje todas as...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Mesmo com o feriado de carnaval – para alguns – chegando, é interessante ver que as estreias estão bem fraquinhas essa semana. Mas, mesmo...

Cinema

Os dois filmes de Caça-Fantasmas, produzidos nos anos 80, são divertidos e deliciosos companheiros de tardes de toda uma geração. Atualmente estão disponíveis no...

Cinema

Guillermo Del Toro adora um terror. Está sempre envolvido em filmes e séries do gênero, seja como diretor ou como produtor.  Espíritos Obscuros, que...

Cinema

O feriado de Nossa Senhora de Aparecida me parece um bom dia para escrever a crítica do filme de Nossa Senhora de Fátima. Fátima:...

Cinema

O cinema de terror vem tendo cada vez mais visibilidade, mesmo em festivais e premiações. Em 2019, A Chorona, filme do gênero da Guatemala, ...

Cinema

M Night Shyamalan está entre meus diretores preferidos. Afinal, ele é o cara que fez O Sexto Sentido, Sinais, Corpo Fechado, A Vila, Fragmentado....

Moda

Que saudade de um red carpet com nos velhos tempos, né? O Festival de Cannes 2021, que terminou neste sábado (17), reviveu um pouco...

Cinema

No ano passado, eu assisti O Charlatão durante a Mostra de Cinema de São Paulo. Publiquei a crítica no Blog. Mas logo depois, hackers...