fbpx

Está chegando A Hora da sua Morte

 data-srcset

Ao contrário de Maria e João – O Conto das Bruxas, que estreou na semana passada, A Hora da sua Morte é  aquele filme similar a vários que você já viu. Posso pensar em A Morte te dá Parabéns, Linha Mortal, Amizade Desfeita, Premonição. Há elementos de todos eles em A Hora da sua Morte. Mas isso não quer dizer que não seja bom. Têm sustos, alguns momentos divertidos ( o padre é ótimo), e também uma entidade assustadora.  O filme estreia essa semana nos cinemas, e é indicado para quem gosta dos filmes que mencionei acima.

Numa brincadeira de amigos, a enfermeira Quinn Harris baixa um app, que supostamente prevê a data da morte de cada usuário.Só que quando ela descobre que tem apenas três dias para viver, mesmo  daquilo tudo, não consegue sem acreditar muito naquilo tudo, é impossível evitar uma certa inquietação. Ainda mais, quando ele descobre outros casos como o dela. E tudo ganha novas proporções quando ela a começa a ver coisas muito estranhas aparecendo à sua volta.

Mais sobre A Hora da sua Morte

Sempre digo que para quem assiste um monte de filmes de terror como é o meu caso, é bem difícil ser surpreendido, efetivamente se assustar. E mesmo tendo vários lugares comuns, além das similaridades com todos os outros que mencionei, mesmo assim A Hora de sua Morte funciona. A heroína até que é inteligente (o que é difícil nesses casos), e o desfecho semi-final é eficiente. Mas é claro que termina dando a entender que poderia ter uma sequência.

No papel principal está Elizabeth Lail, que a gente ficou conhecendo em Você, da Netflix. Ela está ótima, e ainda gostei que a persoangem é até mais inteligente que o normal nesse tipo de filme. O filme tem ainda Jordan Calloway, de Riverdale, e Talitha Bateman, de Annabelle 2 – A Criação do Mal. Como curiosidade, veja se você reconhece o pai de Quinn. Ele é Matt Letscher, o vilão de A Máscara do Zorro, aquele com Antonio Banderas…

Curiosidade

Achou interessante a ideia de um app que adivinhasse a data da sua morte? Eu não teria coragem de baixar algo assim, mesmo de brincadeirinha. Mas  a distribuidora lançou um app como o da produção. E este acaba de  atingir a marca de 1 milhão de downloads. Wow! Ele está disponível para os sistemas operacionais Apple e Android.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *