fbpx

Diversão, música e fofura em Família em Concerto, da Netflix

Normalmente não gosto de assistir sitcoms. Me incomoda um pouco aquela iluminação de novela mexicana. E também aquela “paradinha” depois de contar uma piada para que a claque possa dar risada. Mas, de qualquer maneira, há algumas delas que gosto, e assisto ocasionalmente. É o caso de Friends, The Big Bang Theory e Two and a Half Men. Resolvi então dar uma chance para outra delas. Família em Concerto estreou na Netflix este mês e tem 10 episódios de pouco mais de 20 minutos cada. Três coisas me atraíram: Katharine McPhee (Smash), Eddie Cibrian, os protagonistas, e o fato de ser musical. Não me arrependi, e fiquei com vontade de ver mais. Mas, até o momento, uma segunda temporada ainda não foi anunciada.

Família em Concerto acompanha a jovem Bailey (Katharine McPhee), uma cantora country, que perdeu tudo. O carro dela quebra na frente da casa de uma família. E quando vai pedir ajuda para chamar o guincho, acaba ficando e sendo contratada para cuidar dos 5 filhos de um pai viúvo, Beau (Eddie Cibrian). Com toda a sua determinação, a nova babá consegue se adaptar à dinâmica familiar, se tornando a figura materna que todos precisam. E eles também vão ser muito importantes para ajudá-la a retomar sua carreira.

A crítica

As semelhanças com The Nanny, a série de sucesso dos anos 80, são óbvias. Isso porque a criadora das duas séries é a mesma, Caryn Lucas. Mas também tem muito de A Noviça Rebelde e um pouco de Nashville. Afinal, a trama se passa na cidade, e Bailey é uma cantora country. Todos os problemas que me fazem não gostar de sitcoms – luz, risadas, paradinha –  estão ali. Mas a história é tão fofa e adorável, que eles ficam até em segundo plano.

Apesar das piadas serem um tanto repetitivas, especialmente com as crianças, elas são todas ótimas. Katharine McPhee tem uma voz linda e se esforça como comediante. É interessante perceber que ela engravidou no meio das gravações, e nos últimos episódios começa a usar casacos e roupas mais largas. A química dela com Eddie Cibrian é excelente, mesmo que nesse primeiro momento não seja romântica. O personagem dele tem uma namorada, muito divertida, feita por Janet Varney, a voz de Korra em The Legend of Korra. Outro destaque é um ator que eu gosto muito, Eric Balfour, de Haven, que participa de alguns episódios como Boone, o ex-namorado e parceiro de Bailey.

LeAnn Rimes

No episódio 5 tem um atrativo a mais. A cantora LeAnn Rimes faz uma fofa participação especial como ela mesma. Na vida real ela é mulher de Eddie Cibrian, o que resultou em algumas piadinhas divertidas. Os dois se conheceram e se apaixonaram quando fizeram um filme em 2009 chamado Leito de Gelo (não disponível em streaming atualmente), baseado no romance de Nora Roberts. Eles era casados com outras pessoas na época e o caso rendeu muitas fofocas. Os dois se casaram e estão juntos até hoje.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *