fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Streaming

Celine e Diane: dois documentários de mulheres fortes para ver no streaming

Vejo poucos documentários no streaming (absoluta  falta de tempo). Mas recentemente vi dois que tinham em comum o fato de contarem as histórias de mulheres famosas, que enfrentaram (ou enfrentam) a adversidade, mas demonstram uma grande força . Eu sou: Celine Dion, da Prime Video, tem feito grande sucesso, especialmente por mostrar a luta da cantora contra uma síndrome degenerativa. Já Diane Von Furstemberg: Mulher no Comando, que conta a impressionante trajetória de Diane no mundo da moda, está no Disney Plus.

Eu sou: Celine Dion

Poucas vezes vi um desapego tão grande por parte de uma pessoa famosa. Celine Dion aparece sem maquiagem aos 56 anos e fala abertamente sobre sua doença, a Síndrome da Pessoa Rígida. Ela descobriu que sofria disso em 2022, e desde então passou por fases de pioras e melhoras. Houve um momento em que tinha dificuldades de andar, com perda de equilíbrio e dor excessiva. E claro, assumindo o problema de comandar sua voz. Há inclusive um momento em que ela tenta cantar no documentário, e a dificuldade aparece. Nesse momento, ela começa a chorar e diz o quanto é difícil para ela assumir isso para o público. Eu já vi Celine Dion ao vivo num palco, e ela fazia o que queria com sua voz. Por isso, é bem claro o quanto essa situação é aterradora para ela.

Mas obviamente o momento mais chocante é um surto que ela sofre na frente das câmeras. A cena mostra Celine em uma sessão de fisioterapia, quando percebe espasmos em seu pé. A partir disso, a coisa evolui. Ela é rapidamente socorrida, mas acaba tendo uma convulsão e agoniza de dor. É aflitivo demais.

O documentário também apresenta um pouco da rotina da cantora com os três filhos. Há uma homenagem ao seu marido falecido, e até uma amostra de sua coleção de roupas guardadas num armazém enorme. A história também termina com uma nota de esperança, com Celine fazendo algumas atividades (como no filme O Amor Mandou Mensagem). É impossível não torcer por ela, mesmo que Eu sou: Celine Dion tenha momentos repetitivos, e seja um pouco cansativo. Mas a força de Celine faz com que você acompanhe a história dessa mulher tão forte

Diane Von Furstenberg: Mulher no Comando

Eu sempre fui fã dos vestidos transpassados , o grande sucesso e invenção da própria Diane. Tenho três inclusive (na época em que a cotação do dólar permitia, rsrs), E foi isso que me fez querer a história dela, contada de maneira didática no documentário Diane Von Furstemberg: Mulher no Comando. Ao contrário do doc de Celine Dion, este é leve e entretém.

Mas é claro que tem sua dose de drama. Conta a história da mãe de Diane, que foi prisioneira em Aushwitz, e saiu de lá pesando 11 quilos. Diane tem uma admiração natural pela mãe, que fica bem claro em todos os momentos de sua vida. E Mulher no Comando não se furta a mostrar toda sua história vivendo no jet set no auge dos anos 70, inclusive quando se casou com um príncipe, que lhe deu dois filhos. Também é um panorama sobre essa época do amor livre, do Studio 54, e especialmente o que a levou a criar o wrap dress, que revolucionou a moda feminina naquele momento histórico.

Diane também não se furta a mostrar o outro lado do glamour. Há os problemas com filhos, com o ex-marido que morreu de AIDS, e claro, os problemas com sua empresa, que a fez praticamente perder tudo. Mas Diane também se recupera e passa uma bela mensagem de força para mulheres empreendedoras. Não é à toa que amigas como Hillary Clinton e Oprah Winfrey falam dela com tanta admiração. E há outros, jornalistas importantes, Marc Jacobs, Christian Louboutin, todos contando histórias cheios de um certo arrebatamento. Eu gostei, e admirei ainda mais essa criadora, que fala o que pensa, e ainda dá força para outras.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Cinema

Sempre digo que a vida real nos apresenta fatos muito mais absurdos do que qualquer roteiro maluco de cinema. Isso fica evidente também em...

Cinema

Quando o primeiro Deadpool estreou lá em 2016, eu fiquei fascinada com seu humor politicamente incorreto. Tanto que o coloquei entre os meus Top...

Streaming

Em 2020, uma semana antes de tudo fechar por causa da pandemia, Aprendiz de Espiã estreou nos cinemas. Não fez um enorme sucesso porque...

Streaming

Há várias boas séries de true crime com atores (não estou falando de documentários) disponíveis no streaming. Entre as melhores estão A Escada (MAX),...

Cinema

Eu acompanhei boa parte da batalha contra o câncer de Shannen Doherty. Ela faleceu no último dia 13, aos 53 anos, vítima da doença...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Tem vários lançamentos interessantes chegando na Prime Video este mês.  Isso inclui filmes, novas séries e novas temporadas. Separei os 11 mais legais aqui:...

Streaming

E impossível pensar hoje no impacto que We are the World teve nas pessoas em sua época. Foi um tempo sem internet, sem celular,...

Streaming

Na semana passada assisti a minissérie documental Arnold, da Netflix. Em geral, assisto poucos documentários – mais por falta de tempo do que por...

Streaming

Já falei aqui que vejo poucos documentários. Muito menos do que gostaria. Mas sempre acabam entrando outras prioridades na frente. Entretanto quando as histórias...

Cinema

Na minha infância/ adolescência, eu adorava ouvir as músicas de Sidney Magal. Já adulta, cheguei a ver um show dele – e me diverti...

Streaming

Os documentários sobre estrelas de cinema disponíveis no streaming tem sido, em geral, fascinantes. Tem o de Paul Newman e Joanne Woodward na HBO...

Cinema

Eu já falei aqui que vejo menos documentários do que gostaria. Com tantos lançamentos de filmes e séries, os documentários acabam ficando para trás....

Streaming

Já disse por aqui que vejo muito menos documentários do que gostaria. Pura falta de tempo com tantos filmes e séries para ver. Ocasionalmente...