fbpx

Os meus casais favoritos de séries de todos os tempos

Ok, a gente só comemora o dia dos namorados em junho. Mas um monte de países celebra a data nesta terça-feira, 14 de fevereiro, dia de São Valentim. Nos Estados Unidos, por exemplo, o sentido é mais amplo do que aqui. As pessoas trocam cartões com amigos, familiares e, é claro, também com seus namorados, amigos, “ficantes” etc. Mas esse momento romântico em vários locais me fez lembrar de casais tão queridos de séries de TV. Para quem torce por eles, foi criada até uma expressão, shipper. Então, aqui vão aqueles que eu sempre shippei, e  me fizeram sorrir, chorar, gritar. Adoro!!!

Diz a lenda que o termo shipper foi criado na época de Arquivo X/ X-Files,  para designar os fãs que aguardaram por nove temporadas para ver os dois juntos e assumidos. Tão diferentes, mas desde o primeiro momento quando Scully (Gillian Anderson) entrou no escritório de Mulder (David Duchovny), a química já estava lá. Aguardando ansiosamente a 11ª temporada!!

Imagem relacionadaResultado de imagem para x-files mulder scully 10th season

A história de Buffy (Sarah Michelle Gellar) e Angel (David Boreanaz) parte do princípio clássico. A menina se apaixona pelo cara mais errado que poderia existir para ela. No caso, Buffy era A Caça-Vampiros e Angel era um vampiro (mas com alma, claro). O final não foi feliz, eles terminaram separados, mas a torcida foi grande. E o mais lindo dos momentos aconteceu durante a formatura.

Resultado de imagem para buffy and angel

O criador de Glee, Ryan Murphy, disse que sempre teve na cabeça a última cena da série, com Rachel (Lea Michele) retornando para Lima e encontrando Finn (Cory Monteith), que estaria lecionado em McKinley High. Infelizmente, a morte de Cory impediu esse final feliz. No final, Rachel conseguiu vencer em Nova York, se casou e até ganhou um Tony. Mas o gosto amargo ficou.

Antes do termo shipper existir, os fãs de Jaime Sommers (Lindsay Wagner) e Steve Austin (Lee Majors), os biônicos,  já torciam por eles. Lindsay deveria participar de somente dois episódios de O Homem de 6 Milhões de Dólares e Jaime morreria, como aconteceu. Só que não! A química e o personagem fizeram tanto sucesso que foi preciso revivê-la e dar uma série só para ela, A Mulher Biônica. Isso significou a separação dos apaixonados Jaime e Steve. Eles só conseguiram reatar (e casar) mais de 20 anos depois em três filmes feitos para a TV. E os fãs ficaram felizes.

Resultado de imagem para jaime sommers and steve austinImagem relacionada

Durante muito tempo houve uma crença que se você juntasse um casal em potencial em uma série de sucesso, ela começaria a degringolar. Isso era chamado de A maldição de A Gata e o Rato. Isso porque depois de finalmente juntar Maddie (Cybill Shepherd) e David (Bruce Willis), os roteiristas não sabiam o que fazer com eles. E a série rumou para o fracasso e o cancelamento. O último episódio é uma das coisas mais tristes que já vi na TV.

Imagem relacionada

Depois de tantas idas e vindas, é claro que a maioria torcia para que Carrie (Sarah Jessica Parker) e Big (Chris Noth) ficassem juntos em Sex and the City. Havia uma corrente dizendo que ele não a merecia. Bobagem! Ele foi até Paris atrás dela e a trouxe de volta para Nova York onde viveram felizes para sempre. Com alguns percalços no cinema, mas juntos  até onde se sabe…

Resultado de imagem para carrie and big

The Good Wife nunca foi assim tão popular mas Wilicia, ou seja, Will (Josh Charles) e Alicia (Julianna Margulies), sempre foram “shippados”. Eles se reencontraram depois de 20 anos, mas ela estava casada. Eles começaram a trabalhar juntos, uma coisa leva a outra. E veio a cena do elevador, a minha favorita até hoje da série.  Will acabou morrendo, Alicia sempre ficou pensando o que poderia ter sido, e ela só voltou a ser feliz quando Jeffrey Dean Morgan (Jason) entrou na história. Claro né?

Houve um momento em Lost que se criou um triângulo amoroso: Jack (Matthew Fox), Kate (Evangeline Lily) e Sawyer (Josh Holloway). Para mim, Kate e Jack sempre foram o par perfeito. Muita gente falou mal do último episódio, mas eu adorei. E seja onde for, Kate e Jack terminaram juntos.

Imagem relacionada

A química do primeiro encontro de Sookie (Anna Paquin) e Bill (Stephen Moyer) não rendeu apenas momentos incríveis em True Blood. Os dois atores se apaixonaram, Stephen se separou da mulher, eles se casaram e tiveram um casal de gêmeos. Pena que Bill e Sookie não terminaram juntos na série.

Resultado de imagem para bill and sookie

Até há pouco tempo parecia que os roteiristas de The Walking Dead estavam decididos a separar Daryl (Norman Reedus)  e Carol (Melissa McBride). Mas o episódio de retorno da sétima temporada da série dá a entender que os dois se reencontrarão em breve. Quero ver o que ele vai achar do interesse do Rei Ezequiel (Khary Payton) por ela.

Resultado de imagem para daryl and Carol

Ainda há tantos outros: Hook e Emma em Once Upon a Time, Damon e Elena em The Vampire Diaries, Castle e Beckett em Castle, Chuck e Blair em Gossip Girl,  Olivia e Stabler em Law & Order SVU, Olivia e Peter em Fringe, Olivia e Fitz em Scandal (os roteiristas de séries gostam bastante do nome, não?), Tony e Ziva em NCIS, Oliver e Laurel em Arrow (sim eu prefiro os dois do que Olicity, julgue-me!!), Walter e Paige em Scorpion (por falar nisso onde está a nova temporada, canal Sony?). Qual o seu favorito?

Imagem relacionada

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *