fbpx

A revolta com o cancelamento de Rebel!

É provável que você ainda não tenha ouvido falar da série Rebel. Isso porque ela só teve três episódios exibidos nos Estados Unidos pela ABC. Mas, desde a última sexta-feira, quando anunciaram seu cancelamento, a coisa “está pegando” nas redes sociais. Veja abaixo e entenda a situação.

Rebel é baseado na vida de uma pessoa real, Erin Brockovich. Sim , ela mesma  que foi vivida no cinema por Julia Roberts, (que ganhou o Oscar) em Erin Brockovich: Uma Mulher de Talento. Aqui na série,   eles não usam o nome de Erin, mas ela é produtora e co-roteirista. O nome da personagem é Annie “Rebel” Bello, que defende judicialmente os operários, mesmo sem ter formação em direito. Annie é uma mulher divertida, desorganizada, brilhante e destemida. Está sempre muito preocupada com as causas pelas quais luta e as pessoas que ama. O bom elenco conta com Katey Sagal (Annie), John Corbett (Grady Bello), James Lesure (Benji), Lex Scott Davis (Cassidy). E ainda, Tamala Jones, de Castle, como Lona, Sam Palladio como Luke e  até Andy Garcia como Cruz.

O uso das redes para salvar Rebel

A série tem como showrunner Krista Vernoff, ninguém menos do que a pessoa responsável por Greys Anatomy, maior sucesso da ABC. Ela recentemente renovou seu contrato com a ABC, para cuidar não só de Grey’s, mas também de Station 19 e de Rebel. Essa última obviamente era seu xodó, já que foi criada por ela. Mas a ABC já deu seu veredito, e somente os cinco episódios restantes, que já estão prontos, irão ao ar.

A primeira a se pronunciar foi a estrela Katey Sagal. Ela agradeceu a suporte de todos. “O anúncio abrupto de que não haveria uma segunda temporada baseado na resposta da exibição de cinco episódios resultou em choque e coração partido… Nós do elenco, estamos quebrando a cabeça para descobrir o que causou o reverso de suporte da ABC” . A atriz concluiu encorajando os fãs a assinar uma petição para salvar a série, e espalhar a história para outros. Você pode ver a petição aqui.

Mas não foi só isso. A criadora Krista Vernoff também ficou obviamente muito enraivecida com a situação. No Twitter, ela usou um post do site Deadline  sobre o cancelamento. O site mencionava, que mesmo com a audiência modesta, a série tinha uma boa possibilidade de conseguir uma segunda temporada. Especialmente devido à força do poder de Krista com a ABC. Ela respondeu: “Você pensaria isso, não? Você dá a ele três séries durante a pandemia, eles lhe dão cinco episódios. Legal, legal, legal”. Sim, Krista ficou bem brava…

 

Erin Brockovich

E, é claro, você acha que Erin Brockovich ficaria calada? Rsrsrs! Ela postou em seu Twitter: “O que? Você acha que NÓS ficaríamos caladas?” e compartilhou  a petição para salvar Rebel.  E continuou… ” Não se engane! Isso não é sobre uma ‘série’. É sobre ampliar  a luta pelo que é certo. Isso é sobre mulheres  fortes de meia idade  que não somem. Nós temos experiência, sabedoria & sabemos como lutar &  acabar com o status quo. ”

Acho que a ABC não imaginava a briga em que estava entrando…Esse trio me parece implacável! #Poderosas

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *