fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Premiações

Parasita, Joaquin, Renée e o momentos mais incríveis do Oscar 2020

Alguns falavam sobre essa possibilidade, mas ninguém imaginava que ela realmente poderia acontecer. O filme sul-coreano Parasita foi o grande vencedor da noite do Oscar 2020, com quatro prêmios. Além dos já esperados  melhor filme internacional, e roteiro original, Parasita levou surpreeendentemente os Oscars de melhor diretor para  Bon Joon-Ho  e de melhor filme. Foi a primeira vez em mais de 90 anos da Academia que um filme não falado em inglês conquistou o grande prêmio. Será que isso seria uma forma de protesto pelas minorias e pelos estrangeiros, um ponto que era tocado por 9 entre 10 apresentadores da noite? É possível.

Elenco e equipe de Parasita com o Oscar de melhor filme

De qualquer maneira, a festa teve essa surpresa, mas de resto foi totalmente conforme era esperado. Todos os atores que ganharam tudo na temporada de premiações também levaram o Oscar: Joaquin Phoenix, Renée Zellweger, Brad Pitt e Laura Dern.  No final, Parasita saiu da festa com quatro prêmios, e 1917 com três (mas todos técnicos).  Já Coringa( o líder em número de indicações) e Era uma Vez em Hollywood terminaram a noite com somente duas cada um.  O pior foi a situação de O Irlandês, que acabou saindo com as mãos abanando.

Destaques da noite:

  • Discursos emocionados

Os quatro atores fizeram discursos emocionados. Brad Pitt embargou a voz quando falou dos filhos. Renée falou de Judy Garland e como Hollywood a recebeu de volta de braços abertos. Joaquin talvez tenha sido aquele que ficou mais comovido. Falou sobre levantar a voz por aqueles que sofrem com a desigualdade, e ainda relembrou o falecido irmão River Phoenix. Segundo ele, quando tinha 17 anos, River  lhe escreveu: “Corra para salvar com amor, e a paz seguirá”. Mas eu confesso que fiquei mais emocionada com o discurso de Laura Dern. Ela agradeceu aos filhos, enteados, mas principalmente aos pais. “Alguns dizem nunca conheça seus heróis. Eu digo que se você é realmente abençoado, você os terá como pais. Eu compartilho isso com meus heróis atores, minhas lendas, Diane Ladd (que estava presente) e Bruce Dern. Vocês sabem. Eu amo vocês”

Laura Dern e a reação da mãe dela, Diane Ladd, na plateia

  • Números musicais

Janelle Monae arrasou no número musical do início da festa, aquele que sempre brinca com os indicados. Teve até a participação de Billy Porter. As interpretações das músicas indicadas foram bonitas, mas achei estranho que  a maioria delas não teve uma introdução do tipo “agora vamos ouvir…”. Somente a primeira, Into The Unknown, de Frozen 2, que teve a participação de dubladoras de Elza de várias partes do mundo (não, não teve a brasileira), cantando com Idina Menzel.  Foi bonito.

https://www.youtube.com/watch?v=iI_cnK_YSro

Mas ninguém entendeu muito bem o que foi aquele número musical do “renascido das cinzas” Eminem. E toda a expectativa com a apresentação de Billie Eilish foi extremamente frustrante. Não conheço muito de Billie, mas ela fazia umas caras e bocas enquanto cantava Yesterday no In Memoriam, que me davam vontade de dar risada. Isso além do que umas duas vezes sua voz não alcançou os acordes.

https://www.youtube.com/watch?v=FKmqtaxIS3Y

  • As reclamações

Teve de tudo. Natalie Portman usou uma capa no tapete vermelho que tinha bordado o nome de oito diretoras que poderiam ter sido indicadas. Mark Ruffalo, que entregou o prêmio de documentário ao favorito American Factory, falou sobre as mulheres diretoras. Já Chris Rock, que fez um dueto de abertura com Steve Martin, tocou – bastante – na ausência de atores negros além de Cynthia Erivo.

  • Cats

Todo mundo sabe o desastre que foi Cats. Então quando James Corden e Rebel Wilson, do elenco do filme, entraram vestidos como seus personagens, todo mundo caiu na risada. O texto irônico foi uma delícia.

  • Os acompanhantes

Keanu Reeves, Brad Pitt, Laura Dern e Charlize Theron levaram as mães para a festa como suas acompanhantes. Já Leonardo DiCaprio aproveitou para fazer o seu namoro com a modelo Camilla Morrone, com quem está desde 2017, oficial. Os dois entretanto não posaram juntos para fotos, mas sentaram lado a lado na premiação.

Os vencedores

Filme – Parasita

Diretor – Bong Joon-Ho – Parasita

Ator – Joaquin Phoenix – Coringa

Atriz – Renée Zellweger – Judy: Muito Além do Arco-Íris

Ator Coadjuvante – Brad Pitt – Era uma Vez em Hollywood

Atriz Coadjuvante – Laura Dern – História de um Casamento

Roteiro Original – Parasita

Roteiro Adaptado – Jojo Rabbit

Filme em língua não inglesa – Parasita

Animação – Toy Story 4

Canção – I’m Gonna Love me Again, de Rocketman

Elton John e Bernie Taupin

Fotografia – 1917

Figurino – Adoráveis Mulheres

Efeitos Visuais – 1917

Design de Produção – Era uma Vez em Hollywood

Trilha Sonora – Coringa

Cabelo e maquiagem – O Escândalo

Edição de Som – Ford vs Ferrari

Montagem – Ford vs Ferrari

Mixagem de Som – 1917

Documentário – American Factory

Curta de Animação – Hair Love

Documentário curta-metragem – Learning to Skateboard in a Warzone

Curta-Metragem – The Neighbors’ Window

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Premiações

Neste sábado, dia 24, vai acontecer o SAG Awards 2024. Para quem não sabe, o SAG Awards é o prêmio do Sindicato dos Atores,...

Cinema

Antes da pandemia, em 2019, todo mundo estava falando sobre um “jogo” chamado Baleia Azul. Ele era um conjunto de 50 desafios diários e...

Cinema

Não tenho grande conhecimento sobre animações japonesas. Nem mesmo as super elogiadas do Studio Ghibli e o diretor premiado Hayao Miyazaki. E confesso que...

Cinema

Michael Mann é um aficionado por corrida de carros. Já tinha produzido o ótimo Ford vs Ferrari ( disponível no Star Plus) . E...

Streaming

Eu tinha muita vontade de gostar da 4ª temporada de True Detective, com o subtítulo de Terra Noturna. Com Jodie Foster no papel principal,...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Michael Mann é um aficionado por corrida de carros. Já tinha produzido o ótimo Ford vs Ferrari ( disponível no Star Plus) . E...

Cinema

Zona de Interesse concorre a cinco Oscars: melhor filme, som, filme estrangeiro e direção e roteiro (ambos de Jonathan Glazer). No BAFTA, que ocorre...

Moda

O red carpet dos Grammys não pode ser levado a sério né ? Então, esqueça o quesito elegância e se divirta com os exageros...

Cinema

As histórias de amor que mais me comovem são aquelas que partem do princípio do “E se”. Esse nome me veio depois de assistir...

Premiações

E agora chega o momento novamente. Saiu a lista dos indicados ao Oscar 23/24. E, confesso, fiquei muito surpresa com alguns resultados.  Alguns nem...

Cinema

Eu admiro muito a versatilidade de Ridley Scott. Ele vai de ficção-científica (Alien o 8º Passageiro), passando pelo romance (Um Bom Ano)até um filme...

Cinema

Dinheiro e poder –  e como eles podem ser arrasadores – são um presença constante na obra de Martin Scorsese. Seja na máfia de...

Streaming

O título da matéria é uma brincadeira para o fato de qua Adam Sandler colocou toda a família em Você não tá convidada pra...