fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Uma oportunidade para conhecer o injustiçado Um Filho

Há dois anos, Florian Zeller dirigiu a versão para o cinema de uma de suas peças, Meu Pai. Foi elogiada por todos, e inclusive deu um segundo Oscar (este inesperado) para Anthony Hopkins. Com isso, todo mundo esperava com grande expectativa a versão de outra de suas peças, Um Filho. Só que a crítica americana não gostou, e o filme ficou praticamente esquecido na Temporada de Premiações – só uma indicação para Hugh Jackman no Globo de Ouro. É uma pena, pois o filme é muito bom, e a atuação de Hugh Jackman é vezes e vezes superior às de Colin Farrell e Paul Mescal, por exemplo. Um Filho estreia nessa quinta nos cinemas – e vale conhecer.

Peter (Hugh Jackman) é bem-sucedido profissionalmente, e também uma linda companheira e um filho bebê. Só que essa vida perfeita de comercial de margarina  é interrompida quando a ex-mulher Kate (Laura Dern) baté à sua porta. Ela chega com notícia que o filho adolescente de ambos está distante, e faltando às aulas. Nicholas (Zen McGrath) pede então para ir morar com o pai. Embora Peter mal conheça Nicholas, ele decide se dar uma chance e concorda em hospedá-lo. O próprio Peter tem uma relação terrível com o pai, que era cruel com ele na sua infância/adolescência. Só que Peter não tem ideia da situação que o espera.

O que achei?

Ok, Um Filho não tem a estrutura inovadora de roteiro de Meu Pai (vencedor do Oscar). Mas trata-se de um drama poderoso. Mostra principalmente aquela situação em que você não quer ver aquilo que está tão evidente para quem está do lado de fora. Peter quer ter a família perfeita e uma vida perfeita. E não consegue conceber que seu filho esteja passando pelo pesadelo da depressão. E com isso, Floria Zeller mostra um drama sólido e envolvente. A audiência tem vontade de gritar “não faça isso”, mas Peter está muito envolvido para perceber o tamanho do problema até por sua própria história.

Há uma sequência sensacional de Hugh Jackman e Anthony Hopkins como pai e filho, que é aquela em que percebemos a razão das escolhas de Peter. O filme , é claro, é uma tragédia anunciada –  e tem a reviravolta final, que se tornou uma marca registrada de Zeller. Talvez ela nem fosse necessária, mas acentua ainda mais o drama de Peter. E esse personagem dá a chance para Hugh Jackman brilhar. Ele é sempre ótimo, e é possível ver cada uma de suas leis e crenças caindo por terra com as atitudes do filho. Desnecessário dizer qualquer coisa por Anthony Hopkins. Você fica com seu rosto e suas palavras na mente muito tempo depois que o filme termina. E claro, o resto do elenco é ótimo: Vanessa Kirby, Laura Dern e o jovem Zen McGrath. Excelente drama, injustamente esquecido na Temporada de Premiações.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Premiações

Saiu a lista dos indicados ao Emmy, e, ao contrário de outras premiações, há mais séries concorrentes – especialmente porque não há mais Succession...

Cinema

O filme italiano O sequestro do Papa chega essa semana ao cinemas do Brasil. Isso depois de ter uma bela carreira em festivais e...

Séries

A Netflix soltou hoje um vídeo de bastidores de Stranger Things. A quinta e última temporada está ainda sendo filmada e deve estrear somente...

Streaming

Nesse dia 14 de julho, grande feriado francês devido à Queda da Bastilha, vale ver um filme francês, certo? Aqui estão seis filmes do...

Streaming

Hoje é dia de rock, bebê! O cinema já fez várias biografias de grandes nomes do rock. E nesse dia internacional do rock, aqui...

Você também pode gostar de ler

Séries

É sempre difícil quando uma série que você acompanha há muito tempo termina. Fica uma sensação de vazio de não poder esperar mais por...

Cinema

Eu admiro muito a versatilidade de Ridley Scott. Ele vai de ficção-científica (Alien o 8º Passageiro), passando pelo romance (Um Bom Ano)até um filme...

Cinema

Outro dia, Steven Spielberg foi filmado dizendo a Tom Cruise que ele era o responsável por salvar o cinema pós-pandemia. Tudo graças ao resultado...

Streaming

Não há um grande lançamento na Prime Vídeo esse mês, mas tem algumas coisas bem interessantes. É o Caso de Um Filho, com Hugh...

Gossip

Quem está acompanhando as redes sociais do Blog viu que, apesar de tentar duas vezes assistir The Music Man com Hugh Jackman, acabei tendo...

Streaming

Hoje vai ser dia de ver Hugh Jackman na Broadway com o musical The Music Man. Já tive a oportunidade de vê-lo antes, em...

Premiações

Ainda estamos em outubro, mas Hollywood já começa a especular quem poderá na lista de melhores do ano do Oscar. Há muita coisa importante...

Premiações

Veneza, assim como Toronto, são festivais de cinema que são ótimos para prever os indicados da Temporada de Premiações. Para se ter uma ideia,...