fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Uma Loucura de Mulher chega aos cinemas

As comédias brasileiras vêm tendo um enorme sucesso no cinema nos últimos anos. São quase sempre certeza de alta bilheteria. SOS Mulheres ao Mar, Até que a Sorte nos Separe, Se Eu fosse Você, por exemplo, inclusive ganharam sequências, que foram igualmente bem sucedidas. Amanhã (2) mais uma chegará aos cinemas: Uma Loucura de Mulher, estrelada por Mariana Ximenes.

Ela é Lúcia, uma ex-bailarina, casada há muitos anos com um político (Bruno Garcia), que agora tem como objetivo conseguir apoio para lançar sua candidatura ao governo. Só que quando Lúcia dá um tapão num senador atrevido, mas tremendamente influente (Miele, em seu último papel no cinema), o marido acha que não tem outra alternativa senão dizer que ela sofre de problemas nervosos para interna-la em uma clínica. Mas Lúcia consegue fugir para o Rio de Janeiro (claro!), e se esconde num apartamento onde passou sua infância. Lá inclusive vai reencontrar o seu primeiro amor, o cirurgião plástico Raposo (Sergio Guizé), e descobrir que a química ainda persiste. A coisa fica ainda mais confusa quando o marido aparece no Rio para levá-la de volta.

O filme não é de grandes gargalhadas. É mais de sorrisos. Em alguns momentos, o diretor Marcus Ligocki até tenta fazer uma homenagem às “screwball comedies”, ou comédias malucas, muito populares no cinema americano. Isso é claro nas cenas de perseguições e mesmo na cena do entra e sai do banheiro. Mas não consegue segurar muito tempo esse tipo de humor. Então, o filme fica um pouco sem “tom”. Isso não impede que a audiência dê algumas risadas. Especialmente com a vizinha Rita, uma divertida atuação sem-vergonha de Guida Viana.

Mariana Ximenes, também produtora, se esforça em fazer comédia, apesar de que seu personagem não é exatamente engraçado, pelo contrário. Mas faz tempo que não via uma atriz tão bem vestida num filme. Simplesmente adorei suas roupas (o macacão azul marinho é um deslumbre). A parte romântica funciona bem, com a doçura de Sergio Guizé como o eterno apaixonado. Tem direito até um final parecido com o de Golpe Sujo (uma de minhas comédias preferidas, com Goldie Hawn).

Eu tive a oportunidade de conversar com os atores principais e com o diretor para o programa Show Vip, que vai ao ar neste sábado (4) no canal Climatempo às 20 horas. Veja abaixo as entrevistas em primeira mão. Foi um papo muito gostoso!

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Streaming

Hoje é dia de rock, bebê! O cinema já fez várias biografias de grandes nomes do rock. E nesse dia internacional do rock, aqui...

Streaming

Glen Powell é o cara que está em todas. Só nesse ano, teve três filmes super comentados. Todos Menos Você, Assassino por Acaso e...

Cinema

Um de meus filmes favoritos de desastre (um gênero que gosto muito) é Twister, de 1996. Acho que tem um roteiro arrumadinho, que consegue...

Cinema

As comédias românticas encontraram uma casa – e um público fiel – no streaming . Por isso, é interessante – e uma bem-vinda surpresa ...

Cinema

Já começo avisando que Maxxxine é a parte final de uma trilogia. Apesar de ter sido filmado em ordem diferente, cronologicamente ele começa com Pearl(...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Todas as semanas quando faço as críticas de filmes e séries, sempre tento achar algo positivo, mesmo quando não gosto do filme. Entretanto essa...

Cinema

Eu não vejo boa parte dos filmes nacionais que estreiam no cinema e no streaming. Afinal, o Blog  é de Hollywood! Mas, ocasionalmente, vejo...

Cinema

Provavelmente devido ao sucesso de séries policiais, o cinema brasileiro começou a dar mais importância ao gênero. E a misturar comédia  na história. Lembro...

Cinema

O trailer e a premissa de Além do Homem, que estreia essa semana nos cinemas, pareciam bem interessantes. A história  é sobre Alberto Luppo,...

Cinema

Zoom, que estreou hoje (31) nos cinemas, é um filme bem diferente. Começa pelo início de tudo. Segundo o diretor Pedro Morelli, ele foi...