fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

A diversão gostosa de O Palestrante

Eu não vejo boa parte dos filmes nacionais que estreiam no cinema e no streaming. Afinal, o Blog  é de Hollywood! Mas, ocasionalmente, vejo alguns. Um deles foi O Palestrante, que estreia nessa quinta-feira nos cinemas.  A produção foi filmada em 2018, e com a pandemia, acaba chegando somente agora. Mas, o tempo não o prejudicou. O filme é uma comédia romântica  que com certeza fará todo mundo se divertir.  Eu embarquei totalmente.

Guilherme (Fábio Porchat) é um contador sem perspectivas que acaba de ser demitido e abandonado pela noiva. É quando ele tem que  viajar para o Rio de Janeiro com o objetivo de resolver pendências da empresa que o demitiu. Sem encontrar um rumo na vida, ele resolve trocar de lugar com outra pessoa. Em um impulso de quem não tem nada a perder, assume o lugar do tal Marcelo. O que ele não sabe  é que se trata de um palestrante motivacional contratado para animar os funcionários da empresa de Denise (Dani Calabresa). Guilherme tem que colocar todos pra cima, mas talvez ele também precise desse novo Marcelo para mudar de vida. E ao tomar seu lugar, ele vai tentar achar uma razão própria para viver.

O que achei de O Palestrante?

É preciso avisar, claro, que o filme não tem nada de especial. Mas em sua simplicidade diverte, e entretém. É muito mais do que a maioria dos filmes que a gente vê hoje em dia.  Fabio Porchat, além de ator principal, é também roteirista, juntamente com Cláudia Jouvin. O foco das piadas é obviamente essa vida de palestrante. Aquelas frases de efeito, os joguinhos bobos – bem, todo mundo que já participou de um negócio “motivacional” desses sabe o quão ridículo pode ser, rsrs (agora eu vou ser cancelada porque disse isso, rs).

Só que O Palestrante não ofende ninguém. Mostra como todo mundo quer mudar um pouco sua vida. Guilherme quer fazer coisas diferentes, Denise quer que as pessoas gostem dela. Isso sem contar o trio de funcionários feitos por Miá mello, Otávio Muller (ótimo) e  Paulo Vieira. Mas quem rouba a cena mesmo é Antonio Tabet como o motorista ogro. Ele tem as melhores piadas, e a partir do momento em que se junta com Maria Clara Gueiros, a coisa fica ainda mais divertida.  Inclusive com o ápice no terceiro ato, quando todos os conflitos se desenrolam.

Fabio Porchat é sempre uma figura carismática e divertida. Funciona muito bem como Guilherme. Conheço pouco a carreira de Dani Calabresa, mas aqui ela tenta algo diferente, sem ser especialmente engraçada. Ás vezes funciona, outras não. Mas a verdade é que no final, O Palestrante é uma comédia tão simpática, que você nem vai prestar muita atenção em um errinho aqui, outra acolá. É só deixar rolar e se divertir.

*as fotos de cena são de Ique Esteves

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Streaming

Eva Longoria ficou conhecida de todo o público como Gabrielle de Desperate Housewives. A série durou de 2004 a 2012, e hoje todas as...

Cinema

Eu sou fã de Teresa Palmer e também de filmes de terror. Então quando veio a oportunidade de assistir O Gêmeo Maligno, fui assistir...

Cinema

Muita gente está escrevendo sobre Olivia Newton-John e sua morte tão sentida, aos 73 anos. Mas, eu preferi contar uma história que conta muito...

Streaming

Confesso que nunca fui grande fã da franquia Predador. Vi o primeiro, com Arnold Schwarzenegger, e talvez mais uns dois, inclusive o último, de...

Séries

Outlander é uma daquelas séries que tem seguidores fanáticos. Há nove livros da saga disponíveis (li seis deles). E a série já foi aprovada...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Talvez os mais jovens não saibam, mas nos anos 50, Celly Campello e seu irmão Tony, foram alguns dos primeiros talentos a popularizar o...

Streaming

Vários filmes com atores isolados foram feitos durante a pandemia.  Malcom e Marie, com Zendaya (disponível na Netflix) foi um deles, entre tantos. E...

Cinema

Já faz algum tempo que não tenho mais muita paciência com filmes e séries sobre cartel de drogas. Gente feia, sem princípios. Tento evitar...

Cinema

Provavelmente devido ao sucesso de séries policiais, o cinema brasileiro começou a dar mais importância ao gênero. E a misturar comédia  na história. Lembro...

Cinema

O diretor Rene Sampaio já tinha feito um filme baseado em uma música do Legião Urbana. É Faroeste Caboclo, disponível na Globoplay, baseado na...

Cinema

Já faz muito tempo que o Brasil tenta, tenta, e não chega lá entre os finalistas do Oscar. A última vez foi no século...

Cinema

As filmagens de 4×100: Correndo por um Sonho aconteceram em 2017. O filme deveria ter sido lançado no ano passado junto com as Olimpíadas...

Cinema

Ninguém pode dizer que eu não tentei, rsrs. Quando é possível, eu tento assistir o maior número de filmes possível, independente de sua nacionalidade....