fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Socorro, virei uma garota diverte até certo ponto.

A situação de uma pessoa assumindo o corpo de outra no cinema já rendeu várias comédias boas. Duas me vêm à cabeça: Quero ser Grande, que chegou a dar a primeira indicação ao Oscar para Tom Hanks, e Sexta-Feira muito Louca, quando Lindsay Lohan ainda era ótima. E há vários outros, 17 Outra Vez, Vice-Versa, Tal Pai, Tal Filho, Coisas de Meninos e Meninas. Isso sem falar, é claro, no fofo Ela é o Cara, com Amanda Bynes e Channing Tatum. E agora, o cinema brasileiro resolveu investir nesse caminho com Socorro, virei uma garota, que estreia essa semana nos cinemas.

A história

Júlio (Victor Lamoglia) é um garoto tímido, praticamente invisível aos olhos de seus colegas de colégio. Um dia, ao ver uma estrela cadente, ele faz um pedido: deseja ser a pessoa mais popular da escola. É quando ele se transforma em uma garota, Júlia (Thati Lopes), que é extremamente popular nessa realidade alternativa. Sem saber como lidar com o corpo feminino que acabou de ganhar, ele precisa ainda lidar com a proximidade de Melina (Manu Gavassi). Ela é a garota por quem Julio é perdidamente apaixonado, e que é a melhor amiga de Julia. O único em quem ela/ele pode confiar para resolver essa confusão é seu amigo atrapalhado Cabeça (Leo Bahia).

A crítica

O filme começa bem. É até divertido nas piadas enquanto Julio descobre as vantagens e desvantagens de ser mulher. Em especial nos diálogos com o amigo Cabeça, a coisa funciona bem. E aqui fica um destaque. Ao contrário da maioria dos filmes nacionais, onde todo mundo fala parecendo frase decorada, aqui os diálogos são bem naturais. Além disso, a produção é bem cuidada, com cenografia e figurinos bem interessantes.

Dito isso, vem o problema. A partir de um determinado momento, a coisa cai para o drama, com a aparição da mãe. Totalmente desnecessário. Com 1h50m, o filme ficaria bem mais redondinho sem esses 15 minutos a mais. Além disso, a atriz Thati Lopes , da Porta dos Fundos, começa bem, mas depois fica um tanto cansativa. Parece muito um clone de Tatá Werneck. O melhor de todos  no elenco é mesmo Leo Bahia, como o amigo Cabeça. De qualquer maneira,  Socorro, virei uma garota é uma opção divertida para adolescentes. Pode ser que eles embarquem na história. Especialmente se meninos e meninas forem assistir juntos.

Ah, uma curiosidade! Thati Lopes (Julia) namora na vida real Victor Lamoglia, o Julio.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Streaming

Eu não conhecia o romance Um Cavalheiro em Moscou. Mas me interessei pela adaptação na série do mesmo nome, que estreou ontem (17) no...

Cinema

Filmes de fantasia, que pretendem atingir crianças e adultos, podem acertar no tom, ou não. Várias versões erraram no tom. É o caso de...

Streaming

Bridgerton é uma delícia. Gosto muito das duas primeiras temporadas. A primeira tem cenas bem quentes, a segunda é mais sensual, com um jogo...

Cinema

Admiro muito as canções de Amy Winehouse. E, como sempre, fico triste de ver gente com tanto talento que acaba não conseguindo suportar o...

Cinema

Há uma infinidade de filmes de terror sobre grupos de jovens que se juntam em algum lugar e resolvem mexer com coisas que não...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Há alguns anos, fui assistir O Mágico de Oz no Vivo Open Air. E antes do filme, foi exibido um curta-metragem chamado Dá Licença...

Cinema

O Star Entretenimento tem produzido alguns filmes brasileiros interessantes , como é o caso do ótimo Perdida (disponível no Star Plus). Agora está chegando...

Streaming

Não importa como você chama. Os biscoitos, bolachas, cookies, são uns queridos para as tardes em casa. Segundo uma pesquisa da ABIMAPI que eu...

Gossip

Amanda Bynes estava programada para aparecer na convenção 90sCon. Só que acabou cancelando no último minuto. E no último domingo, foi vista andando nua...

Cinema

David O. Russell dirigiu um filme que eu adoro chamado Trapaça (está no Paramount Plus). Concorreu a 10 Oscars, mas acabou levando zero para...

Cinema

Duetto me chamou a atenção por ter boa parte de sua trama passada na Itália. Mais especificamente na região da Puglia, em Bari. Tive...

Cinema

Você com certeza já ouviu falar das fofocas de bastidores de Não se Preocupe, Querida. O filme, que estreia nessa quinta nos cinemas brasileiros,...

Cinema

Eu não vejo boa parte dos filmes nacionais que estreiam no cinema e no streaming. Afinal, o Blog  é de Hollywood! Mas, ocasionalmente, vejo...