fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Novas tensões e sustos em Um Lugar Silencioso – Parte 2

Em 2018, eu fiquei extremamente impressionada com Um Lugar Silencioso (disponível no Paramount Plus). Toda a tensão, o uso do som (ou a falta dele), mostravam um filme diferente de tudo. Inclusive o escolhi como o melhor daquele ano (eu e a BBC, rs). Quando a Paramount anunciou que teria uma sequência, fiquei pensando quais caminhos seriam escolhidos. Afinal o primeiro era tão redondinho! Um Lugar Silencioso – Parte 2 foi o primeiro grande filme a ser adiado por causa da pandemia. Depois de um ano e meio de espera, ele chegou. Estreia nos cinemas nesta quinta (22). Vale ser visto, especialmente no cinema, onde o som e a imagem envolvem você totalmente.

O filme começa com um flashback, o dia 1. A vida está normal, e toda a pequena cidade está num jogo. É quando os monstros começam a chegar. É uma sequência perfeita. Impossível não pular na cadeira! Confirma o grande talento de John Krasinski não só como ator, mas também como diretor. A partir daí, o filme retorna para o imediato momento pós-final do primeiro. A família Abbott precisa enfrentar os terrores do mundo exterior. E também tem que continuar a luta pela sobrevivência em silêncio.  Mas, eles não estão mais sozinhos nessa história. E vão enfrentar separados momentos de grande perigo.

A crítica

Já aviso: o filme vai lhe dar vários sustos. Também aviso: ele não tem a intensidade e nem a novidade do primeiro. Mas, de qualquer maneira, está na minha lista dos melhores que já vi este ano. Tem muito suspense (o flashback é fantástico).Dá a oportunidade para a ótima Millicent Simmonds (que é surda na vida real) a brilhar  como a protagonista da história. Aliás, é preciso falar do elenco. Millicent, Emily Blunt, Noah Jupe estão excelentes novamente. John Krasinski aparece pouco – só no flashback –, mas mesmo assim deixa sua marca. Cillian Murphy e Djimon Hounson entram para o elenco, e são competentes, como sempre.

 

É difícil competir com um filme tão perfeito quanto o primeiro. John Krasinski, que também é o dono da ideia desse segundo roteiro, faz algo que normalmente eu não gosto. Ele separa o núcleo, ou seja, divide a família. Mas, mesmo assim, o filme funciona. E muito. Os monstros continuam aterrorizantes, a história continua envolvente. É um prazer de ver!

Um Lugar Silencioso – Parte 2 foi um enorme sucesso nos Estados Unidos. A Paramount inclusive já anunciou um terceiro filme, sem Krasinski na direção e sem Emily Blunt. Mas tudo bem! A grande verdade é que os dois Um Lugar Silencioso já abriram um universo fascinante pronto para ser mais explorado. E eu quero ver!

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de ler

Cinema

Deserto Particular, o candidato do Brasil, ficou de fora do pré- finalistas ao Oscar de filme estrangeiro. Mas O Homem Ideal, representante da Alemanha,...

Cinema

Normalmente a gente espera que filmes de Natal sejam fofinhos e bobinhos, como Um Castelo para o Natal da Netflix, que assisti ontem. Tem...

Streaming

Muito bom voltar a fazer o vídeo da semana depois da viagem. Perdi alguns filmes como King Richard, mas deu tempo de chegar para...

Streaming

Há um bom tempo que ouço falar do filme romântico Além das Montanhas. É claro que me deixou curiosa. Afinal, o casal principal é...

Premiações

Sempre falo que o People’s Choice Awards tem um lugar especial no meu coração já que foi a primeira premiação que estive. E foi...

Cinema

Mesmo com seu 69 anos, Liam Neeson não para de trabalhar. Ele já anunciou que não quer fazer mais filmes de ação, porque realmente...

Cinema

Já faz muito tempo que o Brasil tenta, tenta, e não chega lá entre os finalistas do Oscar. A última vez foi no século...

Cinema

Wes Anderson tem um estilo todo especial. Tem pelo menos uma grande obra-prima, Ilha dos Cachorros (disponível no Star Plus) . Também tem outros...