fbpx

Moana é uma nova princesa de sucesso para a Disney

Eu adoro as princesas da Disney, desde as mais românticas como Aurora de A Bela Adormecida até a minha favorita, Mulan. E agora mais uma vem se juntar ao grupo, campeão de vendas de licenciamento. Moana: Uma Mar de Aventuras, que chega hoje aos cinemas, e´ uma princesa diferente. É polinésia, defende sua ilha com fervor, e tem a ajuda dos oceanos para salvar seu reino. Não sei sobre os meninos, mas as meninas vão amar essa história de um colorido tão lindo que, como sempre nas histórias da Disney, fala sobre a importância de ir em busca daquilo em que você acredita.

Imagem relacionada

Moana é apresentada ainda bebê (muito fofa!), quando se torna “a escolhida” pelos mares. Depois, já adolescente com 16 anos, sai em uma perigosa aventura pelo Oceano Pacífico para desvendar o mistério que envolve seus ancestrais. Durante esta grande jornada, ela encontra o “espirituoso” e poderoso semideus Maui (voz de Dwayne Johnson na versão original) e, juntos, para salvar o mundo como conhecem, os dois embarcam em uma viagem cheia de ação, enfrentando criaturas inusitadas, algumas até ferozes, e muita diversão.

Eu vi no cinema na versão dublada com o astro de musicais Saulo Vasconcelos dublando Maui, que está ótima. Mas senti falta de poder ouvir a voz de Dwayne Johnson como Maui e também da novata Auli’i Cravalho, que na época tinha 14 anos, selecionada entre milhares de candidatas numa busca global da Disney, inclusive a cantora do Fifth Harmony, Dinah Jane. Pena que é tão difícil achar uma sala com a versão legendada do filme, especialmente com músicas tão bonitas de Lin-Manuel Miranda, famoso pelo musical da Broadway, Hamilton. Uma delas, How Far I’ll Go, concorre neste domingo ao Globo de Ouro de Melhor canção. É a minha favorita!

Com uma personagem forte, um semideus divertido, músicas viciantes e toda o “modo de vida Disney” ao seu lado, Moana tem tudo para ser um grande sucesso aqui no Brasil. O filme foi lançado nos Estados Unidos no final de novembro e já rendeu mais de 213 milhões de dólares. Não é tanto quanto Zootopia e Procurando Dory, mas é a 12ª do ano. E as meninas adoram! Só senti falta de mais cenas com o fofo porquinho Pua, apesar do frango doido Heihei ser hilário.

Imagem relacionada

Ah, e chegue cedo ao cinema, antes das sessões de Moana será exibido o curta Cabeça ou Coração, mais um daqueles momentos brilhantes da Disney. Ele é o trabalho do diretor brasileiro estreante Leo Matsuda (storyboard artist de Operação Big Hero e Detona Ralph) combinando CG e animação tradicional desenhada à mão.  Conta a história da luta interna entre o lado lógico e pragmático de um homem e sua outra metade aventureira e livre. É muito lindo!

Resultado de imagem para leo matsuda trabalho interno

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *