fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

As estrelas são o destaque de Cidades Irmãs do Lifetime

O canal Lifetime tem vários filmes que são um sinônimo de “prazer com culpa”, rs. É só ver alguns dos títulos: Meu Marido, Meu Assassino; A Vida Secreta das Cheerleaders; Uma Babá Criminosa. Mas, de vez em quando, o canal também programa filmes sérios e interessantes. É o caso de Cidades Irmãs, que será exibido nesta sexta (16), às 22h40. Mas a principal atração, é claro, são as atrizes. Seleção para nenhum fã de série botar defeito. Troian Bellisario (Pretty Little Liars), Michelle Tratchtenberg (Buffy: a Caça-Vampiros), Jess Weixler (The Good Wife) e, claro, Stana Katic (Castle).

Elas fazem o papel de quatro irmãs, que tem nomes de cidades. Carolina (Stana), Dallas (Michelle), Baltimore (Troian) e Austin (Jess). Cada uma tem um pai diferente, e o único que é mostrado em Cidades Irmãs é o pai de Austin. Ele é feito por Alfred Molina, que é produtor do filme. Na verdade, Austin é a única que morava com a mãe (feita pela sempre ótima Jacki Weaver). Ela liga para as irmãs para avisar que houve um acidente e que a mãe está morta. Quando elas chegam descobrem que ela está morta sim, mas dentro da banheira. A casa está uma nojeira, e nem chamaram a polícia ainda. Mas as irmãs começam a conversar – e beber bastante. Logo as quatro descobrem um segredo que pode abalar a família e separá-las para sempre.

A crítica

Tudo se passa entre um final de tarde e uma noite dentro de uma casa. É quase um teatro filmado, apesar de ter alguns flashbacks que ajudam a entender um pouco mais sobre a história das irmãs. E especialmente o que resultou no momento presente. Cidades Irmãs é claramente um melodrama “raiz”, que vai funcionar para quem gosta do gênero. Claro, há alguns momentos de humor, especialmente nas mãos de Michelle Tratchtenberg.  No início é um pouco lento, mas se você conseguir passar por isso, terá a oportunidade de ver belas atuações. Em minha opinião, os grandes  destaques  ficam com Jacki Weaver e Stana Katic. Na época (2016), Stana estava estrelando Castle, e aqui faz uma personagem bem diferente da detetive Becket. Vale conhecer!

O filme tem duas curiosidades. A casa onde tudo acontece é a mesma onde Sarah Michelle Gellar  é perseguida pelo assassino de Pânico 2. E Kaia Gerber, ilha de Cindy Crawford, e hoje modelo de sucesso,  faz sua estreia como atriz como a jovem Carolina, em uma cena.

 

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de ler

Cinema

Nesses tempos em que vivemos, tenho tentado evitar assistir filmes sobre grandes dramas pessoais. Especialmente os que tem a ver com doenças, ou pessoas...

Cinema

Talvez você já tenha lido algum livro escrito por V. C. Andrews. Ela gosta de escrever romances sobre famílias meio estranhas, rsrs. Suas obras...

Cinema

A gente não tem carnaval esse ano. E, só de raiva (rs), a gente pode fazer uma maratona daqueles filmes da linha “prazer com...

Gossip

Há algumas semanas, aqui nas redes sociais do Brasil, mulheres começaram a postar fotos com o hashtag #desafioaceito. A ideia é fazer uma corrente...

Séries

Quando comecei a ver a primeira temporada de Absentia (disponível na Amazon) há três anos, foi única e exclusivamente por causa de Stana Katic....

Séries

O ator Álvaro Morte ficou conhecido por todo o grande público como o Professor de La Casa de Papel, grande sucesso da Netflix ....

Cinema

A primeira coisa que me chamou a atenção quando ouvi falar de Mistérios do Universo foi seu elenco. No papel principal estava Patricia Clarkson,...

Cinema

O primeiro filme de terror O Grito é japonês. Escrito e dirigido por Takashi Shimizu, fez um grande sucesso lá em 2003. Tanto que...