fbpx

Previsões sobre o final da primeira parte da temporada de The Walking Dead

Nem parece que  já se passaram sete episódios e chegamos ao final da primeira parte da quinta temporada de The Walking Dead. É isso mesmo. Hoje, domingo (30), o episódio  Coda, será exibido nos Estados Unidos. Amanhã, segunda-feira, o canal Fox vai mostrá-lo por aqui às 22.30, com reprise no dia 2. Depois, o jeito vai ser aguentar o suspense, pois a série só voltará em fevereiro. Mas o que podemos esperar de Coda?

Semana passada vimos Rick (Andrew Lincoln) e Daryl (Norman Reedus) liderando um grupo ao preparar a invasão ao hospital onde Carol (Melissa McBride)  e Beth ( Emily Kinney )estão sendo mantidas prisioneiras. Enquanto isso, Michonne  (Danai Gurira) ficou com Carl (Chandler Riggs) guardando a igreja mas o pastor Gabriel (Seth Gilliam) fugiu. E o casal Glenn (Steve Yeun) e Maggie ( Lauren Cohan) continuava acompanhando o grupo que acabou de descobrir que a história de  Eugene (Josh McDermitt) não passava de uma farsa.

A sinopse oficial do episódio é a seguinte: “Os novos inimigos desrespeitam regras e a moral; apesar de Rick desejar um acordo pacífico, os inimigos parecem preferir uma resolução mais violenta”. Humm, se não fosse assim não seria The Walking Dead, certo?

O que deverá acontecer? Muito já se falou sobre uma entrevista onde Norman Reedus disse que chorou por uma hora para conseguir fazer uma determinada cena. Ele também mencionou  que haverá um momento muito trágico para Daryl. A própria produtora executiva, Gale Ann Hurd, declarou: “Eu diria que você deve ter um cinto de segurança em seu sofá e vários lenços por perto!” O criador da série, Robert Kirkman, também disse que Coda será “mortal” e que  também que foram usados cerca de 800 zumbis somente para esse episódio…

Pelos comerciais exibidos nos Estados Unidos, algumas coisas já podem ser  destacadas. Padre Gabriel volta a se reunir com Michone, Carl e Judith. Mas eles estão fora da igreja e com olhares assustados. Glenn e Maggie são mostrados dentro de um veículo mas cercados por zumbis. E de acordo com o site The Spoiling Dead Fans (que normalmente acerta), Beth deverá morrer no episódio. O ator Scott Wilson (Hershell). que teve uma morte trágica também no final de uma primeira metade de temporada, foi visto no set do hospital. Será que Beth tem uma visão do pai antes de morrer? Hummm…

De minha parte, vou estar torcendo para que a parte “mortal” não tenha a ver com Carol, um dos melhores personagens da série, ao lado de Daryl.  Uma coisa é certa. A história do hospital termina  para que uma outra comece na segunda parte da temporada,  conforme Gale Ann Hurd mencionou na Comic-Con. Será que todos vão se juntar novamente e vão para Washington? E cadê o Morgan (Lennie James), que reapareceu no primeiro episódio e depois nunca mais?

 

Existem 1 comentários

  1. kako thowroz, carlos hemrique |

    o que deve acontecer é que rick reconhecerá a tal policial, ela não é uma má pessoa e por consequência deve arriscar a vida para ajudar o grupo de rick, mas infelizmente não consegue impedir uma more trágica ( beth) , daryl se sentindo culpado decide sair do grupo com carol, que ja esta normal, os dois saem da rota do grupo de rick e começam a criar um próprio grupo

    se eu estiver errado, a morte será de carol, ainda na cama , ela se transforma em um zumbir e ataca alguns policiais e rick terá a difícil tarefa, matou a filha, que mate a mãe.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *