fbpx

O porquê você deve maratonar Lucifer na Netflix

 data-srcset

Faz muito tempo que falo sobre Lucifer – a série. Mesmo antes da primeira temporada começar a ser exibida por aqui, eu já havia feito matérias sobre ela. Essa aqui foi veiculada quando a primeira temporada estava para estrear no Canal Universal – https://www.blogdehollywood.com.br/seriados/enfim-lucifer-chegou-a-tv/. Também fui defensora ardorosa da campanha #savelucifer, que aconteceu depois que o canal Fox anunciou que iria cancelar a série depois da terceira temporada. E como a Netflix já sabia do potencial da série em vários territórios onde a exibia, ela foi a responsável pelo “salvamento” de Lucifer. Nesse mês de maio, a 4ª temporada, já produzida pela Netflix, e agora exibida exclusivamente, estreou com 10 episódios. E o que achei?

O que acontece?

Eu adorei!!! Acho que é a melhor temporada. É claro que é meio complicado comparar uma temporada com 22 episódios com outra de 10. Não é preciso muita “enrolação”, ou dispender tanto tempo nos casos. Afinal esses personagens da série são tão ricos, tão especiais, que só os seus próprios conflitos já atraem a atenção do público. E nessa temporada, todos tem os seus grandes momentos. Maze está dividida entre o bebê de Linda e uma nova paixão. Amenadiel fica completamente envolvido com a ideia de ser pai, enquanto Linda está apavorada com a ideia de ser mãe. Dan ainda nãos e recuperou da morte de Charlotte. E Ella Lopez terá experiências super novas em alguns trabalhos de campo. E, é claro, tem a história de Chloe e Lucifer.

Depois que Chloe finalmente viu a verdadeira face de demônio dele, ela resolveu sumir por um tempo. E agora de volta, os dois tem que enfrentar a situação. E o pior acontece quando uma antiga namorada de Lucifer reaparece. E bote antiga nisso. É ninguém menos do que Eva (a ótima Inbar Lavi, de Prison Break), isso mesmo, aquela do paraíso, disposta a reconquistá-lo. A temporada investe bastante nisso e também na busca de Lucifer de saber qual é seu verdadeiro papel, se o terrível cara que Eva se lembra, ou a pessoa mulher que ele se tornou ao lado de Chloe. É óbvio que a gente sabe a resposta. Além disso, há também uma profecia assustadora, e um padre enlouquecido, vivido por Graham McTavish, o Dougal McKenzie de Outlander.

E agora, Lucifer?

Lucifer ainda não recebeu a notícia de renovação para uma 5ª temporada. Segundo os produtores, a Netflix estaria esperando os resultados do primeiro mês  para dar o sinal verde ou não. Isso será logo, na primeira semana de junho. É provável que as notícias sejam boas já que logo no fim de semana, Lucifer foi a série mais maratonada segundo o aplicativo TV Time. Apesar de que o final poderia funcionar como um final de série – mesmo que não seja aquele que a maioria esperava. Entretanto, a gente quer mais, né?

Fotos de divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *