fbpx

Nova série, entrevista, e um novo momento para Selma Blair

Eu acompanho sempre no Instagram os posts feitos por Selma Blair. Acompanho sempre sua luta contra a esclerose múltipla, que ela descobriu que tinha há pouco menos de um ano. É comovente. Selma trata toda a situação com grande coragem, e até um incrível bom humor. Nessa semana, ela foi capa da revista People, detalhando sua história, e em especial, a importância de sua filho Arthur, de 8 anos.

“Minha doença não é uma tragédia, mas eu digo a mim mesa: ‘Você terá que viver de uma forma para que sirva de exemplo para você mesma e para o seu filho'”. Arthur é filho do fashion designer Jason Bleick com quem Selma Blair se relacionou de 2010 a 2012. “Nós temos um acordo de custódia flexível e jason tem uma enorme participação na vida de Arthur. Ele comparece muito. Eu estou realmente orgulhosa de nós. ” Além disso, Arthur tem demonstrado  ser uma enorme força para a atriz, “ele viu muita coisa”. Isso inclui quedas de escadas, e indisposições constantes.

Esclerose Múltipla

Para quem não sabe, a esclerose múltipla é uma doença autoimune que afeta o cérebro, nervos ópticos e a medula espinhal (sistema nervoso central). Isso acontece porque o sistema imunológico do corpo confunde células saudáveis com “intrusas”, e as ataca provocando lesões. O sistema imune do paciente corrói a bainha protetora que cobre os nervos. Ao longo do tempo, a degeneração da mielina provocada pela doença vai causando lesões no cérebro, que podem levar à atrofia ou perda de massa cerebral.

Um novo momento

A atriz  postou recentemente sobre um novo momento de seu tratamento. Ela estava em um hisospital e foi liberada. “Hoje é um marco. Fui liberada do cuidado de uma grande equipe de enfermeiras e de um visionário ‘Dr. Who” que acredita na minha cura tanto quanto eu. É um processo. E continua sendo um processo. Serei  imunodeficiente pelos próximos três meses, ao menos, por isso, nada de beijos”. A foto de Selma a mostra com a cabeça raspada como parte do tratamento.

Outra Vida

Essa semana estreou a série Outra Vida na Netflix. Foi durante a pré-produção que Selma Blair descobriu a doença. E os produtores deram força e a mantiveram na série, mesmo com todas as situações adversas. Uma atitude admirável.

” Eu estava nessa prova de figurino há dois dias. E sinto uma gratidão imensa. Tão profunda que decidi compartilhar. Essa maravilhosa figurinista #Allisaswanson não cria somente as roupas que #HarperGlass irá vestir na nova série da #Netflix, mas ela delicadamente coloca minhas pernas dentro das calças, coloca os tops pela minha cabeça, abotoa meus casacos, e oferece seu ombro para que eu consiga ficar ereta. Eu tenho #esclerosemúltipla. Eu estou em exacerbação (aumento da gravidade da doença).”

“Pela graça de Deus, pela força de vontade e ainda compreensão dos produtores da Netflix, eu tenho trabalho. Um trabalho incrível. Eu estou incapacitada. Eu caio algumas vezes. Eu derrubo as coisas. Minha memória está confusa. E meu lado esquerdo atende as direções de um GPS quebrado. Mas nós estamos indo em frente. E eu rio e não sei exatamente o que farei mas darei o meu máximo.”

Em Outra Vida, Selma é uma influencer/jornalista no futuro. A primeira cena da série é com ela. Enquanto grava um vídeo, vê a chegada de um objeto extraterrestre. É possível perceber, se olhar atentamente, um leve “desbalanceamento” enquanto ela atua. Mas isso pode passar de maneira imperceptível pela maioria. Seu personagem é importante na série. Esse enorme artefato alienígena que ela vê pousa na Terra. Niko Breckinridge (Katee Sackhoff) tem de liderar uma missão interestelar para rastrear sua origem e fazer contato com os extraterrestres.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *