fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Séries

As mães mais marcantes da TV

Você provavelmente já comemorou o dia das mães agora. Mas para fechar o dia, achei que nesta data valeria também lembrar as mães das séries de TV. Já faz algum tempo que a visão do papel de mãe nas séries  mudou bastante. Vai longe o tempo em que Lucille Ball era a mãe amorosa que não trabalhava fora em I Love Lucy. Ou quando June Lockhart tinha uma função meramente decorativa em Perdidos no Espaço. Hoje para comemorar o dia, fica nossa homenagem mostrando estas  mulheres tão especiais. Para o mal e para o bem, as mães das séries de TV podem ser tudo, mas fazem qualquer coisa por seus filhos.

Victoria (Madeleine Stowe) em Revenge

Poderosa, Victoria grayson tem dois filhos:Daniel e Charlotte. Ela é a grande inimiga da principal personagem da série, Emily Thorne. Máe protetora, ela é também exigente e manipuladora. Mas está sempre linda e com um sorriso falso nos lábios. A personagem também trouxe o sucesso de volta a Madeleine Stowe, ótima, mesmo com um certo excesso de botox e preenchimento.

Alicia (Julianna Margulies) em The Good Wife

Ela era uma mãe totalmente dedicada aos filhos e ao marido. Até que descobriu que o marido político tinha encontros frequentes com prostitutas. Ela então resolveu voltar a trabalhar como advogada e mudou totalmente seu estilo de vida. Não só se tornou uma grande profissional como também teve um caso com seu chefe. Mas a relação com seus filhos (Zack, na foto, e Grace) e preservá-los dos problemas sempre foi sua prioridade. Julianna Margulies foi premiada inúmeras vezes por sua atuação como Alicia. Sua interpretação é sempre um primor, sempre brilhante.

Christy (Anna Faris) em Mom

Quando se fala em mães fora dos padrões, com certeza Christy é um destaque. Ela foi mãe muito nova e agora vive com sua mãe, a não menos divertida Bonnie e a filha hoje adolescente Violet. As três, é claro, vivem se metendo em confusões no dia a dia.A série além de divertida, consegue também ter momentos tocantes.

Anna Faris como Christy é uma surpresa. Para quem já a conhecia de outros filmes, é muito interessante ver seu talento para comédia especialmente em suas cenas com a ótima Allison Janney. As duas mães da série são ótimas!

Martha (Susan Sullivan) em Castle

A mãe de Castle foi apresentada originalmente como uma atriz veterana meio louquinha com um cabelo vermelho e um modo de vestir ultra colorido. Só que com o tempo, Martha Rodgers provou ser muito mais. Ela dá conselhos valiosos . para  Castle (Nathan Fillion, na foto com Susan) e para a neta Alexis (Molly Quinn). O jeito maluquinho está lá mas é fácil de ver que por baixo tem uma mulher inteligente e com uma incrível percepção das coisas.

Susan Sullivan é uma veterana de cinema e TV. Teve um grande sucesso nos anos 80 com a série Falcon Crest. Seu talento ajudou a transformar um personagem menor em Castle em uma grande interlocutora dos principais personagens.

Cersei (Lena Headey) em Game of Thrones

Ela é má, louca, tem um caso com o próprio irmão. Mas na cena da morte de sue filho, o muito mau rei Joffrey, el demostrou um sofrimento e uma dor lancinantes. Mas nada a impede de continuar seus maquiavélicos planos políticos para atingir seus objetivos

Lena Headey não é uma grande atriz. Parece que tem sempre a mesma expressão de quem está planejando algo terrível no rosto. Isso, no entanto, funciona perfeitamente para o papel de Cersei. Seu personagem com isso é um dos grandes destaques da série.

Emma (Jennifer Morrison) em Once Upon a Time

Emma entregou seu filho para a adoção quando era muito jovem. Só que ele foi atrás dela para salvar a cidade de Storybrooke, onde todos os personagens de contos de fadas estão presos  sem saber quem são. Só que Henry foi adotado pela rainha Má. Nesta temporada, Henry foi raptado e está na terra do Nunca. Então emma, sua mãe branca de Neve, a Rainha Má  e o capitão Gancho  se juntam para salvar Henry. Sim , você leu certo…

Jennifer Morrison era uma atriz reconhecida como coadjuvante de House. Com Once Upon a Time, ela foi elevada ao status de estrela. As vezes acho que ela está um pouco envelhecida para o papel. Mas no final, ela acaba convencendo , especialmente quando tem que enfrentar Lana Parrilla como a rainha Regina ou apontar uma adaga para quem pode prejudicá-la.

Lady Cora Crawley  (Elizabeth McGovern) em Downton Abbey

Sempre doce,mas as vezes um pouco ingênua, Lady Crowley é uma figura chave para resolver vários dos conflitos sempre presentes na mansão. Seja como interlocutora das três filhas, do marido ou mesmo dos empregados, ela é uma personagem muito querida da série.

Elizabeth McGovern era um dos rostos mais lindos do cinema quando apareceu em Na Época do Ragtime. Ficou um tempo sumida fazendo participações menores e acabou ganhando o papel depois da recusa de Gillian Anderson. A série foi esse sucesso que todo mundo conhece e ela se deu muito bem.

Frankie (Patricia Heaton) em The Middle

Confesso que as vezes the Middle me deixa nervosa. Toda aquela neurose parece um pouco demais. mas é impossível não rir com Patricia Heaton como Frankie, a mãe de família. Ela é o mais próximo daquela mãe do início, com a diferença que é muito mais atuante e chave para o dia a dia da família. No final, é o perfeito reflexo daquela mãe que tem que se preocupar com as contas, com o filho que não se encaixa ou com o que vai acontecer no futuro.

Paricia Heaton tinha sido consagrado por seu papel como outra mãe de família, debra de Everybody loves Raymond. Foi premiada e com the Middle consegue mais uma série de sucesso. Afinal The Middle, que na TV aberta brasileria recebeu o absolutamente incrível nome de Uma família Perdida no meio do Nada, foi renovada para sua sexta temporada.

Norma (Vera Farmiga ) em Bates Motel

Desnecessário fazer grandes apresentações. Ela é a mãe de Norman Bates, de Psicose na série que mostra a adolescência que o transformou no assassino, que guardou a caveira da mãe. Em Bates Motel, Norma é super protetora, tem vários segredos e acompanha a vida do filho muito de perto.

Ter uma atriz como Vera Farmiga no papel principal é um triunfo para a série. Indicada para o Emmy pelo papel, ela consegue passar toda a obsessão pelo filho que nos dá uma ideia do que pode acontecer para chegar ao desfecho que conhecemos.

 

Temperance (Emily Deschannel) em Bones

Temperance é a mais improvável das mulheres para ser mãe. Especialista em antropologia forense, é uma autora de livros e profissional muito bem-sucedida. Durante várias temporadas, viveu um relacionamento com o agente especial Booth para resolver assassinatos usando seu conhecimento. Depois de várias temporadas, os produtores finalmente atenderam os fãs e os dois ficaram juntos e tiveram a bebê Christinne. E Temperance/apelido Bones se tornou uma excelente mãe enquanto mexe com cadáveres e assassinos…

Emily Deschanel não era muito conhecida, tendo feito pequenas participações em filmes como Cold Mountain e Homem Aranha 2. Mas com as 9 temporadas de Bones (já renovada para a décima), ela se tornou um nome respeitado atuando como produtora da série. Não é uma grande atriz mas tem uma boa química com seu parceiro, David Boreanaz.

 

 

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Cinema

Sempre digo que a vida real nos apresenta fatos muito mais absurdos do que qualquer roteiro maluco de cinema. Isso fica evidente também em...

Cinema

Quando o primeiro Deadpool estreou lá em 2016, eu fiquei fascinada com seu humor politicamente incorreto. Tanto que o coloquei entre os meus Top...

Streaming

Em 2020, uma semana antes de tudo fechar por causa da pandemia, Aprendiz de Espiã estreou nos cinemas. Não fez um enorme sucesso porque...

Streaming

Há várias boas séries de true crime com atores (não estou falando de documentários) disponíveis no streaming. Entre as melhores estão A Escada (MAX),...

Cinema

Eu acompanhei boa parte da batalha contra o câncer de Shannen Doherty. Ela faleceu no último dia 13, aos 53 anos, vítima da doença...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Em 2020, uma semana antes de tudo fechar por causa da pandemia, Aprendiz de Espiã estreou nos cinemas. Não fez um enorme sucesso porque...

Streaming

Nessa quinta estreou nos cinemas mais um novo terror da franquia Sobrenatural. Sobrenatural: A Porta Vermelha.  Vai mostrar Josh Lambert seguindo para o leste...

Moda

Há um ano, houve um grande evento de moda para a inauguração do Academy Museum de Hollywood (veja aqui). E esse evento virou anual....

Streaming

Nos últimos tempos temos visto vários filmes baseados em livros infantis que não funcionaram no cinema. É o caso por exemplo de Uma Dobra...

Streaming

Sempre penso que quando demoro muito para ver uma série, é porque ela tem algum problema. Rsrs! Senão, quero ver sem parar, rsrs. Dito...

Streaming

Eu confesso que nunca tinha reparado em Emily Deschanel antes de Bones. E olha que ela tinha até participado de filme de Oscar, Cold...

Streaming

Eu vejo muitos filmes sobre desastres. Gosto do gênero, e quanto mais impossível melhor. Tipo Terremoto: A Falha de San Andreas, ou o clássico...

Streaming

Tem muita coisa boa chegando no streaming este mês. Mas eu separei aqui seis séries que eu vou correr para maratonar assim que estrearem....