fbpx

Fama, fortuna e perdas terríveis

A triste morte de Bobbi Kristinna Brown, filha de Whitney Houston, ontem (26), depois de uma overdose e seis meses em coma, faz lembrar de outras grandes tragédias envolvendo os filhos de grandes astros do cinema. Seja pelo efeito de drogas ou mesmo por doenças incuráveis, muitos se foram antes do tempo em momentos que provavelmente marcaram seus pais e os fãs por muito tempo.

Talvez um dos mais tristes tenha sido o caso do filho de John Travolta e Kelly Preston, Jett, após uma convulsão, aos 16 anos, em 2009. Desde os dois anos , o menino sofria da Síndrome de Kawasaki, que causa inflamações nas paredes dos vasos sanguíneos. A família estava de férias nas Bahamas e Jett foi encontrado já desacordado no banheiro.Ele morreu no hospital. O ator tem ainda uma filha, Ella Bleu e um menino que nasceu depois da morte de Jett, Benjamin.

Fica  muito claro  em entrevistas que depois da morte do filho de seu primeiro casamento, Scott, aos 28 anos, Paul Newman nunca mais foi o mesmo. Scott tentou a carreira no cinema e chegou a aparecer em filmes estrelados pelo pai, como Inferno na Torre. mas nunca deu muito certo. Uma vez, Scott declarou “é um inferno ser filho dele…Eu não tenho seus olhos azuis, não tenho seu talento, não tenho sua sorte…Eu não tenho nada. Este sou eu.” Ele morreu de overdose, após a ingestão de Valium com álcool e outras drogas em 1978. Paul fundou então o Scott Newman Center, com o objetivo de ensinar professores e profissionais de saúde a ensinar crianças sobre o perigo do consumo de drogas e álcool.

Na época em que Sage Stallone, filho de Sylvester, foi encontrado morto , aos 36 anos, se falou muito que o motivo teria sido uma overdose, em 2012. Depois, uma autópsia comprovou que ele havia sido vítima de ataque cardíaco, em decorrência de uma arteriosclerose. Ele também chegou a participar de filmes estrelados pelo pai, como Daylight e Rocky 5.

Mia Farrow teve 13 filhos, quatro biológicos e nove adotados. Todo o mundo conhece a história de Soon-Yi, que acabou ficando com o marido da mãe, Woody Allen. E há pouco tempo também houve todo aquele falatório que Ronan, seria filho de Frank Sinatra e não de Woody, com quem a atriz era casada na época. Mas poucos ouviram falar de  Lark, a órfã vietnamita que Mia adotou quando era casada com Andre Previn. Ela morreu aos 35 anos de pneumonia, decorrente de AIDS, que dizem ter sido contraída de uma agulha infectada ao fazer uma tatuagem. Já Tam Farrow, que era cega, faleceu aos 19, devido a problemas cardíacos.

A melhor atuação de Mary Tyler Moore no cinema foi sem dúvida no filme ganhador do Oscar, Gente como a Gente. Nele, ela faz uma mãe fria e distante depois que seu filho morreu num acidente num barco. Nada mais próximo da realidade. O único filho ada atriz, Richard Meeker Jr., sofreu um acidente com uma arma e acabou morrendo, aos 24 anos, no mesmo ano em que o filme foi lançado. Apesar de concorrer ao Oscar de melhor atriz, ela não ganhou, mas proporcionou um momento emocionante ao abraçar Timothy Hutton, que fazia seu filho no filme e foi premiado como coadjuvante.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *