fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Um belo filme, uma história incrível, uma grande interpretação.

A história do físico Stephen Hawking é admirável e inigualável. O físico mais famoso do mundo e uma mente brilhante, sofre desde muito jovem de uma doença degenerativa chamada esclerose lateral amiotrófica (ELA) , que paralisa os músculos do corpo sem atingir as funções cerebrais. Só que essa doença não o impediu de desenvolver seu trabalho, se casar e ter três filhos. A história desse relacionamento com Jane Hawking e o quanto ele foi importante para os dois, é o tema de A Teoria de Tudo, que estreia nos cinemas esta semana, e concorre a cinco Oscars: filme, ator (Eddie Redmayne), atriz (Felicity Jones), trilha sonora e roteiro adaptado.

O roteiro é adaptado do livro do mesmo nome (lançado aqui no Brasil), escrito pela própria Jane Hawking. O roteirista Anthony McCarten conta que demorou três anos para convencê-la a ceder os direitos para o filme. Portanto, é bom esclarecer que não se trata de uma biografia de Stephen Hawking e sim de uma história de amor e companheirismo entre duas pessoas especiais e fascinantes. Tudo começa quando Stephen conhece Jane na Universidade de Cambridge e termina com o fim de seu casamento, mas com a continuidade de sua amizade que se mantém até hoje.

Stephen e Jane foram muito presentes durante toda a produção. A voz de Stephen que se ouve após ele começar a usar uma máquina para se comunicar é do próprio físico. Assim como a medalha da Liberdade e sua tese assinada também são as originais. Mas o que é impossível é conceber o filme sem a interpretação de Eddie Redmayne  como Stephen. Com seu olhar, seu tom de voz, seu bom humor e principalmente a forma como ele usa o corpo não deixa a dever nada a outro inglês, Daniel Day Lewis, que ganhou seu primeiro Oscar com Meu Pé Esquerdo. O próprio Stephen escreveu um email ao diretor James Marsh dizendo que em determinados momentos do filme ele pensou que estava assistindo a si mesmo.

Eddie venceu o Globo de Ouro e o SAG’s por sua interpretação. Mas na corrida pelo Oscar vai enfrentar a forte concorrência de Michael Keaton, que tem uma ótima interpretação também em Birdman. Mas Michael tem uma vantagem, conta com a simpatia geral, destinada aos veteranos que finalmente conseguem um papel para revitalizar sua carreira. Qualquer um pode vencer. Mas, depois de ver A Teoria de Tudo, minha torcida e minha admiração vão para Eddie Redmayne.

Felicity Jones e Eddie Redmayne ao lado do verdadeiro Stephen Hawking

1 Comentário

1 Comentário

  1. Eduardo Pepe

    28 de janeiro de 2015 às 7:32 pm

    Essa corrida de melhor ator estar super difícil. Keaton, Redmayne, Cumberbatch, Carrel e até Cooper estão excepcionais! Em mãos ruins, o prêmio não ficará!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Séries

Pretty Little Liars foi um grande sucesso durante suas sete temporadas. Duas das atrizes – Lucy Hale e Shay Mitchell – chegaram até a...

Streaming

Chris Evans parece querer bater as marcas de Dwayne Johnson como o cara que mais trabalha em Hollywood. Hoje foi anunciado mais um projeto...

Cinema

Os filmes de Thor sempre estiveram entre os meus favoritos da Marvel. Sim, mesmo aqueles que ninguém gostou. Talvez seja por causa de Chris...

Streaming

O povo americano tem o seu dia da independência como uma das datas mais celebradas do ano. É quando soltam fogos, se reúnem para...

Streaming

O gênero da comédia romântica tem uma linguagem universal. Mas, é claro, que foi Hollywood que criou o esqueleto principal dessas histórias que envolvem...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Apesar de se passar no mesmo universo mágico, a saga de Animais Fantásticos nunca atingiu os níveis de popularidade de Harry Potter. Com certeza,...

Cinema

Há uma coisa que sempre me emociona quando vejo filmes românticos. É o “e se…”. Ou seja, caminhos que poderiam ter sido seguidos e...

Cinema

Sexta-feira é dia de estreias. A Netflix tem três que chegaram hoje (23) e para mim são imperdíveis. Tem terror, suspense, e um romance...

Cinema

Nomadland é o franco favorito em boa parte das bolsas de apostas sobre o prêmio de melhor filme do Oscar 2021. Mas será que...

Moda

A segunda noite do BAFTA foi com certeza a mais glamurosa. Como todas as premiações, foi diferente. Os apresentadores  ficavam em um estúdio enquanto...

Cinema

Eu admiro George Clooney como ator. Mas gosto ainda mais de seus trabalhos como diretor. Boa noite e boa Sorte e Suburbicon principalmente são...

Cinema

O projeto de Os 7 de Chicago já vinha rodando por Hollywood há muito tempo. Houve um tempo em que Steven Spielberg estava programado...

Cinema

George  Clooney anda meio sumido. Obviamente aproveitando a vida com os filhos gêmeos, a mulher e sua linda casa no Lago di Como. Quem...