fbpx

Meus presidentes favoritos…

Nesse dia de eleição, com ânimos inflamados e uma clara divisão no país, aqui vai uma sugestão para quem deseja tirar um tempinho para se divertir com dois filmes que adoro sobre o tema. São mais ou menos da mesma época e adoráveis. Dave – Presidente por um dia é de 1993 e Meu Querido Presidente é de 1995. São a garantia de um bom divertimento escapista.

Dave é uma comédia romântica sobre um simpático dono de agência de trabalho temporário que é muito parecido com o presidente dos Estados Unidos. Quando presidente entra em coma numa situação ligeiramente complicada, Dave é colocado em seu lugar. As coisas começam a se complicar quando Dave tem que enfrentar o Chefe de governo, que quer sair mais poderoso da história, e principalmente quando Dave começa a se apaixonar pela Primeira-Dama.

Kevin Kline, que conseguiu o papel após as recusas de Warren Beatty e Kevin Costner,  está ótimo no papel duplo,  um verdadeiro herói romântico (e atrapalhado). O elenco ainda tem Sigourney Weaver como a Primeira-Dama  e Frank Langella como o vilão. Além disso ainda estão em papéis menores Ving Rhames, Ben Kingsley, Charles Grodin e até Bonnie Hunt e Laura Linney.

Ele ainda tem várias participações especiais de políticos verdadeiras e uma piada ótima. Oliver Stone faz uma participação como ele mesmo, tentando convencer um repórter que o presidente não é a mesma pessoa. Vale muito a pena ver.

Já em Meu Querido Presidente, Michael Douglas  é um presidente viúvo, Andrew Shepherd,  que parece que será reeleito facilmente para um segundo mandato. Ele conhece então uma ativista política, Sydney (Annette Benning), que está trabalhando para um grupo ambientalista,. Eles começam a namorar mas o passado dela acaba dando munição para o concorrente, o senador Bob Rumson (Richard Dreyfuss) tentar vencer a corrida política.

O filme era um favorito do presidente Bill Clinton, que inclusive permitiu que o diretor Rob Reiner o acompanhasse todo o tempo durante dois dias seguidos na época que ocupou a Casa Branca. Ofereceu também oportunidade para que o elenco visitasse o local cinco vezes. Uma curiosidade interessante é que o salão oval usado neste filme foi um set construído para…Dave – Presidente por um Dia (depois ainda foi usado na série The West Wing). Aliás, no elenco de Meu Querido Presidente está Martin Sheen como o braço direito de Andrew. Alguns anos depois, em 1999, Martin assumiria o papel de presidente na série, que foi extremamente popular nos Estados Unidos.

Aqui, Michael Douglas também não foi a primeira escolha para o presidente. Robert Redford estava comprometido com o papel mas se desentendeu com o diretor. No final, o filme acabou sendo indicado para vários prêmios do Globo de Ouro: melhor ator, atriz, roteiro (de Aaron Sorkin, de The Newsroom), diretor e filme. A trilha sonora de Marc Shaiman acabou também indicada ao Oscar.

Estes, além é claro do presidente Fitz (Tony Goldwyn), da série Scandal (com todos os seus defeitos), são com certeza meus presidentes favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *