fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Mãe! chega aos cinemas para “causar”!

É difícil fazer uma análise sobre Mãe!, o filme badaladíssimo de Darren Aronofsky, e estrelado por Jennifer Lawrence, que estreia amanhã nos cinemas. Isso porque é um filme de extremos, e gostar ou não do filme vai depender muito da forma como você vê a vida, a morte, a religião, a ecologia, a maternidade. O filme tem algo a dizer para todas as tribos e tendências. Mas é impossível não dizer que a meia hora final é um chute na boca estômago. O próprio diretor chegou a pedir desculpas para o público antes de uma de suas primeiras exibições em festivais. Tem cenas (bem) fortes, e para quem sofre de claustrofobia como eu, pode ser um pesadelo. Entretanto, eu fiquei pensando nele por vários dias, em possíveis teorias, ou no que o diretor (que também é roteirista) poderia estar tentando dizer com uma ou outra cena, além do final, é claro. Acho, que no final, é possível dizer que você pode até não gostar de Mãe!, mas não vai conseguir tirá-lo da cabeça.

Resultado de imagem para mother! movie

Para que não haja spoilers, que podem tirar a sensação da descoberta e da interpretação própria, o melhor é falar pouco sobre a história. Jennifer Lawrence e Javier Bardem são um casal que vive afastado de tudo. Enquanto ele tenta escrever seu mais novo trabalho, ela está remodelando a casa que um dia sofreu um grande incêndio. Até que uma noite, um homem estranho (Ed Harris) chega, depois sua esposa (Michelle Pfeiffer), e mais um monte de gente que começa a querer destruir a casa.

Falar mais é estragar a surpresa. O diretor tem uma considerável experiência tanto com filmes religiosos, como com produções que tem uma mensagem de proteção à natureza. Noé foi um grande sucesso. Além disso, ele também gosta de abordar os lados negros das mentes de seus personagens, como no caso de Cisne Negro. Tudo isso tem que ser levado em conta enquanto você estiver assistindo o filme. E aí você pode tirar sua própria conclusão.

Imagem relacionada

Jennifer Lawrence já disse em entrevistas que o filme exigiu tanto dela emocionalmente que pretende tirar umas boas férias. Em todo o caso, a atriz tem uma boa atuação, mas não arrebatadora, como por exemplo a de Natalie Portman em Cisne Negro, ou ainda a de Ellen Burstyn em Réquiem para um sonho, ambos dirigidos por Aronofsky. Quem arrebata é Michelle Pfeiffer, sedutora como sempre, mas incômoda como nunca vi antes. Você fica querendo mais cenas, mais olhares penetrantes. Uma atriz em estado de graça.

Resultado de imagem para mother! movie

O filme não foi bem nas bilheterias americanas, mas é óbvio que não é para todos os públicos. Não tem momentos fofos como It: A Coisa, nem o susto fácil de Annabelle. Ele vai muito mais fundo, e incomoda. Muito. E por isso é tão interessante.

Imagem relacionada

E aguarde o vídeo de minha entrevista com Darren Aronofsky, que esteve no Brasil para divulgar o filme. Logo, logo, estará aqui!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Streaming

Filmes sobre adultos que tem que voltar para o colégio por alguma razão são sempre divertidos. 17 Outra vez, Sexta-feira muito louca, Billy Madison,...

Streaming

Você provavelmente já deve ter visto em alguma Sessão da Tarde da vida o filme romântico Te Amarei para Sempre. Ele é de 2009...

Moda

Os prêmios de música geralmente não primam pela elegância em seu tapete vermelho, rs. O objetivo é ser relevante, diferente, moderna, e lançar tendência....

Streaming

Quem me acompanha por aqui sabe que adoro musicais. Sempre que tenho a oportunidade também gosto de assisti-los no teatro, seja aqui ou no...

Séries

Ontem (12) foi aquela decapitação total entre as séries da CW. Mas também tem notícias boas, especialmente para aqueles que sentem falta de Supernatural....

Você também pode gostar de ler

Streaming

Viola Davis, Gillian Anderson e Michelle Pfeiffer estão entre as melhores atrizes de Hollywood atualmente. Todas estão certamente entre as minhas favoritas da história....

Streaming

Talvez muita gente tenha ouvido falar pela primeira vez de Lucille Ball e Desi Arnaz ao assistir Apresentando os Ricardos. O filme, que está...

Streaming

A concorrência entre os streamings está cada vez mais acirrada. Todo mundo buscando conteúdos para atrair a atenção – e o dinheiro – do...

Streaming

A Filha Perdida, que estreou dia 31 na Netflix, vem sendo muito elogiado pela crítica. É um dos favoritos para a Temporada de Premiações....

Streaming

Sou fã dos filmes de Adam McKay. Adoro seu humor ácido, direto e principalmente que não usa meias palavras para criticar os poderosos. Tanto...

Streaming

A semana de Natal tem sempre um monte de grandes lançamentos no cinema e no streaming. Um deles é Matrix Resurrections. Neo, feito por...

Streaming

Talvez muita gente hoje não saiba quem são Lucille Ball e Desi Arnaz. Mas Being the Ricardos/ Apresentando os Ricardos , que estreou nessa...

Streaming

Muito bom voltar a fazer o vídeo da semana depois da viagem. Perdi alguns filmes como King Richard, mas deu tempo de chegar para...