fbpx

Livrai-nos do Mal, meio policial, meio terror com Eric Bana, estreia nos cinemas

Recentemente tivemos uma onda de filmes de terror baratos que renderam muito nas bilheterias em todo o mundo. Foi o caso de Invocação do Mal, Sobrenatural 1 e 2 e em breve chegará Annabelle. Livrai-nos do Mal, que estreou nos cinemas este fim de semana, pode parecer que faz parte da mesma “família” mas definitivamente não é o caso. Principalmente porque a história tem momentos assustadores mas não é bem um filme de terror.

Baseado em fatos reais citados em um livro do policial Ralph Sarchie, o filme mostra a investigação de vários crimes estranhos que parecem interligados. A partir do contato com um padre, Sarchie começa a perceber que pode haver algo de sobrenatural na história e que isso pode colocar sua família em perigo.

Livrai-nos do Mal tem muito de filme policial, apesar de usar aqueles momentos de terror psicológico em que você fica esperando aquele momento em que vai dar um pulo na cadeira, e ele realmente acontece. De qualquer maneira, não funcionou muito com o público de cinema dos Estados Unidos. Custou 30 milhões e rendeu basicamente os mesmos 30 milhões por lá.

Eric Bana é Sarchie, um papel recusado por Mark Wahlberg. Não sou grande fã do ator mas tenho que reconhecer que ele está bem no filme. Como o padre está o interessante e sexy Edgar Ramirez, que esteve em Fúria de Titãs 2 e no filme para a TV, Carlos, pelo qual foi indicado ao Globo de Ouro e ao Emmy. É um destaque no elenco, que tem ainda Joel McHale, Olivia Munn (de The Newsroom) e a ótima menina Lulu Wilson como Christina.

No final, não sei dizer se gostei do filme ou não. Não era definitivamente o terror que eu esperava mas também conseguiu me assustar em alguns momentos. Então, no final, creio que ele funciona.

Eliane Munhoz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *