fbpx

Com certeza você conhece Justice Smith, do filme do Pikachu!

Eu me lembro a primeira vez que vi Justice Smith. Foi como o amigo divertido (e nerd) de Nat Wolff em Cidades de Papel. Quem poderia imaginar que alguns anos depois ele iria estrelar uma possível franquia de um dos personagens mais populares do mundo em Pokemon: Detetive Pikachu, que estreia hoje nos cinemas. Pois foi o que aconteceu. Eu ainda não vi o filme, já que quando a sessão para a imprensa aconteceu, eu já estava aqui nos Estados Unidos. Mas eu já havia conversado com Justice em dezembro sobre a experiência, quando ele esteve no Brasil para divulgar o filme na CCXP. Como eu conheço muito pouco sobre o universo de Pokemon, minha pergunta foi por que eu deveria assistir ao filme. E veja o que ele me respondeu:

O início

É divertido constatar que, apesar  de ser sempre tão expansivo em seus papéis, Justice é muito tímido ao conversar com a imprensa. Mas foi também muito receptivo. Devia estar muito nervoso pela responsabilidade de carregar um filme assim tão importante, com uma legião de fãs muito apaixonada. Mas, ele começou cedo. Apesar de só ter reparado nele em Cidades de Papel,  ele já havia feito alguns papéis na TV, após fazer uma ponta em sua estreia no filme Trigger Finger, de 2012.

Depois de Cidades de Papel, ele aceitou fazer uma participação na série The Get Down, como Ezekiel ‘Books’ Figuero. Ele esteve presente nos 11 episódios produzidos. Depois veio mais uma participação no filme Todo dia. Quem se lembra?  Era  sobre uma jovem que se apaixona por alguém que muda de identidade e corpo a todo o momento. Justice faz o namorado dela, que ela abandona para seguir seu novo amor.

Jurassic World e Pikachu

Entretanto seu melhor momento até agora foi em Jurassic World: Reino Ameaçado, como Franklin, que acompanhava todas as aventuras assustadoras dos personagens de Chris Pratt e Bryce Dallas Howard. Foi logo depois disso que veio o convite para fazer Pokemon: Detetive Pikachu.

No filme, ele é Tim , um cara que é o único humano que entende a linguagem dos Pokemons. E assim começa uma amizade com o mais fofo deles, o Pikachu (com a voz original de Ryan Reynolds. Quem viu Cidades de Papel pode se lembrar que Justice cantava a música de Pokemon na cena do shopping. Quem diria onde isso iria acabar…

Fotos de divulgação

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *