fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Amantes Eternos é um romance diferente com vampiros

Gosto muito de um bom filme (ou série) de vampiros. Acho que são personagens trágicos, românticos, sensuais. Mas confesso que em todos estes anos assistindo às mais variadas interpretações das histórias destes personagens tão fascinantes, nunca vi algo diferente como Amantes Eternos. O filme, que estreou este final de semana nos cinemas, é dirigido por Jim Jarmusch, com seu estilo familiar mas mesmo assim muito diferente de tudo que ele já fez.

Adam (Tom Hiddleston) é um vampiro que vive na cidade de Detroit, fotografada como se tivesse sido praticamente abandonada. Ele é um músico que odeia a convivência com humanos (a quem chama de zumbis). Deprimido, Adam quer acabar com sua vida. Mas seu grande amor, que vive em Tanger, Eve (Tida Swinton) vem ficar ao seu lado para tirar essa ideia da sua cabeça. Tudo parece caminhar bem até que a irmã de Eve, Ava (Mia Wasikowska,) também vampira, aparece para bagunçar literalmente tudo.

Em alguns momentos, uma leve lembrança de Fome de Viver passa pela cabeça de quem está assistindo. Mas é uma coisa passageira. Amantes Eternos tem um pouco de humor, muito de sensual e uma história inesperada. Não é para todos os gostos, alguns podem achar o ritmo lento. Mas Tom Hiddleston está incrível, apaixonante mesmo. E bem diferente de Loki, dos dois filmes de Thor e dos Vingadores. Tilda Swinton, uma boa atriz mas por quem eu não tenho a menor empatia, está bem e até bonita (incrível!). Ainda tenho que dar o braço a torcer. Mesmo Mia Wasikowska está bem. Uma das atrizes mais fracas de sua geração, traz aqui um frescor e um fogo que realmente eu não suspeitava que tivesse.

Com uma bela trilha e ainda as participações muito especiais de John Hurt e Anton Yelchin (Star Trek), Amantes Eternos é um programa adulto e diferente não só para os fãs de filmes de vampiros mas também para aqueles que gostam de uma bela história de amor.

Eliane Munhoz

1 Comentário

1 Comentário

  1. Eduardo Pepe

    17 de agosto de 2014 às 12:09 am

    Tbm não gosto dessa Mia Wasikowska, um tanto careteira e apática demais. Mas ela estar se esforçando. Inclusive estar no ainda inédito de Cronenberg. Quem sabe não desabrocha mais no futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Gossip

Nos Estados Unidos, o dia dos Pais foi comemorado este ano no dia 19 de junho. Foi a data em que os atores de...

Streaming

Jamie Foxx está fazendo um esforço para criar uma franquia para chamar de sua na Netflix. Em 2020, ele lançou Power, que deixava bem...

Cinema

Confesso que essa me pegou de surpresa. Emily Blunt foi confirmada no novo filme de Duro na Queda, ao lado de Ryan Gosling. É...

Streaming

Anne Heche teve uma vida complicada, cheio de altos e baixos. Teve problemas com drogas, deu escândalos públicos. Mas teve uma carreira consideravelmente interessante...

Streaming

Viola Davis é uma daquelas atrizes que são uma unanimidade. Todos adoram, todos acham que é uma excelente atriz. E eu me incluo nisso....

Você também pode gostar de ler

Streaming

Eu adoro uma boa série de época. Já tinha visto esse ano A Idade Dourada (HBO Max), que gostei muito. E quando vi o...

Streaming

Já falei aqui anteriormente sobre a excelente qualidade das séries da Apple TV Plus. Não só da mais conhecida, The Morning Show, mas também...

Streaming

Lembro uma época em que o diretor Jim Jarmusch era “o cara” do momento. Foi nos anos 80, quando fez Estranhos no Paraíso e...

Cinema

Ingmar Bergman é considerado um dos maiores diretores de cinema de todos os tempos. Mas confesso que vi poucos de seus filmes. Fanny e...

Streaming

Dev Patel está bem alta hoje em dia em Hollywood. Já foi indicado ao Oscar (por Lion), ao Emmy (Modern Love) e já ganhou...

Cinema

Wes Anderson tem um estilo todo especial. Tem pelo menos uma grande obra-prima, Ilha dos Cachorros (disponível no Star Plus) . Também tem outros...

Cinema

Todo mundo adora os filmes de Pedro Almodóvar, certo? As cores fortes, as emoções à flor da pele, os personagens surreais. Vencedor do Oscar...

Gossip

Em 2016, Daniel Craig deu uma entrevista falando que não voltaria a ser James Bond de jeito algum. E eu citei alguns possíveis substitutos...