fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

A nova cara de Poltergeist

Poltergeist, o de 1982, é meu filme de terror favorito da história. Não sei se ainda o seria sem aquele impacto inicial, quando o vi ainda adolescente. De qualquer maneira, era muito diferente de tudo que era produzido na época no gênero. E com o tempo,  se criou até uma aura ainda mais assustadora porque vários membros do elenco acabaram morrendo em situações estranhas. Assim, tinha que ter muita coragem para pensar em fazer uma nova versão. E tiveram. Agora, uma refilmagem (ou um reboot)  de Poltergeist estreia hoje (21) nos cinemas. E surpresa! É até legal!

Para quem não sabe, a história original é de Steven Spielberg,  e mostra o que acontece com uma família que vive em uma casa assombrada por forças malignas. Quando as terríveis aparições se tornam mais frequentes e a filha mais nova é capturada, a família deve se unir para resgatá-la antes que ela desapareça para sempre.

No momento em que o primeiro trailer foi divulgado, todo mundo começou a falar que ele parecia igual demais, quase uma cópia da versão de 82. Nem tanto (mas quase)! Os nomes foram trocados, a família agora se chama Bowen, e o papel do irmão (o ótimo Kyle Catlett, de Uma Viagem Extraordinária) cresceu bastante, tomando o lugar em pelo menos uma cena clássica originalmente feita pela mãe ( aqui feita sem muito destaque por Rosemarie DeWitt). Também logo no início já há a explicação que o problema é o cemitério, até com uma piadinha-homenagem. Além disso, o especialista virou um apresentador de reality show (Jared Harris), exatamente como os dias atuais requerem. Mas não se preocupe, a clássica cena do palhaço está lá.

No geral, o clima de sustos continua, ainda mais porque o filme está sendo lançado também em 3D (apesar de só uma ou outra cena ter um diferencial real). Ah, e tem ainda uma cena após os créditos. Mesmo que desnecessária, é bom ficar para ver.  O diretor Gil Keane, que deve ter uma atração especial por casas mal-assombradas, também foi o responsável pelo incrível desenho A Casa Monstro. E apesar de não comprometer no resultado final, Sam Rockwell  não convence muito como o pai de família. Já imaginou como seria se Richard Armitage ou Tom Cruise (que em algum momento estiveram ligados ao projeto) tivessem feito o papel de Eric Bowen?

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de ler

Cinema

Gosto bastante de histórias sobre o momento em que houve uma luta pelos direitos civis dos negros nos anos 60 e 70 nos Estados...

Cinema

Matthew Vaughn sabe fazer as coisas funcionarem. Começou como produtor na Inglaterra, com filmes como Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes e Snatch. Ambos...

Cinema

Mais uma princesa da Disney já está pronta para virar live action. E ela é a mais importante de todas. Não custa lembrar que...

Cinema

A Condenação é um daqueles filmes que você não entende a razão pela qual nunca viu. Pelo menos esse é o meu caso. Tem...

Cinema

Steven Spielberg já disse em várias entrevistas que boa parte da inspiração de seus filmes vieram de fatos que aconteceram na sua infância. E...

Cinema

Quando eu era pequena, me lembro que a Disney lançava no cinema vários filmes indicados para a família. Ocasionalmente, tinham animais, e emocionavam no...

Streaming

Eu tinha perdido o filme Predadores Assassinos quando ele foi exibido na sessão para imprensa para o lançamento no cinema. Mas lembro que muita...

Streaming

A HBO anunciou que está disponibilizando até o dia 13 de maio as primeiras temporadas de algumas de suas séries de maior sucesso de...