fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

O erotismo e a história confusa de Os Segredos de Madame Claude

Nos anos 70, foi produzido um filme que ficou bem famoso na época, chamado Madame Claude. Era dirigido por Just Jaeckin, o criador de Emanuelle, e era estrelado por Françoise Fabian. Era considerado mega erótico e a história se baseava na vida de uma agenciadora de prostitutas que realmente existiu. Rendeu várias outras versões, mas essa é a mais famosa. Eu nunca vi, e nem consegui achar  nos streamings. Minha ideia inicial era comparar com a versão atual, Os Segredos de Madame Claude, que estreou recentemente na Netflix.

Isso porque Os Segredos de Madame Claude tem muita cara de filme produzido nos anos 70. Estão lá a trilha sonora da época, os cortes, a fotografia meio esmaecida, e, é claro o erotismo. Mas como não achei o filme original, só posso falar desse novo. Tudo começa no final dos anos 60. Madame Claude está no auge, com sua prostitutas de luxo, que servem atores, políticos. Ela está envolvida  em várias situações com os poderosos. É quando ela contrata Sidonie, uma jovem refinada, e que logo se torna sua favorita. A partir daí, o filme vai mostrar a relação de Claude com suas garotas e também com a polícia e o submundo.

A crítica dos Segredos de Madame Claude

Um amigo que viu o filme original (e é fã) me disse que a diferença entre os dois filmes é que um exalta o glamour (o primeiro) e outro as dificuldades (o segundo). Na verdade, a parte da política/envolvimento com o submundo é extremamente confusa. Talvez funcionasse melhor numa minissérie para dar mais explicações sobre a situação que a França vivia na época. O chamariz mesmo são as cenas eróticas, todas muito bem fotografadas, bem ao estilo anos 70. Essas  são sensuais  e eficientes. Mesmo que em várias delas, a câmera se fixe no olhar perdido das mulheres para deixar claro que aquilo era um negócio e não um prazer.

Há também o problema do ritmo lento da história. Em vez de explicar melhor o contexto dos conflitos políticos, Os Segredos de Madame Claude perde tempo com diálogos repetitivos e clips  com as – lindas – músicas da época. E ainda com muitas cenas de Claude olhando para o nada. As  duas atrizes principais, Karole Rocher (Claude) e Garance Marillier (Sidonie) são competentes, mesmo que Claude seja um tanto estridente demais. Entretanto, se seu interesse é o erotismo, com a nudez de belas mulheres, sem prestar muita atenção na história, o filme vai funcionar.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Streaming

Há várias boas séries de true crime com atores (não estou falando de documentários) disponíveis no streaming. Entre as melhores estão A Escada (MAX),...

Cinema

Eu acompanhei boa parte da batalha contra o câncer de Shannen Doherty. Ela faleceu no último dia 13, aos 53 anos, vítima da doença...

Streaming

Nesse dia 20 é celebrado o Dia do Amigo. E toda mulher sabe a importância da melhor amiga, não é mesmo? Então, fica a...

Streaming

A gente já ouve falar de A Mulher no Lago há algum tempo. A minissérie estreou ontem (17) na Apple TV Plus, com dois...

Premiações

Saiu a lista dos indicados ao Emmy, e, ao contrário de outras premiações, há mais séries concorrentes – especialmente porque não há mais Succession...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Nesse dia 14 de julho, grande feriado francês devido à Queda da Bastilha, vale ver um filme francês, certo? Aqui estão seis filmes do...

Streaming

Uma vez eu cheguei a baixar alguns episódios de Bodkin, da Netflix, para assistir no laptop num fim de semana em viagem. Mas acabei...

Streaming

Muitas vezes, uma produção pode “morrer” por causa de um escândalo. Eu nunca tinha ouvido falar da minissérie Alphonse, com Jean Dujardin. Mas buscando...

Streaming

Provavelmente você já ouviu falar da minissérie inglesa Bebê Rena, que está na Netflix. Muita gente tem me perguntado sobre ela nas redes sociais...

Streaming

Sabe aquela situação em que você acompanha filmes e séries que tem uma certa similaridade? Pois foi o que aconteceu com meu amigo José...

Streaming

Há muito tempo, eu assisti o filme clássico francês O Salário do Medo. Dirigido por Henri Georges Clouzot, tinha Yves Montand no papel principal....

Cinema

Anatomia de um Queda concorre a cinco Oscars, inclusive filme , direção , e atriz (Sandra Huller). É provável que não leve nenhum desses....

Cinema

Eu adorei o filme francês Os Três Mosqueteiros : Dartagnan (crítica aqui).O filme fez um enorme sucesso na França (aqui está disponível no Telecine)....