fbpx

Será que Downton Abbey continuará a ser o que era sem Matthew Crawley?

 data-srcset

A cena final da terceira temporada de Downton Abbey chocou todo o mundo. Afinal, um dos principais personagens, Matthew Crawley (Dan Stevens) morria num acidente de carro logo após conhecer seu filho recém-nascido. O público ficou sem saber como a série conseguiria ir em frente sem a presença do personagem, responsável pelo grande par romântico da história, Matthew e Mary. Agora, conseguiremos acompanhar e saber se o caminho escolhido vai funcionar. Hoje, dia 10, o canal GNT começa finalmente a exibir a quarta temporada da série, a partir da 22.30.

O primeiro episódio se passa seis meses depois da morte de Matthew. Lady Mary (Michelle Dockery) ainda não conseguiu superar a profunda tristeza e mal dá atenção ao bebê, que se chama George (como o novo herdeiro do trono). Caberá, claro, ao melhor personagem da série, Lady Violet (a magnífica Maggie Smith), convencê-la a viver a vida novamente. E em breve, fazer parte de um triângulo amoroso.

Já um dos personagens mais antipáticos, O”Brien (Siobhan Finnery, que quis sair da série) foi embora para a Índia com uma amiga da condessa. Já vai tarde! E em seu lugar chegará alguém que já havia trabalhado anteriormente em Downton. Também veremos uma aproximação entre Carson e a sra. Hughes. Não é o máximo? Especialmente porque acho que os dois são ótimos e combinam perfeitamente.

Algumas críticas americanas reclamaram do aspecto mais novelesco da série este ano, com filhos ilegítimos, ataque a mulheres, cartas desaparecidas. Mas no final, não é isso que Downton Abbey tem em sua essência? É um novelão disfarçado de série sobre a nobreza britânica. Já consigo imaginar as tiradas de Lady Violet para cada um desses acontecimentos.

Ainda nessa temporada, teremos a volta de Shirley MacLaine como a mãe americana da condessa. Ela já havia participado antes mas foi totalmente eclipsada por Maggie Smith. Vamos ver agora. Todos falam muito da participação de Paul Giamatti como Harold, irmão da condessa, que vem visitá-la dos Estados Unidos. Fiquei curiosíssima para ver. Ótimo ator, Giamatti com certeza vai brilhar muito na série.

No final, o crescimento forçado de Mary como personagem, após a morte de Matthew pode ser um interessante paralelo com o momento histórico descrito na série. É tempo de mudança em Downton Abbey.

Eliane Munhoz

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *