fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Séries

O que está acontecendo com a terceira temporada de Homeland?

Homeland, cuja primeira temporada vem sendo exibida pela TV Globo no horário do Programa do Jô, era ótima. Suas duas primeiras temporadas nos deixaram nervosos, com perseguições, espionagens e principalmente com o relacionamento meio doente entre Carrie (Claire Danes) e Brody (Damian Lewis). Ele, um herói de guerra, que sofreu uma lavagem cerebral enquanto ficou preso no Iraque. Ela, uma agente bipolar, que não segue regras. Mas desde o início estes dois partilharam uma sensação, um sentimento, que fez com que não conseguissem ficar longe um do outro. Até o ponto que há uma explosão no quartel-general da CIA  e Carrie ajuda Brody, considerado o culpado, a fugir no final da segunda temporada.

Ao separarem Carrie e Brody, com toda a sua química, os produtores de Homeland cometeram um grave erro. A terceira temporada é considerada a mais fraca da série,  bem abaixo do nível das demais. Ela já terminou nos Estados Unidos. Aqui no Brasil, o episódio desta semana que vai ar hoje a noite (a série é exibida aos domingos às 23 horas no FX)é chamado Gerontion e marca o final da primeira parte da temporada. Saul (Mandy Patinkin) armou um plano que enganou a todos (inclusive nós, a audiência),  dando a entender que Carrie estava sozinha, abandonada pela CIA para atrair a atenção de um poderoso terrorista. Brody estava perdido, sendo novamente torturado, dessa vez na Venezuela. E, para deixar tudo mais complicado, Carrie descobriu que estava grávida de Brody.

Os atores continuam incríveis. Mandy Patinkin traz uma dignidade monumental para Saul, enquanto Damian Lewis ganhou vários prêmios e se transformou em astro por sua dualidade constante como Brody. Além, é claro, do trabalho superlativo de Claire Danes como Carrie. Desnecessário mencionar o quanto ela está fantástica no papel. Infelizmente, todos estes problemas de direcionamento da história acabaram prejudicando até mesmo o trabalho dos atores. Damian Lewis, por exemplo, virou quase uma “participação especial” na história.

A maioria das pessoas que acompanha Homeland já sabe o que acontecerá no final desta temporada. Este é um dos problemas quando a TV brasileira atrasa tanto a exibição de seriados americanos. E quem viu os vídeos do Globo de Ouro deve ter visto o hilariante momento em que Jennifer Lawrence está sendo entrevistada por uma repórter. A seu lado, Damian Lewis também. Jennifer, com seu estilo próprio diz que é uma fã de Homeland e que adora o ator. As duas repórteres apresentam os dois mas uma delas comete a besteira de dizer o que acontece no final da temporada com o personagem. Jennifer fica revoltadíssima, argumentando que estava esperando sair o DVD e não sabia o final.

Com os acontecimentos do final, muita gente achou que este deveria ser também o fim da série. É bem provável que não vá muito adiante da quarta temporada que irá ao ar este ano (ainda sem data). Pelo menos, uma notícia boa é que (SPOILER)nos livramos da chatíssima filha de Brody, Dana (Morgan Saylor). Todo o núcleo da família de Brody, inclusive a brasileira Morena Baccarin (Jessica) não fará parte da série na quarta temporada.

Eliane Munhoz

1 Comentário

1 Comentário

  1. Jordison Francisco Ramos

    27 de setembro de 2020 às 9:11 pm

    ATENÇÃO, ATENÇÃO… Podemos dizer que Niholas Brody foi um dos personagens mais bem construídos da história ao lado de Carrie Mathison, Saul Bereson e Peter Quinn.

    Seria possível esclarecer as seguintes dúvidas:

    – Gostaria de ver a Homeland revelar como a CIA explicou Brody no Irã e sua morte à imprensa americana. Claramente, Javadi ser capaz de levar o crédito por capturar Brody ajudou sua causa no Irã, mas o governo dos EUA revelou o papel de Brody no assassinato de Akbari?

    – O nome dele foi limpo para o atentado da CIA? Adoraria saber o que pensaram.

    – Outro fio solto: Paul Franklin e o assassinato do “verdadeiro” bombardeiro da CIA. Acabou de fazer isso… por que??

    Carrie foi publicamente humilhada, agredida, dopada, levou um tiro e colocou sua vida em risco inúmeras vezes sem hesitar, apenas para fazer com que os outros vissem Brody como ela o via… e conseguiu. Abu Nazir, a CIA, Jessica e o próprio público da série, ninguém chegou sequer perto de enxergar Brody com a clareza que Carrie sempre enxergou. Carrie sempre leu Brody como ninguém.

    Ah, o dialogo da Carrie com o Javadi foi foda, vai ficar como um dos momentos marcantes da série, sem duvida nenhuma!
    “E o que você queria, que era que todos vissem nele o que você vê. Isso aconteceu. Todo mundo o vê pelos seus olhos agora…”

    – Como Carrie enxergava Brody? e como os EUA passou a vê-lo? e o Mundo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Séries

A Netflix soltou hoje um vídeo de bastidores de Stranger Things. A quinta e última temporada está ainda sendo filmada e deve estrear somente...

Streaming

Nesse dia 14 de julho, grande feriado francês devido à Queda da Bastilha, vale ver um filme francês, certo? Aqui estão seis filmes do...

Streaming

Hoje é dia de rock, bebê! O cinema já fez várias biografias de grandes nomes do rock. E nesse dia internacional do rock, aqui...

Streaming

Glen Powell é o cara que está em todas. Só nesse ano, teve três filmes super comentados. Todos Menos Você, Assassino por Acaso e...

Cinema

Um de meus filmes favoritos de desastre (um gênero que gosto muito) é Twister, de 1996. Acho que tem um roteiro arrumadinho, que consegue...

Você também pode gostar de ler

Moda

É claro que muita gente optou pelo pretinho  nada básico para a festa do Emmy, mas as cores predominaram. O vermelho, claro, era o...

Streaming

Seven Soderbergh é um grande diretor que muitas vezes não tem o reconhecimento que merece. Mas continua dirigindo, produzindo (o último Magic Mike, por...

Moda

Nesse dia 1º vai ter uma nova edição do Met Gala, que eu adoro ver sempre. Adoro as maluquices e as interpretações de temas,...

Moda

Essa volta do red carpet do Globo de Ouro, pós-pandemia e escândalo, rendeu bons momentos. Tivemos grandes divas, algumas que acertaram e outras que...

Séries

Já é uma coisa impossível assistir todos os filmes do ano, quem dirá as séries com todos os seus episódios, rsrs. Vi muito menos...

Streaming

Eu adoro uma boa série de época. Já tinha visto esse ano A Idade Dourada (HBO Max), que gostei muito. E quando vi o...

Streaming

Já falei aqui anteriormente sobre a excelente qualidade das séries da Apple TV Plus. Não só da mais conhecida, The Morning Show, mas também...

Streaming

Vi Ao Entardecer há muitos anos – é uma produção de 2007. Lembro que era bonito e emocionante. Também tinha várias curiosidades. Mamie Gummer...