fbpx

O novelão gostoso de La Templanza, da Amazon Prime Vídeo

Faz milhões de anos que não assisto novela. Não é por não gostar. É simplesmente por falta de tempo, já que tenho essa quantidade enorme de filmes e séries para assistir. Mas adoro principalmente aquelas de época, baseadas em livro conhecidos. Pensei nisso enquanto estava assistindo a série espanhola La Templanza. Ela tem 10 episódios e estreia nessa sexta (26) na Amazon Prime Vídeo. A série tem todos os exageros e dramas típicos do gênero. É um novelão! E eu gostei!

A história de La Templanza

La Templanza é uma produção espanhola baseada no livro de Maria Dueñas, a mesma do sucesso O Tempo entre Costuras.  Se passa na segunda metade do século 19. Conta a história de Soledad Montalvo (Leonor Watling, de Fale com Ela, de Almodovar) e Mauro Larrea (Rafael Novoa, de Senhor dos Céus), duas pessoas independentes cujos destinos se cruzam. Mas antes disso acontecer, acompanhamos as duas histórias paralelas. Desde comunidades de mineração do México, passando pelos salões da alta sociedade de Londres. E ainda o brutal comércio de escravos de Cuba, até chegar a Jerez. E é então que os dois vão se cruzar tendo como cenário com os vinhedos mais conhecidos do mundo.

A crítica

A história se passa durante 20 anos. Desde o primeiro momento, a gente sabe que Soledad e Mauro irão se encontrar – e se apaixonar – em algum momento. O interessante é tentar descobrir quando e como , em seu caminhos aparentemente tão distantes. Já aviso que você vai ter que esperar pelo menos metade da série. Enquanto isso, acompanhamos as diversas fases, o vai e volta, com direito a acidentes, mortes, casamentos arranjados, doenças, brigas por heranças. Ou seja, todos os ingredientes de um grande novelão.

Apesar da demora no encontro dos dois principais, a história mantém a atenção. É uma produção muito bem feita, com excelente reconstituição de época.  Tudo foi filmado em diferentes locações por mais de cinco meses. Foram mais de 215 sets em Cádiz, Jerez de la Frontera, Tenerife, Dublin, Madri e Toledo. A história de Soledad é mais interessante. Ela é uma mulher inteligente, perspicaz, infelizmente restrita pelos costumes da época. Ás vezes, a jornada de Mauro se torna um tanto cansativa, especialmente o início, nas minas. Mas, claro, tudo fica muito mais atraente após o encontro dos dois. Aliás, há uma excelente química entre o casal central, que faz com que você fique torcendo ainda mais por eles. E, é claro, não é spoiler dizer que tem final feliz, como em toda boa novela, né?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *