fbpx

Os destaques do tapete vermelho do prêmio Spirit

O tapete vermelho do Independent Spirit Awards, o Oscar do cinema independente, é sempre mais relaxado. Afinal, ele acontece à tarde, na praia de Santa Monica, e é independente, certo? Mas é claro que as atrizes não deixam as grandes marcas de lado e querem demonstrar que são descoladas, mas elegantes, numa festa sem tantos brilhos. Algumas conseguem, outras não.

Veja abaixo os destaques da festa de ontem(27):

Brie Larson sabia que todos os olhares seriam para ela. Favorita do Oscar, ela levou também o Spirit de melhor atriz. E correspondeu. Estava com um maravilhoso vestido Chanel, cheio de aplicações, numa produção corretíssima. Adorei!

Não é porque sou fã dela, mas nessa temporada de premiações ninguém tem demonstrado tanta classe e bom gosto na escolha dos modelitos como Rachel McAdams. No Spirit, a sua opção foi este vestido Solace London foi perfeita. Colorido, elegante, confortável.  Estava linda.

Ninguém sabe usar uma estampa como Cate Blanchett. Dê uma olhada em seu vestido Gucci. Em outra pessoa poderia parecer estranho. mas nela estava perfeito. Quero muito ver sua escolha para o Oscar…

Jennifer Jason Leigh foi com este bonito vestido Rodarte ao Spirit. Suas escolhas tem sido sempre assim, nada muito diferente, mas tudo muito sóbrio. Ela não vai nunca aparecer com a roupa dos seus sonhos, mas estará sempre correta.

Humm, não gostei da camisola Elie Saab que Jessica Chastain escolheu. Apertada e larga nos lugares errados, a deixou muito desleixada.  E esse colar nada a ver hein?

Jessica Biel também entrou no clima da praia com esse colorido vestido Roland Mouret. Com seus cabelos com mechas californianas, estava bem de acordo com o momento. E linda como sempre. Adorei a sandália Brian Atwood!

E quem foi a mais sem graça da noite. É claro que foi ela, Rooney Mara, dessa vez de Hugo Boss. Será que alguém pode dar alguma peça colorida para a moça? E tirar essa pasta que ela sempre coloca no cabelo?

Eu adoro a estrela de Castle, Stana Katic. Acho que ela é sexy, elegante e bonita. Mas como foi escolher essa cortina de Alberta Ferretti para usar no Spirits? Que desastre!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *