fbpx

As estrelas no tapete vermelho do Oscar britânico

 data-srcset

Hoje (8) foi o grande dia do Oscar do cinema britânico, o BAFTA. A entrega dos prêmios aconteceu em Londres  e a festa estava lotada das estrelas americanas, que concorriam em várias categorias (assim como os britânicos também concorrem em várias no Oscar). A maioria estava particularmente elegante. Só ainda não consigo entender como ela aguentam estes vestidos decotados no frio que faz por lá nessa época, mesmo que seja só para atravessar um corredor…

Ninguém tem sido mais constante em personificar o velho glamour de Hollywood com uma pitada sexy (é claro) do que Reese Whiterspoon. Sempre com vestidos marcados que mostram um corpo perfeito mesmo depois de três filhos. Ela deixou os brancos de lado e arrasou  neste lindo roxo decotadíssimo de Stella McCartney. Adorei!

Amy Adams deixou um pouco de lado os modelos de princesa e foi mais moderna de Lanvin. De branco  e com os cabelos soltos, estava perfeita

 

A amizade de Julianne Moore com Tom Ford já dura bastante tempo. Lembra que ele a dirigiu em Direito de Amar, de  2009? Pois ela agora escolheu um lindo vestido vermelho com um decote incrível (ela tem 54 anos!!!!) de Tom Ford. E provou que vestido vermelho no tapete vermelho realmente não é um problema. Nem para uma ruiva…

 

Rosamund Pike deixou os vestidos amplos que tem sido constantes em suas aparições no tapete vermelho. E estava elegante num modelo simples mas muito bonito que a deixou magérrima de Roland Mouret. Adoro também sua poses e suas expressões no tapete vermelho.

 

Não tem jeito. Keira Knightley tem um estilo muito próprio que algumas vezes a faz errar no tapete vermelho. Não foi o caso aqui. Com esse belo vestido bicolor e cheio de detalhes de Giambattista Valli, ela estava elegante e nem parecia que estava grávida.

 

É muito claro que Felicity Jones quer personificar uma Audrey Hepburn moderna. E aí não tem erro. Mesmo que esses apliques na saia do vestido Dior possam parecer estranhos, ela consegue se sobressair com muita classe.

É bem difícil para uma senhora como Julie Walters usar um cabelo branco curtinho e ainda parecer sexy (Helen Mirren também consegue). Mas ela arrasou neste vestido brilhante. E era uma das poucas (como Julianne) que parecia de acordo  com o clima de Londres.

Julie Walters.

Eu imagino que deva ser muito difícil para uma mulher baixinha, gordinha e com peito grande como Patricia Arquette  para achar o vestido correto para o tapete vermelho. Mas ela sempre arruma modelos como este de Pamela Roland, que só a fazem parecer mais gorda.

 

O vestido de Sophia Kah, o penteado. Estava tudo correto com Natalie Dormer, de Game of Thrones. Mas e essa mania ridícula das luvas, que começou com Amal Clooney?  Essa ainda parece aquelas da Ana Maria Braga para proteger as mãos das luzes …

Monica Belucci e Lea Seydoux são as novas Bond Girls. Mas Monica estava mais para Morticia Adams  não?

Lea Seydoux and Monica Bellucci.

Essa é uma socialite inglesa chamada Hofit Golan. Lá, como aqui, também tem essas figurinhas estranhas…

Hofit Golan

Existem 1 comentários

  1. Rapazzzz!!! Essa socialite está de doer as córneas , afff!!! A Ana Maria Braga vai sair no tapa pra conseguir essas luvas, afinal gosto não de discute, se comenta.
    Julianne, tem minha admiração e carinho eterno, lindadas!!

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *