fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Regina Casé e a saga dos empregados de Três Verões

Lá em março, antes da pandemia, fui na sessão para a imprensa de Três Verões. Parece que faz tanto tempo…O filme, dirigido por Sandra Kogut, é estrelado por Regina Casé. Na ocasião, ninguém poderia imaginar que o filme seria adiado indefinidamente. E ainda que os cinemas ficariam seis meses fechados. Agora, finalmente as pessoas vão poder ver o filme. Ainda neste fim de semana, ele foi premiado no Festival de Málaga. Recebeu o prêmio especial do júri e ainda o troféu de melhor atriz para Regina Casé. Agora, Três Verões vai finalmente estrear na tela grande! Ele será exibido nos drive-ins no próximo fim de semana – 4 e 5 de setembro – em São Paulo, Rio de Janeiro, Maceió e Nova Lima (MG). Logo após, em 16 de setembro, vai estrear no Telecine, e ainda no Now, Vivo Play e Oi Play.

Três Verões

Três Verões chega aos cinemas com o respaldo de vários festivais de cinema. O filme de Sandra Kogut teve sua estreia mundial no festival de Toronto, e conquistou prêmios em vários outros como na Turquia, e no festival do Rio. Em ambas as ocasiões, Regina Casé foi escolhida a melhor atriz. Ela é a força do filme, usando todo o seus carisma para mais uma vez fazer uma mulher do povo.

A ideia de Sandra Kogut vaio de um desejo de falar sobre o que acontece com alguns personagens que gravitam em torno dos muito ricos. E, especialmente, o que se passa com eles quando a vida dos patrões desmorona, devido ao envolvimento em casos de corrupção. É o caso de Madá, feita por Regina, uma caseira de uma mansão à beira-mar. E principalmente o que acontece com ela, e com outros empregados da casa, quando a vida muda por causa de um escândalo. Tudo se passa durante três anos consecutivos, entre o Natal e o Ano Novo. E assim acompanhamos a saga absurda de Madá, que se torna a dona da casa, sem que o seja.

É claro que o filme aborda a situação política daqueles anos – 2015 a 2017 . Mas não é o ponto central. É apenas um fator que desencadeia toda uma situação. Também não é um drama, apesar de ter alguns momentos emocionantes. Isso porque Val, como boa parte da população brasileira, é uma força, que tenta encontrar em tudo um motivo para ir em frente. E sempre com bom humor.

Regina Casé

É óbvio que o filme tem a sorte de ter Regina Casé como intérprete. Na ocasião do lançamento original de Três Verões lá em março, a atriz fazia sucesso na televisão com outra mulher simples e batalhadora. Era a Lourdes de Amor de Mãe, novela que também acabou interrompida. Mas elas não poderiam ser mais diferentes. O sofrimento de Lourdes é muito mais aparente do que o de Madá, mas nem por isso menos intenso.  Madá vai fazer você rir, se emocionar e sentir um certo vazio. Repare especialmente nas cenas dela com Rogério Froes.  É mais uma personagem fascinante da galeria de Regina Casé.

Na época, eu tive a oportunidade de entrevistar Regina, e falar sobre o desafio de fazer essas duas mulheres tão especiais e lutadoras. Agora que o filme vai finalmente estrear, você pode ver esse momento aqui:

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Séries

Outlander é uma daquelas séries que tem seguidores fanáticos. Há nove livros da saga disponíveis (li seis deles). E a série já foi aprovada...

Streaming

Muita gente deve lembrar do caso do time de futebol de meninos que ficou preso em uma caverna na Tailândia, que logo se encheu...

Streaming

Essa semana o American Film Institute anunciou que vai conferir a Michelle Yeoh o título de Doutor Honoris Causa das Artes. Tudo isso por...

Gossip

Anne Heche, mais conhecida por filmes como Volcano e Seis Dias, Sete Noites (ambos do Star Plus), sofreu um grave acidente em Los Angeles....

Streaming

Essa semana, várias notícias sobre a Warner – com o cancelamento do filme da Batgirl – e o fim da HBO Max pipocaram nas...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Eu não vejo boa parte dos filmes nacionais que estreiam no cinema e no streaming. Afinal, o Blog  é de Hollywood! Mas, ocasionalmente, vejo...

Cinema

Talvez os mais jovens não saibam, mas nos anos 50, Celly Campello e seu irmão Tony, foram alguns dos primeiros talentos a popularizar o...

Streaming

Eu sei que tem muita gente que não gosta de filmes de terror. Mas eu não poderia deixar de passar em branco um sexta-feira...

Streaming

Vários filmes com atores isolados foram feitos durante a pandemia.  Malcom e Marie, com Zendaya (disponível na Netflix) foi um deles, entre tantos. E...

Cinema

Já faz algum tempo que não tenho mais muita paciência com filmes e séries sobre cartel de drogas. Gente feia, sem princípios. Tento evitar...

Cinema

Provavelmente devido ao sucesso de séries policiais, o cinema brasileiro começou a dar mais importância ao gênero. E a misturar comédia  na história. Lembro...

Streaming

Há algumas coisas que a gente não entende no Oscar. Na categoria melhor canção, por exemplo, os votantes colocaram entre os finalistas a canção...

Streaming

Quem me conhece sabe que amo comédias românticas. Das mais bobinhas até as mais inteligentes. Sempre busco o gênero nos streamings. Então fiquei feliz...