fbpx

Parabéns, Keanu Reeves!

Hoje, dia 02 de setembro, Keanu Reeves faz 50 anos. Parece que foi ontem que reparamos nele nos filmes bobos de Bill & Ted, lembram? Mas apesar do tempo em que ele era um dos atores mais “bancáveis” de Hollywood ter passado, seu charme continua o mesmo. Nunca achei que ele era um grande ator. Sua participação  em Drácula de Bram Stoker e Muito Barulho por Nada, por exemplo, era sofrível. Mas em outros momentos, era possível ver uma aura de astro e você não conseguia tirar os olhos dele.

Por isso, pra comemorar, aí vão meus 3 momentos inesquecíveis de Keanu Reeves no cinema. Não são suas melhores atuações, apenas aquelas que me marcaram. Quais são as suas?

Velocidade Máxima – 1994

Sandra Bullock sempre desperta o melhor de Keanu Reeves. Aqui, no filme que a revelou, não foi diferente. A química está lá todo o tempo. E entrou para a história. Também adoro A Casa do Lago, que reuniu os dois novamente.

Caminhando nas Nuvens (1995)

Talvez pouca gente se lembre deste filme, mas é um favorito entre os mais românticos que já vi. Depois de voltar da guerra, Keanu acaba envolvido na história de uma jovem grávida retornando para a casa de sua família. Nunca vi Keanu tão doce e apaixonante. O trailer está sem legendas mas vale a pena. O filme é imperdível!

Matrix (1999)

Não sou grande fã dos três filmes. Mas é um momento único na carreira do ator, que virou ícone cult com seu personagem Neo. Talvez eu deva rever… quem sabe…

O último filme de Keanu exibido por aqui foi 47 Ronins. Em outubro, ele retorna à uma aventura de ação com John Wick.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *