fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

O triunfo e a beleza da nova versão de Emma

Emma é um dos mais populares romances de Jane Austen, uma de minhas autoras preferidas. Já foi tema de dois filmes, ambos de 1996. Um menos conhecido, era inglês, feito para a TV, com Kate Beckinsale no papel principal. O outro, que muita gente deve lembrar tinha Gwyneth Paltrow como Emma. Chegou até a ganhar o Oscar de trilha sonora. Este último está disponível na Microsoft e no Google Play para aluguel e compra. Isso sem contar As Patricinhas de Beverly Hills, que transporta a história para os anos 90. Agora, em 2020, saiu uma nova versão, que acabou não indo para os cinemas por causa da pandemia. Pena, pois com sua fotografia deslumbrante e cores fortes, teria sido um belo espetáculo para ver na tela grande.

Ele está disponível desde o fim de agosto nas plataformas de VOD para aluguel e compra (Apple TV (iTunes), Google Play, Looke, Microsoft Filmes e TV (Xbox), NOW, Oi Play, PlayStation Store, SKY Play e Vivo Play). E também está em DVD e Blu-Ray. Pode me chamar de antiquada, mas eu adoro ter os filmes em mídia física. Assim tenho a certeza que poderei ver onde e quando quiser, independente dos contratos do streaming – que podem terminar de uma hora para outra. A Sony Pictures me mandou um DVD de presente, que assisti ontem à noite. Confesso que no início fiquei um pouco chocada. Ela tem um certo clima de farsa, de ironia, que a gente não está acostumada a ver nas  adaptações dos romances de Jane Austen. Mas, depois você acaba se acostumando, e adorando esse novo olhar sobre a história.

A história de Emma

No geral, a história de Emma é sobre aquele momento em que você encontra um grande amor entre seus pares em busca de um final feliz.  Foi o último livro da autora publicado enquanto ela ainda estava viva. Emma Woodhouse Anya Taylor-Joy, de Fragmentado)  é uma jovem mulher bonita, inteligente, rica e aparentemente esnobe. Mas, no fundo, sua maior ambição na vida é ver os outros felizes. Quando decide que tem o talento para formar novos casais, passa a trabalhar de cupido na pequena aldeia inglesa de Hartfield. Emma foca suas atenções em Harriet Smith (Mia Goth, de Suspiria) e, em meio à busca de pretendentes para a amiga, se mete em diversas confusões, sempre resgatada pelo amigo, o sr. Knightley (o super carismático Johnny Flynn).

A crítica

O filme é a estreia na direção de Autumn de Wilde, depois de vários anos trabalhando como fotógrafa, e diretora de vídeos musicais. E ela faz um trabalho mágico. Desde o tom do roteiro, passando pela magnífica  fotografia e trilha sonora. è interessante ver o filme em DVD porque é possível prestar atenção em todos os divertidos detalhes.  Isso sem falar na direção dos atores. Mia Goth faz provavelmente a melhor Harriet que já vi. E todos os outros atores estão uniformemente bem. Nunca pensaria em Anya Taylor-Joy como a personagem, mas ela funciona. Não tenta ser adorável, muito menos perfeita, e isso é um triunfo.

Mas a grande descoberta é Johnny Flynn. Nunca havia prestado atenção nele, e le faz um Mr. Knightley extremamente sexy. Aliás, repare na cena do baile, durante a dança dele com Emma. Fazia muito tempo que não via uma cena tão sexy. E somente com os olhares e o toque das mãos. Uma das melhores sequências que vi este ano.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimas Notícias

Séries

A coisa está pesada nas filmagens de Justified: City Primeval, a sequência de Justified (6 temporadas disponíveis na Globoplay). Um pessoa não identificada jogou...

Cinema

A gente já viu um monte de filmes sobre pessoas sendo perseguidas por feras em um ambiente hostil. O ótimo Predador: A Caçada é...

Streaming

Eva Longoria ficou conhecida de todo o público como Gabrielle de Desperate Housewives. A série durou de 2004 a 2012, e hoje todas as...

Cinema

Eu sou fã de Teresa Palmer e também de filmes de terror. Então quando veio a oportunidade de assistir O Gêmeo Maligno, fui assistir...

Cinema

Muita gente está escrevendo sobre Olivia Newton-John e sua morte tão sentida, aos 73 anos. Mas, eu preferi contar uma história que conta muito...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Quem acompanha o Blog de Hollywood sabe que eu adoooorooo as histórias de Jane Austen. E Persuasão não é diferente. Foi o último livro...

Cinema

David O. Russell é um diretor que já foi indicado a vários Oscars. Tem grandes filmes em seu currículo, como O Vencedor, O Lado...

Streaming

A essa altura do campeonato provavelmente todo mundo já viu. Mas na fila de filmes e séries para assistir, só agora consegui tempo para...

Streaming

Talvez você já tenha ouvido falar de um filme dos anos 70 chamado O Homem que Caiu na Terra. É baseado em um best-seller,...

Streaming

Eu adoro filmes que se passam na II Guerra. Especialmente porque muitos deles contam histórias totalmente improváveis, mas que realmente aconteceram. É só pegar...

Moda

Várias vezes já pensei que as atrizes vestem roupas muito mais interessantes na festa pós-Oscar da Vanity Fair do que na própria entrega dos...

Cinema

Tem muita gente que eu conheço que odeia terror. Eu gosto muito. Mas, quando já se viu tantos filmes do gênero como é o...

Cinema

Sou fã dos livros de Agatha Christie, especialmente aqueles com o detetive Hercule Poirot. Sempre gostei de sua ironia, da perceber a forma como...