fbpx

O bom momento de carreira de Chris Pine

 data-srcset

Lembro quando Chris Pine teve seu primeiro papel de destaque no cinema em O Diário da Princesa 2: Casamento Real. Era bonito e não comprometia. Mas o tempo passou e agora sua carreira o levou a um outro nível. Não só ele defendeu muito bem o papel de Capitão Kirk nos novos filmes de Star Trek,  como está presente em várias produções de destaque, que podem ser vistas em diferente mídias.

Esta semana, por exemplo, Operação Sombra – Jack Ryan estreia no Telecine Premium no próximo sábado, dia 20, às 22 horas. Nele Chris assume o papel do agente Jack Ryan, que já foi de Alec Baldwin, Harrison Ford e Ben Affleck no cinema. E o faz muito bem. O filme, que eu adorei, com muita ação e Chris na melhor forma, mostra o início da carreira de Jack Ryan como um analista da CIA. Em seu trabalho ele acaba descobrindo um plano russo de arrasar a economia americana através de um ataque terrorista. O filme tem vários bons momentos mas o melhor deles é com certeza aquele em que Jack é atacado no seu quarto de hotel e tem que se salvar sozinho. Infelizmente, o filme não foi bem nas bilheterias americanas, o que provavelmente acabou com sua chance de uma continuação. Pena!

Nos cinemas, Chris está em cartaz fazendo um papel totalmente diferente do que estamos acostumados a ver em Quero Matar meu Chefe 2. O primeiro foi um grande sucesso . Rendeu quase 120 milhões de dólares somente nos Estados Unidos. A sequência não seguirá o mesmo caminho. Talvez simplesmente pague seus custos já que repete muitas situações, mas muda a essência dos personagens principais (eles ficam parecendo os três patetas). No entanto, Chris e Christoph Waltz, que fazem filho e pai estão ótimos como os vilões da vez. Valem o filme (assim como Jennifer Aniston).

Outro dia, assisti Bem-Vindo à Vida, de 2012,  em DVD. Tinha perdido várias oportunidades de assistir o filme, mesmo  tendo uma de minhas atrizes preferidas, Michelle Pfeiffer, além de Chris, é claro. E me surpreendi com a bela e muitas vezes emocionante história de um vendedor (Chris) que descobre que tem uma irmã adulta (e um sobrinho) que ele nunca soube que existiam. Vale conhecer.

Semana passada, assisti a sessão para a  imprensa de Caminhos da Floresta. O filme, que é candidato ao Globo de Ouro, vai estrear somente em 29 de janeiro nos cinemas, mas já recomendo. Baseado num musical de grande sucesso na Broadway, mistura personagens de várias histórias infantis,  como João (do  pé de feijão), Rapunzel, Chapeuzinho Vermelho, além de Cinderela e seu príncipe (Chris). Desde já, posso dizer que ele faz seu papel com muito charme  e uma bela voz (quem diria que ele podia cantar tão bem?).

Ou seja há várias opções para os fãs de Chris Pine se deliciarem. Bom né?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *