fbpx

Fofos e divertidos, Os Pinguins de Madagascar chegam aos cinemas num filme só deles.

Não sou grande fã dos filmes da série Madagascar. Mas simplesmente adoro os Pinguins, personagens secundários que fizeram tanto sucesso, que chegaram a ganhar uma série de TV própria.  Agora estreia este fim de semana o seu primeiro filme para o cinema, chamado, é claro, de Os Pinguins de Madagascar. E eles não desapontaram. O filme é divertido não só para as crianças. Os adultos com certeza vão embarcar no humor inteligente, cheio de referências a cultura pop.

Nessa aventura ficamos sabendo como os pinguins chegaram ao zoológico de Nova York onde conheceram os outros animais de Madagascar. As imagens iniciais já haviam sido mostradas na Comic-Con de Nova York em outubro. São uma delícia. Ficamos sabendo como o Recruta, o mais fofo deles, se juntou ao grupo. Além disso, acompanhamos a aventura dos quatro para salvar o mundo do Dr. Otavius Brine, ou ninguém menos do que um antigo conhecido, o polvo Dave. No meio do caminho, Capitão, Kowalski, Rico e Recruta vão ter que juntar forças com uma agência de espiões, a Vento do Norte, liderada pelo Agente Secreto (tão secreto que nem se pode falar o nome. Rs.).

No original, as vozes de Agente Secreto e de Octavius Brine são feitas respectivamente por Benedict Cumberbatch e John Malkovich. Deve ser muito legal! Mas é bom ressaltar que a dublagem em português é ótima. Só que na sessão onde assisti ao filme, haviam algumas crianças pequenas. Num determinado momento, um dos personagens mencionou a palavra latrina. Uma menininha que estava assistindo falou em alto e bom som: “Mãe, o que é latrina?” Risadas não faltaram com esse momento de humor adicional! Só mais uma, no meio de tantas que o filme provoca.

Ah, tem uma cena adicional, no meio dos créditos finais. Aguarde, porque é bem engraçada!

Eliane Munhoz

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *