fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Conspiração e Poder é um filme indispensável. Ainda mais nos dias de hoje…

Na minha opinião, Cate Blanchett é a melhor da atriz da atualidade. Lembro que fiquei impressionadíssima quando a vi em seu primeiro papel de destaque em Elizabeth em 1998, e chocantemente perdeu o Oscar para Gwyneth Palthrow por Shakespeare Apaixonado. Desde então ela já ganhou dois – um de coadjuvante por O Aviador e um de atriz principal por Blue Jasmine. Ambos merecidos. Este ano ela concorreu novamente por Carol. Mas a indicação deveria ter sido por Conspiração e Poder, que estreou hoje nos cinemas.

O tema é um pouco complicado para os cinemas americanos, o que explica o fato do filme não ter ido bem de bilheteria. Assim como Spotlight, conta sobre a importância de uma investigação da imprensa num caso envolvendo os podres de políticos, nesse caso o presidente da república. O assunto parece conhecido? Pois é… por isso mesmo o filme é ainda mais obrigatório. É baseado em fatos reais, como descrito no livro da produtora da CBS, Mary Papes (Cate Blanchett), que juntamente com o âncora Dan Rather (Robert Redford), suspeita que o presidente George W. Bush foi um dos muitos jovens privilegiados que usou os seus contatos para não combater na Guerra do Vietnã. Armando uma exposição, os dois conseguem levar a história ao ar. Só que começa então uma guerra por parte do poder constituído numa tentativa de tirar o crédito das informações.  Pois é… No filme isso vai acabar abalando o emprego dos dois contratados da CBS, quase alterar as eleições e levar toda a CBS News abaixo.

O assunto cada vez mais se comprova atual. Para se ter uma ideia, a rede CBS, que era a rede que mostrou a matéria na época, não aceitou veicular comerciais promovendo o filme.  Me lembro vagamente do caso na época. Muitos questionam a posição de Mary Papes, mas a interpretação de Cate não deixa a menor dúvida de sua garra e busca pela verdade. Está simplesmente brilhante! Talvez uma das melhores atuações de sua carreira. Mais uma vez representando um jornalista na busca pela verdade contra um presidente (lembra de Todos os Homens do Presidente?), Robert Redford traz aquela dignidade dos grandes homens, como ele sempre soube fazer como ninguém. O elenco ainda tem outros nomes de peso como Dennis Quaid, Elisabeth Moss (de Mad Men), Stacy Keach, Dermot Mulroney e Topher Grace, entre outros.

É um filme importante, obrigatório para todos aqueles que gostam de histórias para entender o poder tanto da imprensa como de políticos. No final, acaba deixando uma certa revolta, um gosto amargo na boca. Mas também a certeza de ter visto um grande filme, com atuações poderosas.

Os verdadeiros Dan Rather e Mary Mapes conversam com Robert Redford no set de Conspiração e Poder

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Streaming

Hoje é dia de rock, bebê! O cinema já fez várias biografias de grandes nomes do rock. E nesse dia internacional do rock, aqui...

Streaming

Glen Powell é o cara que está em todas. Só nesse ano, teve três filmes super comentados. Todos Menos Você, Assassino por Acaso e...

Cinema

Um de meus filmes favoritos de desastre (um gênero que gosto muito) é Twister, de 1996. Acho que tem um roteiro arrumadinho, que consegue...

Cinema

As comédias românticas encontraram uma casa – e um público fiel – no streaming . Por isso, é interessante – e uma bem-vinda surpresa ...

Cinema

Já começo avisando que Maxxxine é a parte final de uma trilogia. Apesar de ter sido filmado em ordem diferente, cronologicamente ele começa com Pearl(...

Você também pode gostar de ler

Cinema

Há certos tipos de humor que, sinceramente, não consigo entender. Por exemplo, lembro-me de uma época em que Orange is the New Black era...

Streaming

Elisabeth Moss é uma daquelas atrizes que são ótimas em tudo que fazem. Ela foi premiada em Mad Men, The Handmaid’s Tale, e esteve...

Streaming

Todo mundo tem suas atrizes prediletas. E, ao fazer essa lista, percebi que todas as minha seis principais, são vencedoras de Oscars. Por isso,...

Streaming

Seven Soderbergh é um grande diretor que muitas vezes não tem o reconhecimento que merece. Mas continua dirigindo, produzindo (o último Magic Mike, por...

Streaming

Dennis Quaid anda numa fase onde tem feito muitos filmes que falam sobre crenças, religiões, fé, com um grande apelo familiar. É só pensar...

Cinema

365 dias, da Netflix, foi um grande sucesso na Netflix. O primeiro filme até tinha um certo atrativo, com cenas calientes, mas os outros...

Streaming

A Prime Vídeo anunciou seus lançamentos de abril –  e tem coisas que me deixaram bem interessada, como as novas séries Gêmeas: Mórbida Semelhança...

Premiações

Já faz tempo que eu e o Oscar não concordamos em muita coisa, rsrs. E esse ano, percebi que a coisa ia ser bem...