fbpx

Como o especial da Natal de Bill Murray lembrou que Miley Cyrus é uma grande cantora…

Ontem (4) foi disponibilizado na Netflix o especial de Natal A Very Murray Christmas. Dirigido por Sofia Coppola e estrelado por Bill Murray, o especial é muito divertido e tem todas aqueleas músicas de Natal que eu adoro. Mas não espere aquele sorriso aberto e inocente como a gente fica enquanto assiste a certos especiais e filmes de Natal. Não, aqui tem muito da ironia e sarcasmo do ator. Na verdade, houve momentos em que pensei que estava assistindo O Natal de Peter Venkman, já que Murray e seu personagem de Os Caça-Fantasmas se parecem tanto. Gostar ou não do especial depende se você gosta de Bill Murray. Eu gosto dele, tem boa voz, é divertido, mas ainda mais engraçado é ver que ele olha para o lado para claramente ler o que tem que falar (repare na cena do bar). Rs, mas ele pode!

Trata-se de um encontro de amigos, afinal, na história, Murray vai estrelar um programa de Natal ao vivo, com vários convidados especiais (a piada com o Papa é ótima) diretamente do Hotel Carlyle, em Nova York. O problema é que a cidade foi atingida pela maior nevasca de todos os tempos e ninguém consegue chegar. Com isso, Bill e o pianista Paul Shaeffer vêem a possibilidade cada vez mais assustadora de fazer o show sozinhos.

Além de George Clooney  e Chris Rock (milagrosamente divertido) fazendo eles mesmos, o especial traz ainda gente como Amy Poehler, como uma das agentes de Murray, Michael Cera como um  outro agente desbocado, Jason Schwartsman e Rashida Jones como um casal que brigou, a cantora Jewell (que é cunhada da diretora), Maya Rudolph, Jenny White, e Miley Cyrus.

Aliás, uma das coisas que mais me chamou a atenção foi ver um lado de Miley Cyrus, que eu desconhecia. Ela é muito mais do que performances chocantes, twerking, e músicas de baladas.  Dê só uma olhada  em sua interpretação de Silent Night. Só o piano e uma belíssima voz. Surpreendente!

https://www.youtube.com/watch?v=Io-fgDPm5go

E quase para terminar o divertido especial, Miley cantou junto com Bill Murray uma de minhas músicas favoritas de Natal, Let it Snow. Muito bom, mas o melhor foi George Clooney segurando as pernas de Miley com medo que o outro não aguentasse o peso. Outra coisa deliciosa do especial é ver como George incorpora seu lado Frank Sinatra, com direito a martínis e tudo mais. Com certeza, você vai dar um sorriso quase maroto, bem diferente dos que normalmente você dá em programas natalinos…

https://www.youtube.com/watch?v=y_DKWLyAGoU

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *