fbpx

Cantoras que viraram atrizes… que cantam!

Essa semana muita gente (inclusive eu) ficou surpresa com o anúncio que Camila Cabello (ex-Fifth Harmony) vai estrear no cinema já com o papel principal de uma nova versão de Cinderela. O filme será baseado em uma ideia de James Corden, e terá a direção de  Kay Cannon. Camila também estará envolvida na trilha sonora do filme. Ela é mais uma que , com uma carreira de sucesso como cantora, resolveu tentar a sorte no cinema.

Muitas já tentaram essa migração. Algumas deram muito certo, outras nem tanto. Afinal, para cada Lady Gaga, há uma Britney Spears. Então dê uma olhadinha em quem foi bem, e quem não foi, em uma lista abaixo

Lady Gaga

Vamos combinar que Lady Gaga sempre foi um personagem de Stefani Germanotta, seu nome verdadeiro. Então quando ela resolveu migrar para a carreira de atriz, deve ter sido bem fácil. Ela começou em pequenas participações em filmes como Machete Mata (2013) e Sin City: A Dama Fatal. Até que Ryan Murphy a chamou para fazer American Horror Story, e ela até ganhou o Globo de Ouro. Com Nasce uma Estrela, concorreu ao Oscar, e comprovou que pode ser uma boa atriz também!

Britney Spears

Britney já era uma super-estrela quando fez o papel principal de  Crossroads: Amigas para Sempre. Foi um fracasso e a coitada foi massacrada. Depois disso fez algumas participações como ela mesma em séries como Glee ou Jane the Virgin. Mas como atriz foram só mais dois: em Will & Grace e How I Met your Mother.

Mariah Carey

Mariah era já uma cantora de enorme sucesso quando fez uma pequena participação no filme Procura-se uma Noiva, com Reneé Zellweger. Mas dois anos depois, ela achou que estava pronta para fazer Glitter: O Brilho de uma estrela. Coitada, foi um desastre, ganhou até o Framboesa de Ouro. Só foi se redimir com uma excelente atuação, sem o menor glamour, em Preciosa, de 2009.

Rihanna

Rihanna estreou já como atriz em 2012, em Battleship: A Batalha dos Mares. Depois teve pequenas aparições como ela mesma em É o Fim (2013) e  como a Deusa da Lua em Annie (2014). Como grande fã da série Bates Motel, conseguiu a chance de fazer um papel clássico, o de Marion Crane, em Bates Motel, na última temporada. Em 2017, esteve em  Valerian e a Cidade dos Mil Planetas, que acabou sendo um grande fracasso. E no ano passado foi uma das estrelas de Oito Mulheres e um Segredo, com Sandra Bullock. Essa semana estreou um novo filme seu nos Estados Unidos, Guava Island, com Donald Glover.

Madonna

Ela já tinha estreado no cinema com um filme policial chamado Um Certo Sacrifício. Mas esse não conta pois ela ainda usava o nome Louise Ciccone. O primeiro filme como Madonna chegou em 1984: Procura-se Susan Desesperadamente. Depois veio Surpresa em Shangai, com seu então marido Sean Penn. No auge do início de sua carreira, fez também Quem é essa Garota? em 1987. Com esses dois últimos, levou o Framboesa de Ouro de pior atriz (ela também ganhou o “prêmio” de pior atriz do século). Mas esteve ótima em Dick Tracy (1990) e chegou a trabalhar com Woody Allen em Nebina e Sombras (1991).

Depois vieram Uma Equipe muito Especial (1992), e os mais fracos Corpo em Evidência e Olhos de Serpente, ambos de 1993. Com Evita (1996), sua melhor atuação, chegou a ganhar o Globo de Ouro. Desde então, não fez nada muito marcante como atriz, como Sobrou pra Você (2000) e o péssimo Destino Insólito, pelo qual levou novamente o troféu de pior atriz, empatada com… Britney Spears.

Beyoncé

Me lembro quando vi Beyoncé em sua estreia no cinema em Austin Powers e o Homem do Membro de Ouro em 2002. Ela tinha grande presença, como Foxxy Cleopatra, uma homenagem aos filmes de Pam Grier . Depois estava fofa em um comediazinha romântica que eu adoro, chamada Resistindo às Tentações, de 2003. Depois de A pantera Cor de rosa (2006), veio sua grande oportunidade, com a versão do musical, Dreamgirls: Em Busca de um Sonho, só que quem levou todos os prêmios foi Jennifer Hudson.

A seguir fez uma biografia de Etta James, Cadillac Records, e chegou a concorrer ao Globo de Ouro. Seu último filme como atriz foi Obsessiva, de 2009. E é bom lembrar que ela era a primeira escolha para Nasce uma Estrela, que acabou nas mãos de Lady Gaga, que ganhou vários prêmios e foi indicada ao Oscar. Esse ano Beyoncé fará a voz de Nahla na nova versão de O Rei Leão, que vai estrear em julho nos cinemas.

Cher

Cher começou na TV com uma série de variedades que apresentava ao lado do marido, Sonny Bono, chamado Sonny & Cher. Sua primeira grande chance no cinema aconteceu somente em Silkwood – Retrato de uma Coragem, de 1983, pelo qual foi indicada ao Oscar de coadjuvante e venceu o Globo de Ouro. Com o seguinte, Marcas do Destino, levou o prêmio de atriz no Festival de Cannes. Em 1987 teve grandes sucessos com Sob Suspeita, As Bruxas de Eastwick e Feitiço da Lua, que lhe rendeu o Oscar de atriz. Depois de Minha Mãe é uma Sereia (que eu adoro), Cher deixou o cinema um pouco de lado. Fez Chá com Mussolini (1999), Ligado em Você (2003) e Burlesque (2010). No ano passado, arrasou em Mamma Mia: Aqui vamos nós outra vez.

Mandy Moore

Mandy conseguiu seu primeiro sucesso como cantora, So Real, ainda bem novinha, com 15 anos. Depois de aparecer em Diário da Princesa (lembra?), ela ficou com o papel principal de Um Amor para Recordar. Foi um enorme sucesso. Depois disso, foram vários filmes como Curtindo a Liberdade (2004) e Romance e Cigarros (2005). Nesse mesmo ano, participou de Entourage. Em 2007, apareceu com Diane Keaton em Minha Mãe quer que eu case, em 2007. Logo veio sua participação em Grey’s Anatomy, além da dublagem de Enrolados da Disney. Vieram em seguida os filmes Medo Profundo e Mendes Sombrias. Está atualmente fazendo enorme sucesso como Rebecca em This is Us.

Queen Latifah

Queen Latifah era conhecida como a rainha do hip-hop, quando estreou como atriz em Febre da Selva (1991). Depois trabalhou em vários filmes, fez a série Living Single, mas a primeira vez que marquei seu rosto foi em O Colecionador de Ossos (1999). Quando fez Mamma Morton em Chicago, foi indicada ao Oscar. Ganhou o Globo de Ouro de melhor atriz pelo filme feito para a TV, Juntos pela Vida (2007). E também levou três SAG’s para casa,  como atriz de filme para TV por Juntos pela Vida e por Bessie (2015), além do prêmio para o elenco de Chicago (2002).

Jennifer Hudson

Logo em seu primeiro papel no cinema, em Dreamgirls:Em Busca de um Sonho, Jennifer Hudson ganhou o Oscar, o Globo de Ouro, o BAFTA e o SAG’s. Fez uma participação em Sex and the City: O Filme (2008) e foi também Winnie Mandela em Winnie (2013). Ainda esteve nas séries Smash e Empire. Esse ano será Grizzabella na versão do musical Cats para o cinema. Em seguida será Aretha Franklin na biografia da cantora, que se chamará Respect.

É claro que muitas mais. Dolly Parton, Janet Jackson, Diana Ross, Courtney Love, e é claro, Barbra Streisand. Isso sem contar os “meninos”, como Mark Wahlberg, Harry Conick Jr., Harry Styles, Ice Cube, David Bowie e até Will Smith.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *