fbpx

Anunciado o novo projeto de Angelina Jolie

data-srcset

Já faz algum tempo que Angelina Jolie revelou que prefere dirigir do que atuar. Depois de Invencível, disponível em DVD, ela já dirigiu  e roteirizou By the Sea,  programado para estrear no final do ano nos cinemas. Alguns dizem que o filme, onde ela e seu marido na vida real, Brad Pitt, fazem um casal que viaja pela França nos anos 70, seria sua última aparição como atriz. Eu acho pouco provável já que já foram anunciados projetos como Salt 2 e Malévola 2, e provavelmente vão oferecer um montão de dinheiro para que ela retome os papéis principais.

Cena de By the Sea

Mas por enquanto a novidade é que ela fechou um acordo com a Netflix esta semana para dirigir a adaptação de First They Killed My Father: A Daughter of Cambodia Remembers,  memórias da escritora e ativista de direitos humanos Loung Ung, que sobreviveu ao regime do Khmer Vermelho, no Camboja. O filme será disponibilizado no serviço de download no final de 2016 e deverá também ser inscrito em festivais de cinema.

A história começa em 1975, quando Loung Ung tinha cinco anos de idade e o Khmer Vermelho assumiu o poder no Camboja, dando início a quatro anos de terror e genocídio que sacrificaram a vida de dois milhões de cambojanos.  Retirada da casa de sua família em Phnom Penh, Ung foi treinada como soldada mirim em um campo para órfãos, enquanto seus seis irmãos foram enviados a campos de trabalhos forçados. Aqui é fácil perceber o que atraiu Angelina para essa história, em alguns momentos tão similar à Invencível. Ambos mostram que mesmo sob as mais terríveis circunstâncias, uma pessoa pode se manter forte, sem se curvar àqueles que tem mais poder. Também , outro fator é que  um de seus filhos, Maddox,  de 13 anos, foi adotado no Camboja. Ele inclusive fará parte da produção do filme.

Angelina e Maddox

Dez anos atrás, Angelina leu o livro, entrou em contato com Ung, e juntas o transformaram  em roteiro.“ Fiquei profundamente comovida com o livro de Loung. O relato ampliou a minha perspectiva de como crianças enfrentam uma guerra, de como elas são afetadas pela carga emocional do que viveram. Isso me aproximou do povo do Camboja, a terra natal de um dos meus filhos.É um sonho poder adaptar esse livro para a tela.”

A produção de First They Killed My Father terá início no final deste ano no Camboja, antes de Angelina começar a dirigir Africa, filme que acompanha as décadas de luta do Dr. Richard Leakey  (há rumores que Brad fará o papel) para livrar a África do comércio ilegal de animais selvagens. As filmagens de Africa foram inclusive adiadas para acomodar a finalização do roteiro e alinhar todos os elementos de produção.

style
style

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *