fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

Amigos para Sempre é um refilmagem que funciona – e bem!

Você provavelmente já deve ter visto alguma vez o filme Intocáveis. Não, não o do Kevin Costner, mas o filme francês estrelado por Omar Sy e François Cluzet. Ele contava a história de um aristocrata que fica paraplégico e contrata um cara sem experiência para cuidar dele no dia a dia. Intocáveis foi um dos maiores sucessos do cinema francês no mundo inteiro, inclusive no Brasil. Agora, fizeram uma refilmagem nos Estados Unidos, com Bryan Cranston e Kevin Hart nos papéis principais, com o nome de Amigos para Sempre. O filme estreou hoje aqui no Brasil, depois de ter surpreendido positivamente nas bilheterias americanas no último fim de semana.

A história

O princípio da história é basicamente o mesmo. Um homem muito rico, autor de livros famoso, fica paraplégico após um acidente e resolve contratar um rapaz para cuidar dele no dia a dia. O jeito extrovertido e divertido do segundo acaba conquistando a confiança do milionário, o que vai mudar a vida de ambos para sempre. A grande diferença aqui fica por conta dos papeis femininos. Nicole Kidman, como a secretária/assistente/amiga tem um papel muito maior do que sua correspondente francesa. E o filme ainda tem a participação especial – somente durante uma, entretanto maravilhosa, cena –  de Julianna Margulies, como a mulher com quem o milionário se corresponde. Essas duas proporcionarão um final diferente do que o do filme francês.

A opinião

Muita gente tem preconceito com essas refilmagens americanas de filmes do resto do mundo. Na maioria das vezes é isso mesmo, puro preconceito. Algumas são, é claro, bem ruins, mas outras, como é o caso de Amigos para Sempre, podem até ser superiores em vários momentos. Aqui, Bryan Cranston e Nicole fazem a diferença. Atores ótimos proporcionam várias cenas divertidas – e outras bem dramáticas – que fazem com que o filme seja extremamente interessante.

O único ponto contra é Kevin Hart entrando no lugar de Oma Sy. Isso faz uma grande diferença. Não que Kevin esteja ruim, mas é que na comparação com Omar, ele perde de longe. Só que isso não chega a ser um problema para Amigos para Sempre. O filme se segura bem, e nos deixa com um sorriso no rosto ao final da história. E, pensando bem, não é esse um dos objetivos do cinema? Então deixe qualquer possível preconceito de lado, e vá se divertir – e se emocionar – com essa história tão bonita.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de ler

Streaming

Talvez muita gente hoje não saiba quem são Lucille Ball e Desi Arnaz. Mas Being the Ricardos/ Apresentando os Ricardos , que estreou nessa...

Streaming

Muito bom voltar a fazer o vídeo da semana depois da viagem. Perdi alguns filmes como King Richard, mas deu tempo de chegar para...

Premiações

O pessoal que é responsável pelo Critics Choice está com certeza aproveitando todas as oportunidades para assumir a relevância que antes era do Globo...

Cinema

Mesmo com seu 69 anos, Liam Neeson não para de trabalhar. Ele já anunciou que não quer fazer mais filmes de ação, porque realmente...

Cinema

Já faz muito tempo que o Brasil tenta, tenta, e não chega lá entre os finalistas do Oscar. A última vez foi no século...

Cinema

Muita coisa boa chegando no streaming e no cinema. Começando pelo cinema, eu já aviso que sou mega fã dos dois filmes dos Caça-Fantasmas...

Cinema

Os dois filmes de Caça-Fantasmas, produzidos nos anos 80, são divertidos e deliciosos companheiros de tardes de toda uma geração. Atualmente estão disponíveis no...

Cinema

Tenho uma certa dificuldade de lidar com gente que fala demais. Daquele tipo que adora ouvir sua própria voz, sabe como é? Então para...