fbpx
Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cinema

A genialidade e os probleminhas de Dois Papas

A vida do Papa Francisco já tinha sido tema de um ou dois filmes. Mas, com Dois Papas, que estreou ontem (20) na Netflix, ele chega com a grife do diretor Fernando Meirelles. Isso além dos talentos de Anthony Hopkins e Jonathan Pryce nos papéis principais. O tema principal é a relação entre Francisco e o outro Papa, Bento XVI. As cenas entre homens tão diferentes são brilhantes. O filme em si, nem tanto.

O princípio é  a história dos bastidores de uma transição dramática de poder na igreja católica, inspirada em conhecidos fatos reais. Tudo começa com a morte de João Paulo II, e a consequente campanha para escolher o seu sucessor. O cardeal Ratzinger (Anthony Hopkins) é o vencedor – se tornando Bento XVI – , mas em segundo lugar ficou o cardeal Bergoglio (Jonathan Pryce). Esse fato também ajuda a criar um certo clima entre dois homens, que têm pensamentos muito diferentes sobre a religião. Só, que , um tempo depois,  Bergoglio está frustrado com os rumos da direção da igreja católica. Isso o leva a enviar ao Papa o pedido de permissão para se aposentar. As discussões entre ambos irão definir um novo tempo para a igreja.

A ideia de ver duas horas de dois velhinhos discutindo os rumos da religião não parece ter grande apelo. Mas com diálogos incríveis, e ainda as atuações de Pryce e Hopkins, ele se torna um grande entretenimento. Tanto que o filme está concorrendo a alguns prêmios no Globo de Ouro e no Critics Choice. Mas ele têm alguns problemas. Os principais deles são os flashbacks sobre a história de Bergoglio, como sua decisão de se tornar padre e seu papel durante a ditadura argentina. Isso impacta negativamente a estrutura e o ritmo do filme.

Os Dois Papas

Mas quando você assiste Dois Papas, o que interessa mesmo é ver Pryce e Hopkins. Difícil dizer qual dos dois está melhor. Com sotaque alemão, e tiques do papa Ratzinger, Hopkins é mais “vistoso”. Mas a doçura de Pryce não fica atrás. O ator está se especializando em grandes figuras argentinas (lembra que ele foi Peron em Evita?). E como Bergoglio ele está simplesmente gigante. Com esses dois, a gente até perdoa os probleminhas da estrutura do roteiro.

 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Streaming

Eu não conhecia o romance Um Cavalheiro em Moscou. Mas me interessei pela adaptação na série do mesmo nome, que estreou ontem (17) no...

Cinema

Filmes de fantasia, que pretendem atingir crianças e adultos, podem acertar no tom, ou não. Várias versões erraram no tom. É o caso de...

Streaming

Bridgerton é uma delícia. Gosto muito das duas primeiras temporadas. A primeira tem cenas bem quentes, a segunda é mais sensual, com um jogo...

Cinema

Admiro muito as canções de Amy Winehouse. E, como sempre, fico triste de ver gente com tanto talento que acaba não conseguindo suportar o...

Cinema

Há uma infinidade de filmes de terror sobre grupos de jovens que se juntam em algum lugar e resolvem mexer com coisas que não...

Você também pode gostar de ler

Streaming

Provavelmente você já ouviu falar da minissérie inglesa Bebê Rena, que está na Netflix. Muita gente tem me perguntado sobre ela nas redes sociais...

Streaming

Sabe aquela situação em que você acompanha filmes e séries que tem uma certa similaridade? Pois foi o que aconteceu com meu amigo José...

Streaming

Há muito tempo, eu assisti o filme clássico francês O Salário do Medo. Dirigido por Henri Georges Clouzot, tinha Yves Montand no papel principal....

Streaming

D.B. Weiss e David Benioff são os criadores da mais grandiosa serie que já vi na TV, Game of Thrones. Então quando li que...

Cinema

A gente não conhece nem uma parte desses grandes heróis que mudaram a história, salvando tantas pessoas durante várias guerras. E Hollywood, ainda bem,...

Moda

A Temporada de Premiações terminou – e Margot Robbie não ai usar mais rosa, rsrs. E como eu acompanhei de perto cada um dos...

Premiações

A maioria das premiações do Critics Choice foi um tanto óbvia como já vem se desenhando há algum tempo. Oppenheimer, Succession, The Bear e...

Moda

O vestido preto nada básico dominou o Critics Choice Awards. Também várias optaram pelo branco. Mas os looks vermelhos foram os mais lindos. Já...